Praias

Dicas de praias na Sicília


Dar dicas de praias na Sicília não é uma tarefa muito fácil. Digo que não é fácil porque é complicado escolher as melhores entre tantas praias lindas. São mais de 1500km de litoral, aí fica difícil, não é?

Apesar de estar na moda publicar listas – e são inúmeros os sites que publicam rankings e mais rankings das praias mais bonitas de tal lugar –, aqui neste post vou só reunir aquelas praias que eu considero DI-VI-NAS e que realmente deixam qualquer um, visitante ou local, boquiaberto. Vale lembrar que todas as praias estão localizadas na Sicília em si, a ilha principal, porque as cada uma das ilhas menores, como Lampedusa, Favignana, Panarea, Lipari, e as demais são pequenos pedaços de paraíso por si só.

12 dicas de praias na Sicília


San Vito Lo Capo

Considerada por muitos a praia mais bonita da Sicília, San Vito Lo Capo, localizada a 37km de Trapani e a cerca de 100km de Palermo, atrai turistas do mundo inteiro. É o tipo de praia ideal para qualquer tipo de viajante, desde família com crianças a praticantes de esportes aquáticos.

O vilarejo de San Vito Lo Capo é a clássica vila de pescadores com casinhas brancas e o lugar tem uma forte tradição culinária. Um dos seus pratos típicos é o couscous (cuscuz marroquino), tanto que todos os anos é realizado um festival internacional, o Cous Cous Fest.

Leia também

Scopello

Scopello e sua “tonnara” (estabelecimento onde acontecia o tratamento do atum logo após a pesca) são, sem dúvida, um dos lugares mais fotografados da Sicília. O mar é límpido e transparente, de um azul profundíssimo. Além disso, graças às rochas e à fauna bem diversificada, é um lugar perfeito para a prática de snorkelling.

Além da praia, vale visitar também a vila de Scopello, localizada atrás da tonnara. É um lugar perfeito para passear, especialmente no fim da tarde e degustar os maravilhosos pratos locais.

Ao lado de Scopello fica Castellammare del Golfo, outra renomada localidade litorânea da Sicília.

Praias na Sicília: Cefalù

A pouco mais de uma hora de trem de Palermo, Cefalù é uma boa combinação de cidadezinha para passear e praia. De fato, sua orla marítima é ótima, com alguns bons beach clubs.

Entretanto, por ser uma praia urbana e de fácil acesso, enche-se rapidamente. Mas sua areia dourada combina lindamente com os marrons e brancos empoeirados dos edifícios históricos. Explore as ruazinhas, pequenas lojas e gelaterias para uma tarde de descanso depois de um dia de sol.

Veja também

Isola Bella

Para mim, Isola Bella é uma das localidades marítimas mais bonitas da Sicília. Mesmo com o fluxo de turistas de Taormina, o lugar não perdeu sua cara de paraíso, como geralmente acontece com as praias mais badaladas.

Isola Bella é uma praia limpa e de águas cristalinas, mas é pequena, e uma parte é ocupada pelos lidos (estabelecimentos comerciais de praia), onde você paga para usar as espreguiçadeiras, guarda-sóis, etc. Na parte livre você pode tranquilamente estender sua toalha ou esteira no chão gratuitamente.

É possível efetuar passeios de barco para as grutas e ainda dar um mergulho naquele profundo mar azul!

Vai para Isola Bella? Então veja também:

Letojanni

Letojanni é uma ótima praia pertinho de Taormina. A praia é de pedrinhas, como acontece na maior parte da faixa litorânea entre Taormina e Messina. O mar é tranquilo, mas depois de poucos metros se torna logo profundo. Além disso a água é bastante gelada por causa das correntes provenientes do Estreito de Messina. Mas nada muito assustador, dar para tomar um banho tranquilamente, principalmente nos dias tórridos do verão siciliano.

Calamosche e a Reserva de Vendicari

Em 2005, Calamosche recebeu o título de “praia mais bonita da Itália”.

Calamosche e as outras praias da Reserva Ambiental Oasi di Vendicari fazem parte de um paraíso situado no litoral de Noto, sudeste da Sicília.

Em síntese, Calamosche fica em uma pequena enseada delimitada por rochas e é graças a isso que a praia é uma verdadeira piscina natural, um pedaço de Caribe na Sicília. A praia é pequenina, de areia e o mar limpíssimo e transparente, como vocês podem ver na foto acima.

Como grande parte das praias paradisíacas, o acesso a Calamosche não é dos mais fáceis. O único modo de chegar lá é de carro e, depois de estacionar, é necessário caminhar cerca de 30 minutos em meio à vegetação nativa. Depois dessa espécie de peregrinação sob o sol escaldante, carregando bolsas térmicas, cadeiras de praia e guarda-sóis, uma vez que na praia não há algum serviço (repito, é uma reserva ambiental), todo esforço e cada gosta de suor é recompensada com a vista maravilhosa para aquele pedacinho de paraíso na Sicília.

San Lorenzo

San Lorenzo, praia localizada nos arredores de Noto e a cerca de 40km a sul da Siracusa, é uma das mais lindas praias da costa sudeste da Sicília. Fica praticamente ao lado de Calamosche, mas lá não é mais reserva ambiental e a praia dispõe de toda a infraestrutura necessária para passar um dia nesse marzão incrível que mais tem cara de piscina.

