Viajar para a Sicília
Foto: Grandi Navi Veloci

Viajar para a Sicília de navio

Atualizado em

Sendo a Sicília uma ilha, é natural pensar em chegar até aqui por via marítima. Uma viagem de navio tem todo seu charme e carrega aquele fascínio de outros tempos, quando viajar de avião era um luxo para poucos.

No entanto, à parte a travessia do Estreito de Messina, que leva apenas 40 minutos, as outras viagens são um pouco longas. Viajar para a Sicília de navio pode ser uma boa opção quando se está com um veículo e se quer evitar a estrada, ou ainda quando se deseja fazer uma viagem diferente, quem sabe passando a noite no navio (o que ainda dá a vantagem de economizar um pernoite em hotel!).

Recebo frequentemente mensagens de pessoas que me perguntam como chegar à Sicília de navio, por isso decidi elaborar esse guia prático com todas as rotas que conectam as mais diversas cidades italianas à Sicília e esta a duas cidades do exterior: La Valletta (Malta) e Túnis (Tunísia).

Veja AQUI como ir de Malta para a Sicília!

Os navios que fazem os trajetos mais longos são bem equipados com lanchonetes, restaurantes, telão onde são transmitidos filmes. São ainda dotados de suítes e cabines, porque ninguém merece passar a noite  sentado em uma poltrona.

Suíte de casal da GNV. Foto: Divulgação
Suíte de casal da GNV. Foto: Divulgação

Há várias companhias de navegação que efetuam viagens para a Sicília. São elas a GNV – Grandi Navi Veloci, Grimaldi Lines, TTT Lines, Tirrenia, Ustica Lines e a Caronte & Tourist.

 

Rotas de navio de e para Palermo

É Palermo que possui o maior número de linhas de navegação que a ligam ao resto da Itália. É possível chegar a Palermo por via marítima vindo de:

 

1) Cagliari (Sardenha)

A rota de ferry Palermo-Cagliari, com a companhia de navegação Tirrenia, é o único modo de ir da Sicília para a Sardenha por via marítima. A travessia opera até 2 vezes por semana e a viagem dura cerca de 12 horas.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do ferry Cagliari – Palermo – Cagliari.

 

2) Civitavecchia (Roma)

O porto de Civitavecchia dista 75km de Roma e é um modo alternativo para viajar de lá até Palermo. A rota é operada pela GNV e a viagem dura cerca de 14 horas, sendo efetuada uma vez por semana.  Leia mais sobre como ir de Roma para a Sicília neste post.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do ferry Civitavecchia – Palermo – Civitavecchia.

 

3) Gênova

A Gênova-Palermo é a rota mais longa de todas e a viagem leva cerca de 21 horas. Quem quiser passar um dia inteiro em um navio pode desfrutar de todo o conforto de um hotel flutuante. Os navios da GNV possuem restaurantes, sala de projeção de filmes, lojas e Internet Wi-FI (pagando), além de suítes e cabines privativas.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do ferry Civitavecchia – Palermo – Civitavecchia.

 

4) Nápoles

Certamente é a rota Palermo-Nápoles aquela mais procurada pelos turistas, inclusive pelos leitores aqui do blog. A viagem, de pouco mais de 10 horas, pode ser feita com a GNV ou com a Tirrenia, mas ultimamente a GNV tem tido problemas de cancelamento, o que me faz aconselhar a vocês a compra do bilhete com a Tirrenia.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do ferry Nápoles – Palermo – Nápoles.

 

5) Salerno

Salerno é o porto mais próximo para quem está na Costa Amalfitana. Quem pretende seguir viagem para Palermo por via marítima, enfrentará 10 horas de travessia com a companhia de navegação Grimaldi Lines.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do ferry Salerno – Palermo – Salerno.

 

6) Túnis (Tunísia)

A proximidade geográfica da Sicília a Tunísia faz (ou fazia, depois dos atentados terroristícos as coisas mudaram) com que muitos incluam o país africano no próprio roteiro de viagem. A viagem de navio de Palermo a Túnis dura entre 10 e 12 horas, podendo ser feita com a GNV ou com a Grimaldi Lines.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do ferry Túnis – Palermo – Túnis.

