Sobre mim

Olá, sou Patrícia Kalil e vivo na Sicília desde 2007. Sou graduada em Administração pela Universidade do Estado da Bahia e formada em língua e cultura italiana pela Associação Italia Amica de Salvador-BA.

 

Sempre fui apaixonada por viagens, turismo e hospitalidade, tanto que acabei endereçando minha gradução para esta área, estudando todas as matérias optativas ligadas setor turístico que meu curso disponibilizava. Além disso, era a “agente de viagens” de casa e dos amigos. Comecei a traduzir do italiano para o português em 2004, era uma das funções do meu cargo no meu primeiro emprego, e desde que me mudei para a Itália comecei a trabalhar como tradutora freelance.

 

Em 2014 decidi criar o Descobrindo a Sicília porque me dei conta do quanto esta região é pouco conhecida e nem tanto procurada pelos turistas brasileiros. Caminhando pelas ruas das metas turísticas, ouço vários idiomas diferentes, mas raramente escuto português. Além disso, quando as pessoas me perguntam onde moro e eu respondo, “na Sicília”, 9 a cada 10 vezes ouço: “hum... máfia...”. Não gente, não. Chega de estereótipos!

 

Com o passar do tempo, o blog cresceu e acabou virando um verdadeiro site de viagens sobre a Sicília. Consequentemente, me tornei uma profissional autônoma (com cadastro de pessoa jurídica na Itália) e o que inicialmente era um hobby, acabou se tornando meu trabalho a tempo integral.

 

Ah, desde 2015 sou também uma das autoras do Itália Para Brasileiros!

 

Leia meus textos publicados em outros sites:

 

Entre em contato!





Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Assunto / Oggetto

Mensagem / Messaggio

43 Mensagens

  1. Oi Patricia!! Estou adorando seu blog. Ficarei em Malta com meu esposo as 3 primeiras semanas de abril, estudando. Terei um fim de semana para ir pra Sicilia. Queremos muito conhecer o Etna. Pode sugerir o que e como fazer, quais cidades da pra conhecer, etc??
    Vale a pena alugar carro ou teria alguma agencia de viagens??

    Obrigada desde ja

    Carol

  2. Olá Patricia!

    Conheci a Sicília em maio de 2008, eu e meu marido demos a volta na ilha, mes tivemos que deixar ENNA fora do nosso circuito, me apaixonei pela história, pelo povo simples, em Setembro de 2015 pretendemos voltar e ficar alguns dias em Taormina a qual nos apaixonamos e então conhecer ENNA, qual a sua dica para conhecer os arredores de Taormina??
    obs: acabei de indicar o seu blog para a minha professora de Italiano, pois estamos estudando os costumes e culinaria da Sicilia, posta uma receita para nós???abraços e sucesso para voce sempre.

    • Oi Marivane,

      Imagino quantas belas recordações você deve ter da Sicília!
      Olha só, eu até gostaria de postar receitas, mas eu acabaria fugindo do tema do blog. Eu tô pensando em abrir uma sessão em uma das redes sociais e fazer isso lá, como no Facebook ou no Pinterest.
      Muitissimo obrigada pelo seu comentario e por ter indicado o blog à sua professora.
      Un bacione!
      Patricia

  3. Juliana Luzio

    Olá Patricia!!!
    Primeiro é impossível deixar de agradecer esse blog cheio de dicas turisticas e gastronomicas, estou adorando. Muuuuito obrigada!
    Eu e meu marido pretendemos ficar 20 dias na Sicilia, queremos alugar um carro e rodar, conhecer e saborear tudo que for possível rsrsrsr. Provavelmente no período de 22/12/14 a 11/01/15 e por isso te escrevo, li suas dicas de outros comentários, mas confesso que estou com um pouco de dificuldade de saber montar a minha viagem, por exemplo quais seriam as melhores cidades para ficarmos e quantos dias seria bom em cada uma delas? Por mais que olhe no mapa e tenha uma idéia de distância tá difícil identificar pontos estratégicos de parada para conseguirmos aproveitar bem o tempo.
    Outra dúvida é sobre as estradas e os carros, vc acha que é tranquilo viajar de carro pelas estradas e principalmente entrar nas cidades e conseguir estacionar? Me disseram pra alugar o menor carro possível e que carros grandes serão um problema, você concorda com isso?
    Ontem estava pesquisando voos e achei bem complicado chegar ai, os voos são com escalas e em torno de 21 a 23 horas, você tem alguma sugestão de melhor rota aérea???
    Bom acho que te enchi de perguntas, me desculpe, mas estou ansiosa e empolgada srsrrsr