Scala dei Turchi

Ao contrário de todas as praias anteriores, não é exatamente o mar de Scala dei Turchi a chamar a atenção, e sim as falésias alvíssimas que a caracterizam e fazem dela uma paisagem única na área do Mediterrâneo.

Por causa das correntes marítimas provenientes do Canal da Sicília, é frequente que a água do mar seja gelada, mesmo que esteja fazendo 35/40 graus. Além disso, há bastante pedras em parte da praia e grandes colônias de grama marinha (chamada poseidonia), o que acaba tirando um pouco do barato.

Scala dei Turchi é um daqueles passeios que recomendo para quem visita Agrigento e o Vale dos Templos. Mas atenção: O acesso às falésias se encontra restrito para evitar danos aos degraus.

Torre Salsa

Uma das praias mais longas da Sicília, Torre Salsa fica dentro de uma reserva natural. Por isso, lá você não encontrará instalações de praia e serviços turísticos. Nada de filas de espreguiçadeiras, nada de quiosques, apenas 6km de areia dourada.

Embora fique próximo de algumas das atrações mais visitadas da Sicília, isto é, o Vale dos Templos e Scala dei Turchi, a praia não é muito frequentada. De fato, a trilha para chegar à reserva e a falta de serviços desencoraja muitos.

Enfim, a praia tem águas cristalinas, com uma clareza e abundância de vida marinha que a torna perfeita para mergulho com snorkel e diving.

Não deixe de ver:

Carratois e a Isola delle Correnti

A praia de Carratois com ao fundo a Isola delle Correnti, ponto mais ao sul da Sicília.

No extremo sul da Sicília, as águas do mar Jônico encontram as do Mediterrâneo, e as areias finas da praia de Carratois, em Portopalo di Capo Passero são moldadas pelas correntes opostas. É lá que se encontra a Isola delle Correnti (Ilha das Correntes), o ponto mais ao sul da Sicília. Enfim, a ilha tem esse nome porque aquele lado da costa é exposto aos fortes ventos, tornando as correntes marinhas bem intensas. Por isso, é uma área muito frequentada por surfistas e praticantes de windsurf.

A longa praia tem beach clubs, mas também uma parte livre. É possível chegar lá apenas de carro.

Não muito distante, fica a renomada localidade de Marzamemi, muito mais frequentada e também mais cara.

Sampieri

Com cerca de 4km de extensão, Sampieri é uma praia que começa numa pequena vila de pescadores e é ladeada por pinhais e dunas. Em uma parte da praia é possível alugar guarda-sóis e espreguiçadeiras. O mar é raso e calmo, e as multidões são raras, embora a praia fique perto das cidades de Ragusa e Modica. Você vai precisar de um carro para chegar até lá.

Outras boas praias de areia da região são a Marina di Ragusa e Marina di Modica.

Laghetti di Marinello

Se lá do Santuário de Tindari você olhar para baixo, poderá ver uma longa faixa de areia se estendendo até o mar. Trata-se da Riserva Naturale Orientata Laghetti di Marinello.

A única maneira de chegar a essa praia é a pé ou de barco a partir da vila de Oliveri. De fato, há um serviço de barco que transporta os banhistas desde um ponto próximo ao estacionamento.

 

Dicas para melhor aproveitar as praias na Sicília

  • O melhor período para desfrutar da beleza das praias da Sicília são os meses de Junho e Setembro, início e fim do verão. Em Julho e Agosto, cume da alta temporada, as praias ficam lotadas, o que acaba estragando um pouco a atmosfera paradisíaca das praias.
  • Boa parte das praias não é servida por transporte público. Por isso, se você for fazer um roteiro de praias, aconselho alugar um carro.

 

 

Quer receber no seu e-mail notícias, novidades e curiosidades sobre a Sicília e o restante da Itália? Então cadastre-se na nossa newsletter!
Não se preocupe, pois odiamos spam! Enviamos no máximo um e-mail por mês.
Patricia Kalil

Meu nome é Patricia Kalil, sou de Salvador e moro na Sicília desde 2007. Sou autora, editora, webmaster, analista de mídias sociais e gerente de SEO do Descobrindo a Sicília. Faço de tudo por aqui!

Comente com o Facebook

Posts Recentes

5 dicas de praias em Palermo e arredores

Viaja no verão e quer saber quais praias em Palermo encaixar no seu roteiro? Pois… Leia Mais

3 dias atrás

A Festa de Santa Rosalia em Palermo

Talvez a mais importante festa religiosa e popular de Palermo, a Festa de Santa Rosalia… Leia Mais

1 mês atrás

5 hotéis na praia em Taormina

Os hotéis na praia em Taormina são alguns dos lugares mais exclusivos onde se hospedar… Leia Mais

1 mês atrás

Dicas de praias em Favignana

As praias de Favignana, com suas águas cristalinas, e em partes azul piscina, fazem da… Leia Mais

1 mês atrás

A igreja de San Giovanni degli Eremiti em Palermo

A igreja de San Giovanni degli Eremiti (em português, São João dos Ermitões), em Palermo,… Leia Mais

2 meses atrás

Roteiro de 7 dias na Sicília: a viagem de Alberto

Está em busca de um roteiro de 7 dias na Sicília? Então veja esta dica… Leia Mais

2 meses atrás

Este site usa cookies. Ao continuar a navegação, você concorda com seu uso. Para saber mais, inclusive sobre como controlar os cookies, consulte nossa políica de privacidade.

Política de Privacidade