Coronavirus - viajar para a Sicília em 2020

Coronavírus: Regras para quem vai viajar para a Sicília em 2020

Atualizado em

Se você pretende viajar para a Sicília em 2020, saiba que será necessário seguir algumas regras.

Este post é dedicado aos viajantes portugueses e brasileiros residentes na Itália ou em outros países da União Europeia, visto que até a data da publicação deste post, ainda não há definições sobre a proibição de entrada na União Europeia de viajantes provenientes do Brasil.

A Itália reabriu as fronteiras de suas regiões para viajantes provenientes das outras localidades italianas e países da União Europeia em 3 de junho. Agora é possível se deslocar entre as regiões da Itália para fazer turismo, não somente por motivos de trabalho ou saúde. Algumas regiões solicitam que os viajantes preencham um formulário fornecendo detalhes de contato como uma maneira de rastrear quem for infectado com o coronavírus numa fase posterior.

 

Leia no Itália para Brasileiros: Coronavírus – informações para viagens na Itália

 

A Sicília é uma dessas regiões. Portanto, quem viajar para a Sicília em 2020, mais especificamente entre 8 de junho e 30 de setembro, e não for residente ou domiciliado na ilha, deverá seguir algumas regras. São elas:

1) Registrar-se no site siciliasicura.com e preencher integralmente o formulário informativo. O site está em italiano.

2) Baixar o aplicativo SiciliaSiCura (disponível tanto na AppleStore quanto no Google Play), com a finalidade de manter um contato com o sistema de saúde siciliano e o eventual monitoramente do próprio estado de saúde. 

Quem for residente ou domiciliado na Sicília, não precisará fazer nada.

 

Viajar para a Sicília em 2020 – Passo a passo para o preenchimento do formulário

Caso não entenda bem o italiano, veja abaixo um pequeno passo a passo com as imagens para facilitar o preenchimento do formulário.

viajar para a Sicília em 2020
1 – Leia a política de privacidade e clique na primeira opção (aceito as condições de uso)

 

viajar para a Sicília em 2020
2 – Clique em “Registrati”
viajar para a Sicília em 2020
3 – Comece a preencher o formulário de inscrição no site. Coloque seu nome, sobrenome, data de nascimento, país onde vive, cidade onde reside e o número do seu codice fiscale italiano ou cartão de saúde, caso não viva na Itália.
viajar para a Sicília em 2020
A partir daqui muitos dados são facultativos, como o tipo de transporte com o qual viaja para a Sicília, cidade de onde sai, etc. As datas de chegada e saída da Sicília são obrigatórias. Também é necessário colocar o endereço do primeiro local onde irá se hospedar (hotel, apartamento, casa do amigo/parente, etc).
viajar para a Sicília em 2020
Enfim preencha com seu e-mail e contato telefônico.

 

Em um prazo de 24h após a inscrição no site, você receberá um SMS e um e-mail com as informações para que você possa cadastrar uma senha. Depois que tiver seu username e senha, poderá acessar o aplicativo SiciliaSiCura.

No primeiro acesso será solicitado ao usuário o endereço onde se encontra no momento e o sistema irá verificar se condiz com a posição obtida através do serviço de geolocalização.

 

Países a partir dos quais você pode viajar para a Sicília em 2020

Além do livre trânsito entre as regiões da Itália, também são permitidas viagens de e para os seguintes países: Estados-Membros da União Europeia (além de Itália, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Letônia , Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Tcheca, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia e Hungria), os Estados partes no Acordo de Schengen que não são cobertos pela UE (Islândia, Liechtenstein, Noruega, Suíça), Reino Unido e Irlanda do Norte, Andorra e Mônaco.

Qualquer pessoa que chegue ou retorne à Sicília dos países mencionados NÃO é obrigada a observar o período de 14 dias de isolamento doméstico, a menos que tenha permanecido em países diferentes nos 14 dias anteriores à entrada na Itália.

As restrições de trânsito podem ser restauradas a qualquer momento para áreas específicas do país em caso de agravamento da situação epidemiológica.

 

Os hotéis, museus, restaurantes e bares estão abertos?

Apesar de algumas poucas estruturas turísticas terem decidido permanecer fechadas no verão, a maior parte dos hotéis, pousadas e outras instalações dedicadas ao turistmo estão abertas. Alguns locais ainda estão se preparando para uma reabertura com a máxima segurança e para garantir a saúde dos hóspedes e moradores locais.

A maioria dos restaurantes, pizzarias e bares está aberta e os estabelecimentos de priaia também foram reabertos adotando as medidas apropriadas de distanciamento social. É possível pegar o teleférico e os microônibus 4 × 4 para a excursão às crateras do Etna, de acordo com as medidas e regras de segurança para contenção da infecção.

O transporte público também está funcionando, porém com algumas reduções em algumas linhas. É necessário respeitar rigorosamente as distâncias mínimas e o uso da máscara de proteção.

Guias de turismo e motoristas particulares também podem trabalhar normalmente, desde que respeitando as regras de distanciamento e de higiene.

 

Viaje com tranquilidade e divirta-se!

Lampedusa

Se você provém de um dos países indicados anteriormente e está de viagem marcada para a Sicília, só lhe resta planejar a sua viagem e se divertir!

Esperamos que essa situação tão difícil termine logo e, sobretudo, que os viajantes provenientes do Brasil não sejam proibidos de entrar na União Europeia. Mas para isso, queridos brasileiros, fiquem em casa!

 

ASICILIA5

Veja Também

Bate e volta de Malta para a Sicília

Bate e volta de Malta para a Sicília: 5 coisas para fazer em um fim de semana

Atualizado em 14/02/2020ATENÇÃO: Este texto é dedicado a quem, estando na nossa ilha vizinha, pretende …

Comente!