    Abraços,Juliana

  4. Wagner Montanari

    Patricia, por favor considere este roteiro e me diga se faz sentido para o mês de Junho15.

    > Chegando por Catania, com destino para Siracusa de carro, conhecendo também Noto, Ragusa e Modica (03 noites).
    > Partindo de Siracusa, conhecendo Catania e seguindo para hotel em Taormina e região (+03 noites)
    > Nesta viagem ficaríamos restritos ao Mediterrâneo, portanto não havendo deslocando para as regiões de Agrigento , Palermo e Cefalù.

    Você teria algumas sugestões de cidades ou lugares , nesta região especifica , a serem visitados no intervalo de 07 noites ??

    NOTA: sairemos da Sicília de carro, com destino a Puglia , passando por Messina.

    Atenciosamente.
    Wagner Montanari

    • Oi Wagner, já que você não pretende se deslocar para outras áreas da Sicília, poderar se dedicar com calma à descoberta das cidadezinhas nos arredores de Catânia e Taormina. Quando você diz sete noites, são essas que vc citou, certo? Ou são sete a mais? (não entendi bem).
      Sugiro uma excursão ao Etna, passando pelas cidadezinhas que ficam nas encostas, com uma parada para degustação em alguma vinícola.
      Outro lugar interessante são os burgos de Savoca e Forza D’Agrò, próximo a Taormina.
      Eu poderia ficar aqui enumerando cidades, mas acho que sua viagem ficaria bastante corrida. Esse seu roteiro está ótimo e bem distribuído.
      Um abraço,
      Patricia

      • Wagner Montanari

        Patricia,

        Me perdoe pois só agora acusei o recebimento desta sua mensagem.

        O nosso plano é o de chegar por Catania e seguir para Siracusa ( base para 03 noites) e visitar a região, depois com destino a Taormina (base para +04 noites), fazendo o Etna e as cidades próximas. Portanto teremos 07 noites na Sicilia.

        Me diga, o programa está adequado para o mês de Setembro.15 ??

        Agradeço a sua valorosa colaboração e Muito Obrigado

        Wagner Montanari

        • Está perfeito, Wagner. Um roteiro tranquilo, com uma boa divisão das cidades e ótima escolha das bases, inclusive para visitar as praias, se desejar.

          Um abraço,

          Patricia

  5. Lu Saindo Pelo Mundo

    Oi Patricia, estou adorando seu blog, descobri ele a pouco tempo, apesar de eu ja esta morando a quase 01 dessa vez na Sicilia, ja morei em vezes anteriores, mas por tempo bem menores de 02 e de 03 meses em anos anteriores, pois assim como voce também sou uma apaixonada pelo velho mundo, e ja conheço bastante coisa aqui na regiao, mas depois que li seu blog é que vi que ainda falta muito pra conhecer, mas tem lugares que ja fui, mas somente aqui reconheci os fatos historicos que voce cita e que eu nao tinha “ligado o nome a pessoa” mas ja me ajudou a fazer a programaçoes de viagens essa semana pela regiao, pois também estou morandoem Catania. E voce mora em que cidade? Gostaria de te adicionar no facebook para quem sabe termos um contato maior virtual, ja que ainda nao tenho muitas amizades por aqui, Mas desde ja estou amando suas dicas, vou a Noto esse final de semana motivada pelo seu blog. Voce ja esteve em Cefalu, estive la a duas semanas atras e fiquei encantada. Beijao

  6. Paulo Fernando Cavalin

    Oi Patricia, parabéns pela beleza do seu blog. Gostaria de pedir ajuda no sentido de que possas me indicar uma agência de viagens/pessoa que fale português para me guiar em uma visita a Vila Romana Del Casale . Antecipademente, obrigado

