Amalfi é uma das cidades da Costa Amalfitana e é justamente aquela que dá nome a essa belíssima parte do litoral da Itália.

Ela é uma das cidades mais importantes da Costa Amalfitana e tem uma história milenar. Amalfi foi a primeira das quatro grandes Repúblicas Marítimas italianas e, por vários séculos, disputou contra Gênova e Pisa o domínio do Mar Tirreno.

Sem dúvida, o auge do esplendor de Amalfi foi entre os séculos IX e XI. Porém, em 1135, foi saqueada e destruída por Pisa, e aí então iniciou seu declínio. Amalfi conseguiu manter sua indepedência ainda por mais dois séculos, até que passou a fazer parte do Reino de Nápoles.

Amalfi

Na entrada do centro histórico um mapa ilustra o período do domínio da República de Amalfi.

 

Mas deixando de lado a história, aqui vão algumas dicas do que fazer em Amalfi em um dia.

Amalfi

O que ver em Amalfi

Assim como todas as cidades da Costa Amalfitana, Amalfi é muito pequena, por isso é possível ver o básico em um passeio de poucas horas. Por este motivo, você encontrará diversas opções de passeios que incluem Amalfi juntamente com Ravello e Positano.

Obviamente, para conhecer bem a cidade e aproveitar tudo que ela tem, é necessário passar pelo menos uns três dias. Mas se você não tem esse tempo todo sobrando, então veja minhas dicas do que fazer em um passeio de poucas horas.

1. Conheça o Duomo de Amalfi e o Chiostro del Paradiso

Quando você caminha do porto até a praça principal de Amalfi, a Cattedrale di Sant’Andrea imediatamente chama a atenção. Esta catedral de estilo árabe-normando remonta ao século IX, mas aquela que vemos não totalmente original. Por causa de um desmoronamento que ocorreu no século passado, ela teve que ser reconstruída.

Ainda assim, a porta (realizada em Constantinopla em 1066) e alguns capitéis são peças originais.

A partir do Duomo é possível ir ao Chiostro del Paradiso, um cemitério que foi construído em 1266 para os personagens ilustres da cidade. Lá você encontrará pinturas dos séculos XIII e XIV e é um lindo lugar onde você pode escapar da multidão por um tempo.

 

 

2. Faça comprinhas de artesanato

Amalfi é um lugar maravilhoso para apenas passear e ver o movimento. Apesar de ser comum encontrar grupos de turistas parados no meio da rua dificultando a passagem, é um lugar realmente tranquilo.

Sem dúvida, Amalfi é um ótimo lugar para fazer compras, já que há muitas boutiques, ateliês e lojas de artesanato irresistíveis.

Lojinha de azulejos em Amalfi

Desde lembrancinhas a vestidos de algodão branco, de joias artesanais a cerâmicas pintadas à mão: há algo para todos, perfeitos para levar para casa de recordação da Costa Amalfitana.

 

3. Coma um docinho na Pasticceria Pansa

A Pasticceria Pansa está localizada ao lado da escadaria do Duomo. Esta confeitaria foi inaugurada em 1830 por Andrea Pansa, um mestre confeiteiro de Amalfi.

Embora tenha passado quase 200 anos desde sua abertura, o negócio foi passando de geração em geração mantendo uma ótima qualidade na produção de seus deliciosos doces, biscoitos, frutas cristalizadas e chocolates.

 

Foto: Nate Gray (FlickR)

Ainda, a Pasticceria Pansa tem uma forte ligação ao seu próprio território e utiliza principalmente produtos locais, como os limões da Costa Amalfitana e várias frutas secas e frutas típicas da Campânia.

Recentemente, a Pasticceria Pansa foi premiada com uma estrela do World Pastry Stars, o que é um grande reconhecimento no mundo da confeitaria. Bom saber: o cardápio de Pansa é impresso na carta di Amalfi, papel de Amalfi.

 

4. Visite o Museu do Papel Amalfi

O Museu do Papel de Amalfi (em italiano, Museo della Carta) encanta pela presença de antigas máquinas ainda em perfeito funcionamento. É bem interessante, pois trata-se de uma visita interativa que envolve a produção de uma folha de papel artesanal do início ao fim.

Antigamente em Amalfi havia inúmeras fábricas de papel que, explorando a força motriz do rio Canneto, produziam o tipo específico de papel de Amalfi que agora é muito popular para convites de casamento ou grandes eventos.

Embora o número de fábricas de papel tenha reduzido drasticamente, o papel de Amalfi continua conhecido na Itália e no exterior. Para que tenham uma ideia, o Vaticano ainda o usa em sua correspondência!

 

5. Perca-se pelos becos de Amalfi

Amalfi

Amalfi é formada por casinhas empoleiradas umas nas outras que vão subindo ao longo dos montes. Se por um lado a cidade é banhada pelo mar, por outro é protegida pelos montes Lattari.

Assim, como não há muito “espaço” em Amalfi, ela é cheia de becos e vielas pitorescas. Por isso, uma das coisas mais legais para fazer por lá é passear sem seguir um mapa, apenas admirando a paisagem.

De vez em quando você vai se deparar com algo bem peculiar. Por exemplo, tem uma fonte antiga chamada “Fontana de cape ‘e ciucci”, que significa “fonte das cabeças de burro”. O motivos do nome é porque antigamente os burros de carga paravam ali para beber água.

Hoje em dia, a fonte é famosa pelo presépio meio submerso e meio ao ar livre, que pode ser admirado o ano todo. Além do presépio, as cabeças dos dois homens colocadas nas laterais que funcionam como fontes também são peculiares.

 

6. Tome limoncello ou algo com limão

Amalfi é famosa por seus limões, um limão chamado “limone sfusato”. Ele tem um aroma intenso, casca amarela bem grossa, porém com uma polpa macia.

Por isso, ao caminhar por Amalfi, você verá limões (e limoncello!) por todas as partes. Não deixe de experimentá-lo e levar uma garrafinha pra casa!

 

7. Passeie no Lungomare dei Cavalieri

Quer você tenha chegado via mar, que tenha chegado via terra, seu ponto de partida ou de saída vai ser a Piazza Flavio Gioia e o Lungomare dei Cavalieri, uma vez que é o lugar onde fica o grande estacionamento e o cais.

O mar é a alma desta cidade, com o qual sempre teve um ligação profunda, visto que ela era uma potência marítima!

 

Como chegar a Amalfi e como se locomover

O aeroporto internacional mais próximo de Amalfi é aquele de Nápoles, do qual dista cerca de 60km (mais ou menos 1h30 de carro, considerando o trânsito e as curvas da Costa Amalfitana).

Se, por outro lado, você deseja chegar via mar, há ligações marítimas com as outras cidadezinhas da Costa Amalfitana com a companhia de navegação Travelmar, a qual conecta Salerno a Positano e efetua parada em Amalfi.

Ainda, em Amalfi não há estação de trem. A estação grande mais próxima é a de Salerno. De lá partem os ônibus da empresa SITA para Amalfi.

Caso não queira se submeter ao stress do transporte público ou de dirigir na Costa Amalfitana, contrate um serviço de transfer particular. Saiba Mais.

Amalfi pode ser percorrida a pé, então não há necessidade de transporte dentro da cidade. Além disso, o centro da cidade é fechado ao trânsito de veículos.

LEIA TAMBÉM:  Transfer na Costa Amalfitana

***

Amalfi é um lugar especial, que tem cheiro de sol e mar, com as suas lojas típicas, ruas sinuosas e a bela Catedral elegante, dominando a praça central. É um lugar imperdível na Costa Amalfitana!

 

Marcações:

Comente!