6 de janeiro

6 de Janeiro na Itália: A Epifania e a Celebração da Befana


Atualizado em 07/01/2021

Dia 6 de janeiro é feriado na Itália e marca o fim das festas natalinas. É o dia da Epifania do Senhor, data em que, segundo o cristianismo ocidental, os reis magos teriam encontrado o Menino Jesus. No entanto, aqui na Itália, celebra-se também um personagem folclórico: a Befana.

Na Itália se diz: “L’Epifania tutte le feste si porta via!”, traduzindo literalmente significa que a Epifania leva embora todas as festas.

 

O que é a Befana?

Na Itália, a Befana é uma das personagens mais conhecidas pelas crianças. É uma velhinha, semelhante a uma bruxa, montada em uma vassoura.

Tradicionalmente,a Befana traz presentes e doces para as crianças que se comportaram bem durante o ano e carvão para aquelas que se comportaram mal. No dia 5 de janeiro, véspera da Epifania, as crianças italianas deixam os sapatos ou colocam meias para a Befana encher com os mimos.

E assim, entre os dias 5 e 6 de janeiro, a velha Befana esfarrapada e coberta de fuligem voa ao redor do mundo em uma vassoura e desce pelas chaminés para entregar doces e presentes ou pedaços de carvão! E como nem todas as crianças podem ser perfeitas o ano todo, algumas lojas na Itália vendem umas balinhas pretas, que se parecem com pedaços de carvão. Dessa forma, mesmo aqueles que fizeram traquinagens, podem desfrutar de uma guloseima doce.

Uma outra curiosidade: Quem vê a Befana é atingido pela vassoura porque ela não quer ser vista. Portanto, as crianças italianas não sabem exatamente como ela é.

6 de janeiro

As origens da Befana

Segundo uma lenda, os Três Reis Magos se aproximaram da Befana antes do nascimento de Cristo. Os homens pediram a ela informações sobre a localização de Jesus, pois já haviam avistado sua estrela no céu. Como a Befana não sabia onde ele estava,  ofereceu abrigo de uma noite aos magos.

Porém, no dia seguinte, quando os Reis Magos a convidaram para seguir viagem junto com eles, ela se recusou a ir. No entanto, quando ela se arrependeu dessa decisão, propôs-se a levar presentes para Jesus, mas nunca o encontrou. Foi então que ela decidiu deixar presentes para outras crianças.

Outra lenda conta que a Befana era uma mulher comum que perdeu um fillho muito amado. Quando Jesus nasceu, ela foi vê-lo, acreditando que ele era seu filho. Ela levou presentes para Jesus e, como resultado, Cristo fez dela a mãe de todas as crianças italianas.

Por fim, alguns historiadores atribuem a existência da Befana à deusa romana Estrênua, responsável pelos presentes para o ano novo. Estes presentes se chamavam strenae, ou seja, “um presente de boa sorte”. Além disso, eles eram trocados durante os festivais de Saturnália que fechavam o ano (portanto, no final de dezembro), mas também no primeiro dia do ano para ser um bom presságio para o novo ciclo.

Befana
Neste período do ano você encontra a bruxinha nas decorações das casas e lojas.

 

6 de janeiro na Itália

Embora atualmente a maioria das crianças receba presentes no Natal, o dia 6 de janeiro ainda é um dia divertido de celebrações, festivais e distribuição de presentes e doces.

 

La Befana Vien di Notte

Aqui está uma canção infantil popular sobre a Befana conhecida em toda a Itália.

“La Befana vien di notte
con le scarpe tutte rotte
col vestito alla romana.
Viva, viva la Befana!”

Traduzindo…

A Befana vem de madrugada
com os sapatos todos rasgados
com o vestido à romana
Viva, viva a Befana!

 

 

ASICILIA5
LEIA TAMBÉM  8 pratos tradicionais da ceia de Natal na Sicília

Veja Também

Festa de São José - Foto de Carlo Columba @Flickr

As tradições da Festa de São José na Sicília

Atualizado em 10/11/2020 Na Sicília há muitas festas religiosas, muitas dos quais remontam aos tempos …

Comente!