  7. Carlos Maciel

    Boa tarde Patricia,
    Sou português e estou pensando visitar a Sicilia na 2ª quinzena de Setembro, estou planeando ficar de 4 a 6 dias. Pretendo conhecer a ilha naquilo que de + bonito tem( interesso-me pela a parte histórica)
    Não quero alugar carro quero usar excursões organizadas por operadores locais ( de preferência com a duração de 1 dia). Sendo assim peço-lhe o favor de me informar do seguinte:

    1. Melhor opção para o aeroporto de entrada( em principio poço optar por Palermo ou Catânia).

    2.Disponibilidade de oferta por operadores locais para estas visitas ( site com horários e preços seria 1 informação muito bem vinda) . Será melhor optar por 1 excursão organizada ( prefiro) ou então usar 1 BUS e ir por minha conta?.
    Os hoteis comercializam estes pacotes?

    Muito obrigado pela sua atenção

    Carlos Maciel

    • Olá Carlos,
      Não sei porque seu comentário foi parar na pasta de spam. Somente o vi hoje.
      A escolha do aeroporto de entrada depende fundamentalmente das cidades que você gostaria de conhecer. Se opta por Taormina, Siracusa e cidades do Val di Noto, por exemplo, o aeroporto indicado é o de Catania. Se ao invés decide por aquelas do oeste da Sicília, o aeroporto é o de Palermo. A minha dica, caso você queira conhecer cidades em diferentes partes da Sicília, é que você chegue por um aeroporto e saia por outro.
      Inúmeras agências propõem passeios organizados e certamente seu hotel terá aquelas com as quais trabalha. Só para dar um exemplo, existe a http://www.sicilying.com, a http://www.sicily4seasons.com/, a http://www.sicilianexperience.com/.
      Com a excursão organizada, certamente você poderá ver mais coisas em menos tempo. Além disso, nem todas as localidades da Sicília (principalmente as cidades pequenas) possuem transporte público eficiente, o que acabaria dificultanto um pouco mais sua viagem.

      Espero ter ajudado!

      Patricia

  8. Obrigada por suas dicas, Patricia. Como estaremos com as crianças pensamos em ficar em poucas cidades para evitar a troca de hotel, vc acha que seria possível fazer passeios de um dia a essas cidades que vc sugeriu partindo de Agrigento ou Palermo e Siracusa?
    Queríamos tb alugar uma casa em Taormina, vc sugere algum site?
    Muito obrigada mais uma vez,
    Andreia

    • Oi Andreia, entendi e dá para fazer sim passeios de um dia até aquelas cidades. De Palermo é possível ir para Cefalu, Erice e Marsala, por exemplo, e de Siracusa para as cidades barrocas do Val di Noto, que são Modica, Ragusa e Noto. Modica e Ragusa ficam pertinho uma da outra, daria para visitar as duas no mesmo dia. Como você tem bastante tempo, vai dar para fazer tudo com calma e sem correria.
      O site que sugiro para aluguel de casas é o http://www.airbnb.com.
      Um abraço,
      Patricia

  9. Oi Patricia,
    Adorei o seu blog, tem me ajudado muito a organizar minha viagem. Obrigada!
    Vou para a Sicilia com meu filho de 5 anos e minha filha de 6/7 meses entre dezembro e janeiro.
    Temos 15 dias e pensei em ficar 2 dias em Palermo, 7 dias em Taormina, 3 dias em Agrigento e 3 dias em Siracusa.
    Vc acha que esta divisão está boa?
    Vc teria alguma dica para se fazer com criança ou acha que alguma outra cidade como base seria mais adequada para elas?
    Não consegui achar nenhum blog sobre Sicilia com crianças!!!
    Desde já agradeço,
    ANDREIA