 

Linhas de navegação de e para Messina

Chegar à Sicília por Messina é uma das opções para quem pretende se hospedar em Taormina, por exemplo. Já expliquei AQUI como atravessar de balsa o Estreito de Messina, vindo de Villa San Giovanni na Calábria. As outras possibilidades de chegar a Messina por via marítima são:

 

Vindo de Reggio Calábria

Somente trinta minutinhos de balsa separam Reggio Calábria de Messina. Não chega a ser uma viagem de navio, mas é a maneira mais simples de ir de uma cidade à outra, e inclusive é um clássico passeio bate e volta.

Veja AQUI as balsas de Reggio Calábria para Messina e vice-versa.

 

Vindo de Salerno

A companhia de navegação Caronte & Tourist, a mesma que efetua as travessias de balsa no Estreito, liga Salerno a Messina 14 vezes por semana, em uma viagem que dura cerca de 9 horas. Se você se encontra na Costa Amalfitana, por exemplo, e deseja viajar para Taormina seguindo por via marítima, é essa a melhor rota.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do ferry Salerno – Messina – Salerno.

 

Rotas de navio de e para Catânia

Navio Nápoles-Catânia
Foto: TTT Lines

Nápoles-Catânia-Nápoles com a TTT Lines é a única rota atualmente existente. O serviço é efetuado diariamente, o ano inteiro, e é muito usado por motoristas (carros e caminhões) que preferem evitar o stress da estrada. A viagem dura cerca de 11h30 e é feita à noite. Os navios são bem equipados com opções de cabines e poltronas e possuem restaurantes e bares.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do navio Nápoles – Catânia – Nápoles.

 

Rotas de navio de e para Trapani

Uma vez por semana, nos meses de Julho, Agosto e Setembro, é possível ir de Nápoles a Trapani e vice-versa com a Ustica Lines. A viagem dura cerca de 7 horas e essa travessia não acontece o ano inteiro, mas somente na alta estação, período em que os turistas visitam Trapani e seguem para Favignana.

Clique AQUI para ver tarifas e horários do navio Nápoles – Trapani – Nápoles.

 

Barcos para as Ilhas Eólias

O porto mais próximo e, portanto, aquele de referência para quem deseja visitar as Ilhas Eólias, é o de Milazzo. De lá partem o ano inteiro barcos para todas as ilhas do arquipélago.

Aqui no blog já escrevi sobre Lipari, Vulcano, Salina, Panarea e Stromboli. Clique AQUI para ler os posts.

Viajar para a Sicília
Aerobarco que conecta rapidamente a Sicília com as ilhas menores. Foto: Ustica Lines

 

Como ir para Lampedusa de navio

Lampedusa é uma ilha da Sicília, mas bem distante daqui. Ir de navio não é o método mais prático de chegar até lá (o jeito é melhor é ir de avião a partir de Palermo ou Catânia), mas quem desejar ir de barco, em pouco mais de quatro horas (com o aerobarco que opera somente de julho a outubro) se vai Porto Empedocle –cidade próxima a Agrigento, veja AQUI onde fica e o que fazer por lá – até Lampedusa.

Clique AQUI para ver os preços e horários do aerobarco da Ustica Lines.

 

Como chegar a Favignana

Diariamente, durante o ano inteiro, é possível ir de barco de Trapani à ilha de Favignana em aproximadamente 30 minutos. Veja AQUI os horários e tarifas.

Durante o verão, há também a possibilidade de ir de Nápoles a Favignana, mas a linha opera somente uma vez por semana e a travessia dura cerca de 6h30min com a companhia Ustica Lines. Veja AQUI os horários e tarifas.

 

Reserve já seu hotel na Sicília!*

* Se você acessa o site do Booking através da caixa acima e faz uma reserva, além de ter utilizado um dos sites mais confiáveis do mundo, ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. E o mais importante: nenhum encargo é repassado para você!

 

Curta o blog no Facebook!

