Filicudi

Anterior
Próximo

A ilha de Filicudi é, geologicamente, aquela mais antiga do arquipélago das ilhas Eólias.

Bastate íngreme, a ilha nada mais é do que o cone emergente de um vulcão extinto coberto de vegetação. O ponto mais alto da ilha é Fossa Felci, 774 metros acima do nível do mar.

A costa de Filicudi é de uma beleza extraordinária, repleta de cavernas profundas e caracterizada por falésias.

La Canna é o rochedo mais famoso da ilha, destino imperdível em todos os passeios de barco, enquanto entre as cavernas a mais procurada é a de Bue Marino, seguida de Maccatore. As praias de Filicudi, todas de origem vulcânica são, em sua maioria, compostas por grandes seixos escuros, com exceção da praia de Pecorini, que apresenta algumas extensões de areia. As águas cristalinas do mar da ilha são ideais para o mergulho.

Textos relacionados à ilha de Filicudi

Onde fica a ilha de Filicudi?

A ilha de Filicudi, junto com Alicudi, faz parte do arco oeste do arquipélago das Ilhas Eólias (em italiano: Isole Eolie) e fica no Mar Tirreno, ao largo da costa norte da Sicília, sul da Itália.

Enfim, o aeroporto de Catania é aquele mais indicado para quem quer ir a Filicudi. A partir de lá, há ônibus para Milazzo, de onde saem os barcos para as ilhas Eólias.