    • Oi Andreia,

      Visto que você vai ficar 15 dias na Sicília, acho que poderia aproveitar para incluir outras áreas, como o sudeste e o oeste. Na minha opinião 7 dias em Taormina e 3 em Agrigento são muitos. No máximo dois dias em Agrigento e 5 em Taormina estariam ótimos. Desta forma, você teria tempo para conhecer, quem sabe, Erice e Marsala, no oeste da Sicília, e cidades como Modica e Ragusa, no sudeste. É uma sugestão 🙂
      Eu não tenho filhos, mas as famílias sicilianas com crianças adoram passear pelas cidades e fazer piquenique. Agora não me vem em mente uma atividade especial para fazer com crianças, mas eu vou dar uma pesquisada e depois entro em contato com você, tá bom? De qualquer forma, se você manter essas cidades que escolheu como base, são muito adequadas para passear com crianças.
      Você não encontrou nenhum blog sobre a Sicília com crianças porque não existem!
      Um abraço,
      Patricia

  10. Ah, Patrícia, DUVIDO que seja sem graça! Acho que na Itália, aqui na França e em muitos países por aí, não existe cidade sem graça 🙂 Na próxima ida, a Sicília não me escapa… Foi duro ver o Etna de longe e não poder ir lá , rsrs
    Um beijo, Renata

  11. Oi Patrícia, estou adorando seu blog. Fui pra Calábria, mas não deu para ir a Sicília. Agora sinto que TENHO que completar essa viagem 🙂 Parabéns! Bom, serei xereta, mas vc mora em que cidade da Sicília? Um beijão

    • Oi Renata, obrigada pela visita! 🙂
      Imagina, xereta nada! Eu moro em Lentini, uma cidade pequena e sem graça que fica entre Catânia e Siracusa, na costa leste.
      A Itália é toda linda, é muita coisa para pouco tempo!
      Beijos,
      Patricia

  12. katia rebello

    Fiquei encantada com seu blog! Estou pensando em viajar em janeiro com meu maridoe filhos (19,15,e,12 anos) pela Italia. Pensamos na Sicilia por conta do clima. Temos tempo e gostariamos de fazer uma viagem sem correrias mas que não fosse muito lenta para não entediar os “jovens”. Agradeceria muitissimo uma sugestão sua de itinerario.

    • Olá Katia

      Que bom que gostou de blog. Bem, como você deve saber, o inverno na Sicília é mais ameno do que no norte da Itália e neva praticamente só nas localidades montanhosas, porém faz sempre frio! Um itinerário ideal em janeiro é aquele com foco nas áreas urbanas e sítios arqueológicos. Você não disse quantos dias irá passar, mas minhas sugestões de cidades são Palermo, Taormina, Siracusa, o Vale dos Templos de Agrigento e, se quiser ver um pouco de neve, um passeio ao Etna também!
      Um abraço,
      Patricia

      • Katia Rebello

        Que presteza em responder! Vc é mesmo o máximo! Nao temos um número de dias definidos. Podem ser 25, 20. Pretendemos alugar um carro. Você acha que o litoral nao vale a pena nem pela vista? As tais ilhas… Os passeios de barco nao existem nessa época? Queria dar uma variada nas atividades para nao entediar os jovens entende?

        • Oi Katia, em 20 dias você consegue até dar a volta na ilha! 🙂
          Olha, os passeios de barco às ilhas menores geralmente acontecem somente no período de maio a setembro, mas é claro que você pode passear pelo litoral e, se for um dia bonito, você encontrará pessoas tomando sol ou fazendo piquenique. Em Isola Bella (Taormina) ou em Cefalù, por exemplo, vai ter sempre gente curtindo a praia, mesmo coberta da cabeça aos pés.
          A Sicília no inverno oferece mais itinerários culturais, mas as cidades são cheias de vida e não acho que os jovens irão se entediar. Há cidades para todos os gostos, dos burgos medievais às caóticas Catania e Palermo. Tenho certeza que daqui pra lá você irá encontrar lugares bastante interessantes para visitar.
          Um abraço,
          Patricia

  13. Fernando Jorge

    Obrigado pela ajuda Patricia… entendi a questão de praia, não sei se chego a me lamentar porque se têm dezenas de outras opções para se fazer e conhecer por aí haha só é uma pena porque meus três dias na ilha seria visando relaxar e desacelerar (no modo siciliano rs) depois de um mochilão pelo Egito.