ASICILIA5

Veja Também

aeroporto de palermo

Aeroporto de Palermo: como chegar, sair e outras dicas

Atualizado em 15/10/2017O Aeroporto de Palermo, ou melhor, Aeroporto Internazionale Falcone e Borsellino di Palermo-Punta …

26 comentários

  1. Alexandre Gastal

    Boa noite, Patrícia! Se puderes, me esclarece o seguinte, por favor: estamos programando ir à Sicília e à Grécia em abril. Uma semana em cada uma, mais ou menos. A dúvida é: entre a Grécia e a Sicília há algum transporte por mar que valha a pena ou o negócio é avião mesmo? Obrigado pela atenção.
    Alexandre

    • Patricia Kalil

      Oi Alexandre,
      Não existe nenhuma opção de transporte por mar que ligue a Sicília à Grécia. Só avião mesmo.

      Um abraço,

      Patricia

  2. Boa tarde, tudo bem ?
    Achei ótimo achar essas dicas, acho q estarei em junho na Tunísia, e quero pegar o barco para Palermo, vc aconselha comprar agora de uma vez ou posso comprar uns 10 dias antes já estando na ilha ? De Palermo estou p ver o voo para Roma o qual dependo para fechar o Ferry.
    Obrigado desde já !!!

    • Patricia Kalil

      Olá Ney,

      Quanto antes você comprar o bilhete, mais chances de encontrar preços melhores. Você não precisa comprar necessariamente agora, mas pelo menos uns 20/30 dias antes ou então quando tiver certeza da data em que fará esta viagem (lembrando que não tem navio de Túnis a Palermo todos os dias).

      Um abraço,

      Patricia

  3. Boa tarde Patrícia, muito bom o seu site. Estou aprendendo muito com ele.

    Vou fazer um tour pela Itália de carro, saindo de Veneza e descendo a Costa toda e retornando para Roma.

    A minha maior dúvida é a balsa de Villa San Giovanni X Messina

    E o Ferrie de Palermo X Nápoles

    A dúvida é se o carro alugado pode entrar nessas balsas, ferries.

    Já comprei o Ticket de Palermo para Nápoles via Tirrenia e me pediram o número do documento do carro, como não tenho coloquei o nome da locadora que vou alugar o carro.
    Na locadora cada pessoa diz uma coisa, uns dizem que pode e outros que não pode.

    Alguém já teve alguma experiência nesse sentido de carro alugado em balsas.

    Agradeço desde já.
    Grande abraço.

    • Patricia Kalil

      Olá Fernando,

      Todos os dias centenas de turistas atravessam para a Sicília com carro alugado. O que eu sei é que as locadoras não cobrem danos que ocorram durante a travessia, mas por outro lado se houver algum acidente, quem cobre é a companhia de navegação.
      Vamos ver se alguém que fez a travessia com carro alugado lê seu comentário e se manifesta.

      Um abraço,

      Patricia

  4. Olá Patrícia,
    Primeiro, muito obrigado pela gentileza – é muito bom quando, em qualquer atividade, a gentileza se expõe dessa forma. Obrigado!

    A Sicília “caiu no meu colo” e até descobrir o Descobrindo eu não tinha a menor ideia do que fazer.
    Pois bem, agora estou apaixonado por Siracusa e San Vito Lo Capo.
    Depois te conto (olha a intimidade…) o que pretendemos fazer, mas a grande dúvida agora é a ida de Palermo a Nápoles.

    Estaremos de carro, eu minha esposa e duas beldades de; 3 anos e meio e 11 meses, e gostei muito da opção de subir de ferry.
    Pelo que li a Tirrenia é a melhor opção por agora (procede?), mas ainda estou em dúvida sobre a viagem como um todo.

    E aqui estou….

    Você sabe dizer qual o “barco” da Tirrenia que faz esse trajeto (Palermo a Napoles)?
    Outra coisa, não estou conseguindo nem cotar no site da empresa, será que tem a ver com a data, que ainda está um pouco longe (19/mai)?

    Um grande abraço

    • Patricia Kalil

      Olá Jeferson!

      Adorei seu comentário rsrs. É sempre muito bom saber que o blog é útil para quem deseja vir para cá.

      Pois bem, eu entrei no site da Tirrenia (http://www.tirrenia.it) e fiz uma simulação de compra para o dia 19/05 e consegui. Deu certo. Escolhi uma cabine para quadrupla para dois adultos e duas crianças + o embarque do veículo e saiu tudo por 273,14 euros. Talvez você estivesse marcando algo errado.