    Ótima idéia o post sobre filmes, tenho um carinho especial pelo Cinema Paradiso, acho que ele captura bem a alma siciliana (pelo menos os sicilianos que já conheci por aí rs) e me fez adorar e ter desejo de conhecer a Sicília. Sou ligado em filmes e muitas vezes já me inspiraram á fazer uma viagem.

    Então aguardo o seu post! Abraço!

  14. Fernando Jorge

    Oi Patricia, primeiramente parabéns pelo blog!

    E desculpa por te “alugar” mas eu gostaria de te pedir uma informação; darei um pulo na Sicília nos três primeiros dias de Novembro e estava pensando ficando em ficar em San Vito Lo Capo, você acha que dá praia nos primeiros dias de Novembro?

    Outra coisa; estava lendo o seu post sobre o Poderoso Chefão e ia te perguntar se você já assistiu Cinema Paradiso e já visitou Palazzo Adriano (locações do filme)?

    De novo, desculpa o aborrecimento e desde já obrigado!

    • Oi Fernando!
      Sou eu quem agradeço a visita e o interesse! Veja bem, não dá exatamente para dizer se vai dar praia ou não, porque o clima da Sicília é imprevisível, mas a probabilidade maior é que a temperatura seja de cerca 20º, portanto não adequada para a praia. Você pode sim fazer um passeio, curtir a paisagem, fazer um piquenique, mas duvido que consiga tomar um banho de mar porque a água estará gelada!

      Já assisti a Cinema Paradiso, mas ainda não conheço Palazzo Adriano. O curioso é que estou escrevendo uma postagem sobre os filmes gravados na Sicília e que publicarei em breve!

      Um abraço,

      Patricia

  15. Patricia
    vou para Sicilia com meu marido e meu pai.
    Ja li seu blog muitas vezes e em cada lida fico mais deslumbrada.
    abraços
    maria

  16. Ricardo Amorim

    Obrigado pelas dicas Patricia. abs, Ricardo #partiusicilia

  17. Ricardo Amorim

    Oi Patricia, boa tarde! Eu e minha esposa ficaremos 8 noites (7 dias) na Sicília em Setembro próximo. Nosso vôo chega em Catánia na manhã de 10/09 (4af) e parte tbém de lá no final da tarde de 17/09 (4af). Seu blog tem muitas dicas legais! Gostaria de sua opinião em relação às cidades que devemos pernoitar e regiões à visitar, uma vez que 7 dias não é muito tempo e não gostamos de correria na viagem. O que a Sicília pode nos oferecer de mais imperdível em 7 dias? Considerando que adoramos praia, mar, ilhas, lugares pitorescos e charmosos (…mais do que escaladas escaldantes de 1 dia ao topo do Etna no verão ou longas caminhadas sobre ruínas, ruínas, ruinas…kkkkkk). A princípio, pensei na costa mais ao norte da ilha (Catania, Taormina, Ilhas Eólias…) e costa oeste (Palermo, San Vito Lo Capo, Trapani, Marsala…). O que acha de Siracusa e Agrigento (mais ao sul) vs. os locais que mencionei? Alugaremos um carro durante toda a semana para ganharmos tempo e mobilidade. Emfim, Muito Obrigado!! abs, Ricardo.

    • Olá Ricardo!
      Pelo que entendi você prefere uma viagem bem tranquila, seguindo o lema do famoso “dolce far niente” italiano. Bem, se é assim você tem razão em preferir Taormina/Ilhas Eólias, mas no que se refere à costa eu pessoalmente desaconselho, por um único motivo: você chega e sai por Catânia e a distância de lá até a costa oeste é considerável. Você desperdiçaria muito tempo na estrada e acabaria fazendo uma viagem corrida, coisa que você disse que não gosta.
      Um exemplo de itinerário tranquilo é o seguinte: chegando em Catânia você pode ir diretamente para Siracusa e passar lá uma ou duas noites. O centro histórico é uma graça, tem praia e você pode usar a cidade como base para conhecer Noto (30km).
      De Siracusa você pode então prosseguir para Taormina e ficar lá outras duas noites. Cidade mais charmosa que Taormina não há. De lá você pode ir para a cidade de Milazzo, de onde partem as embarcações para as ilhas. Setembro é um mês ótimo para conhecer as ilhas Eólias, pois a muvuca do verão já passou. Escolha uma das ilhas como base, Lipari por exemplo, para conhecer as outras por meio de excursões.
      Nisso tudo seus 7 dias na Sicília já chegaram ao fim. Se sobrar um tempinho, aproveite também para conhecer o centro histórico de Catânia. A cidade é meio caótica, mas no fim das contas é a alma da Sicília!
      Espero ter ajudado!
      Um abraço,
      Patricia

      • Ricardo Amorim

        Patricia, as ilhas eólias podem ser conhecidas num unico dia ou devo me hospedar 1 noite numa delas pra conhecer as demais? Vale a pena investir mais que 1 dia nas eólias? Taormina certamente tem que ser visitada…Qual sua opinião entre a sua sugestão de costa LESTE (Siracusa, Catania, Taormina, Eólias) vs. costa OESTE (tipo, chegada no aeroporto de Catania direto para Palermo – 2h de carro pra mim é tranquilo + passar as 3 primeiras noites entre Palermo e Marsala, e depois seguir de carro direto pra passar 3 noites finais em Taormina (neste caso, excluiríamos as Eólias)? Obrigado novamente, Ricardo.

        • Eu achei que você queria passar mais tempo nas ilhas! Se você não quiser perder tempo, pode fazer um minicruzeiro. Várias agências propõem excursões de um dia pelas ilhas Eólias, inclusive saindo de Taormina.
          Você disse anteriormente que não queria fazer uma viagem corrida. Na minha opinião, se incluir Marsala no itinerário vai acabar ficando corrido mesmo. Até Palermo ok, mas de lá para Marsala são mais 1h30 de viagem. Na volta, de Marsala para Taormina, seriam outras 4h. Por outro lado, a vantagem de conhecer a costa oeste é que você vê duas Sicilias diferentes, a beleza barroca do leste e a árabe do oeste.

          Escolher entre um itinerário e outro é só mesmo questão de gosto pessoal. Eu tenho uma quedinha pelas cidades do sudeste da Sicília, as cidades barrocas do Val di Noto: Ragusa, Modica, Noto e Siracusa, sou meio suspeita para falar. Na costa sudeste há praias lindíssimas que não deixam nada a desejar.

          Cabe a você colocar tudo na ponta do lápis e decidir se realmente vale a pena visitar a costa oeste. É melhor uma viagem “on the road” para ver mais coisas no menor tempo possível ou uma com um ritmo mais tranquilo, aproveitando ao máximo cada lugar?

  18. Oi Patricia!
    Tenho acompanhado seu blog. Parabéns! Adoro a Itália, vamos todo ano para lugares distintos. Em 2015 já agendamos uma viagem para Sicilia. Ano passado, passamos rápidamente ( viagem de návio) fomos ao Etna e Taormina, mas não conta, foi muito corrido. Agora ficaremos pelo menos 10 dias na Sicilia de ( 20 de maio até 02 de junho). Gostaria de saber sobre o tempo e o que é imperdivel, claro que é pouco tempo mas já é alguma coisa. Sempre poderemos voltar.
    Um abraço, e obrigado,
    Eliete

    • Oi Eliete!
      Obrigada por seu comentário. Quando você fala “tempo” se refere às condições climáticas ou ao período de estadia? Não entendi direito rsrs. Se a sua dúvida é em relação à meteorologia, o tempo na Sicília entre o fim de maio e início de junho é ótimo, não faz muito calor, dá para tomar banho de mar, uma maravilha.
      Dizer o que o é imperdível é bem complicado, porque aí os 10 dias não dariam para nada. Mas visto que você já esteve em Taormina e no Etna, pode focar uma parte da sua viagem no oeste da Sicília e conhecer Palermo, Castellamare del Golfo e Erice, por exemplo e a outra parte no sul/sudeste, visitando o Vale dos Templos de Agrigento, as cidades barrocas do Val di Noto e Siracusa. Seguindo este tipo de itinerário, você pode chegar por Palermo e sair por Catânia, ou vice-versa.
      Qualquer dúvida é só perguntar!
      Um abraço,
      Patricia

  19. Olá Patricia! Estou buscando um destino para passar Natal com a família, mas embora a Europa seja nosso destino preferido, este ano, gostaríamos de um lugar onde o inverno não fosse tão rigoroso.
    Como é o clima na Sicília esta época do ano? Vale a pena ir ou perdemos muito em função das baixas temperaturas prejudicarem o visual?
    Desde já, agradeço sua atenção e ajuda.

    • Olá Carmen!
      O inverno na Sicília é bem menos rigoroso do que no norte da Itália. Para você ter uma ideia, neve por aqui é coisa rara, só mesmo no topo das montanhas! Já passei 7 invernos aqui na Sicília e cada um foi diferente do outro. Em uns fez bastante frio (entre 0 e 10 graus), em outros mal parecia que era inverno! Não acho que as baixas temperaturas prejudiquem o visual. É claro que você não vai poder curtir as praias sicilianas, mas seu passeio pelos sitios arqueologicos e pelas cidades será bem agradavel, sem ter que lidar com a multidão que toma conta da Sicilia no verão.
      Um abraço!
      Patricia

  20. Patricia, morei em Catania por 6 meses em 2012, casei, entravidei e voltei com tantas insegurancas para SP, crise, filho, distancia da familia etc… Confesso que hj me sinto arrependidissima desse golpe de fraqueza e sinto muita saudade desse paraiso, Mas me diga uma coisa, vc que e brasileira come ti trovi con lavoro?

    • Oi Bruna,
      Como você bem deve saber, a Sicília não é o paraíso para os trabalhadores. A coisa tá difícil para os sicilianos, então imagina para os estrangeiros! Eu literalmente parei de procurar emprego, porque me chateava a cada vez que me negavam uma oportunidade. Estudei tanto, para que? Eu não tenho um trabalho fixo, trabalho como tradutora freelance italiano-português-italiano, algo que eu já fazia quando morava no Brasil, mas se eu tivesse que viver disso, estaria passando fome. Todas as outras brasileiras que conheço por aqui também tiveram muita dificuldade com trabalho, algumas conseguiram empregos mais humildes, outras passaram a se dedicar unicamente à família, outras conseguiram algo melhor porque “alguém indicou”.
      Ainda não vejo a saída deste túnel, mas espero que ela não demore muito para aparecer.
      Um abraço,
      Patricia

  21. Denise Moraes

    Patricia, parabens pelo blog e iniciativa. Realmente a Sicilia e pouco conhecida dos brasileiros e eles nao podem imaginar o que estao perdendo!!! Estive por essas bandas em 2012 e retorno neste ano tamanho o meu amor por esse lugar… Digo a todos que a falta de infraestrutura nao significa nada, e o minimo diante da grandeza dessa ilha, tem-se cidade medieval, Erice; templos gregos, Segesta e Agrigento; teatros, Taormina, Siracusa e Segesta; Piazza Armerina e sua Villa Romana dei Casalle; Noto, Ragusa e tantas paisagens lindas como San Vito Lo Capo e Scalla dei Turchi. Alem do charme de Taormina e o vulcao Etna ao fundo. Enfim, a Sicilia e completa, alem do povo e sua culinaria maravilhosa. Que muitos brasileiros possam compartilhar contigo esse lugar maravilhoso atraves do seu blog!! Tive que garimpar informacoes quando fui e ter lido seu blog ficaria muito mais facil…Um abraco, Denise

    • Oi Denise,
      Muito, muito obrigada por seu comentário. A Sicília possui um potencial incrível, atrações para todos os gostos e bolsos. Sua infraestrututa fica mesmo muito aquém de outras localidades turísticas do resto da Itália, mas isso é somente culpa dos governantes.
      Espero que a sua estadia por aqui seja inesquecível e ainda melhor do que a de 2002!
      Um abraço,
      Patricia

Comente!