      Decidi cotar também as passagens aéreas e, comprando hoje com a Volotea (http://www.volotea.com) um bilhete Nápoles-Palermo para o dia 19 de maio sai tudo por 207,86 (incluindo uma bagagem de porão por pessoa). Dito isso, eu realmente te aconselho a considerar a ideia de fazer esse trecho de avião, visto que a viagem dura apenas 1h contra as quase 12h de navio. Talvez fosse melhor não enfrentar uma viagem de 12h via mar com crianças, que podem enjoar.

      Mas se você preferir fazer essa experiência de viajar de navio, o “barco” é um ferry que embarca veículos e pessoas e dá a possibilidade de viajar em cabines privativas com camas e banheiro. Não sei te dizer o nome do navio, mas é um tipo essa aqui (http://www.anatellanapoli.it/img/slide/slider3.jpg)

      Se tiver mais dúvidas, é só perguntar!

      Um abraço,

      Patricia

      • Patricia, obrigado!

        Dica anotada e estamos repensando, eu e minha esposa, como faremos essa perna Sicilia-Napoles.

        Ficou uma duvida.
        Assumindo que manteremos o ferry, Tirrenia ou GNV?
        (nas fotos e videos os ferrys da GNV parecem mais novos…)

        Um grande abraco!

        • Patricia Kalil

          Oi Jeferson!

          Eu realmente não sei te dizer quem é melhor, se Tirrenia ou GNV. Eu nunca viajei com nenhuma das duas, porque prefiro fazer esse trecho com outro meio de transporte. Mas eu dei uma pesquisada na Internet e encontrei opiniões totalmente diferentes, sobre uma e outra companhia. Há quem diga que a Tirrenia é melhor, outros disseram que a GNV é melhor, outros ainda disseram que não há grandes diferenças entre as duas companhias. Teve um leitor do blog que viajou de Tirrenia e gostou, o Walther (http://descobrindoasicilia.com/2015/03/dica-de-roteiro-8-dias-na-sicilia/). Eu acredito que no fim das contas a escolha é feita pelos preços e pelos horários. Outra coisa que deve influenciar é o tipo de cabine escolhida e o fator “sorte”, pois pode ser que o navio utilizado seja novo, como pode ser que seja o mais velho de todos!

          Um abraço,

          Patricia

  5. Patricia, legal eu poder ter ajudado!
    Eu realmente queria fazer um destes trechos de navio, a noite, acho que é mais uma alternativa de algo diferente. Resolvi mudar a rota para Napolis – Catania, devido ao fato de começar a ilha por Taormina. Mas só tem aquele TTLine, que pelo jeito é tudo misturado com carro e carga. Não sabe de nada um pouquinho mais “glamouroso”? Tentei Salerno – Messina( ja que quero pelo menos passar pela Costa Amalfitana), mas só achei horários das 14:30, chegando às 23:00. Aí terei que reservar hotel. Que me sugere?

    • Patricia Kalil

      Oi Sandra,

      O problema é um só: não existe um navio “glamuroso”, tipo cruzeiro ou minicruzeiro para fazer as travessias para a Sicília, simplesmente porque a maior parte das pessoas preferem ir de avião mesmo. Por isso todos os navios embarcam carros, caminhões, etc, mas ao mesmo tempo todos eles dispõem de cabines privativas, coisa que eu te aconselho a reservar se você realmente decidir viajar de navio. A TTTLines também tem e vocês podem ficar lá tranquilos na cabine e não nas cadeiras. No navio também tem um restaurante self service e uma lanchonete.
      Ah, e não é que é tudo misturado, as cargas e os veículos vão no porão do navio (que é esse aqui: http://www.elladeviaggi.it/CARTOUR%20GAMMA.jpg)

      Ah, poucos dias atrás recebi uma newsletter da Volotea informando sobre os novos voos de Nápoles para Catania a partir do dia 12 de abril. Não sei que mês você viaja, mas já deu uma olhada lá?

      Enfim, uma outra possível solução é vir de carro, descendo até a “ponta da bota”. Imagine que de Salerno a Messina são cerca de 5h de viagem, bem mais rápido do que de navio!

      Um abraço,

      Patricia

  6. Obrigado por tantas dicas mesmo meu marido sendo de Catania e eu já ter ido a Sicilia algumas vezes gosto de ler suas dicas e comentários…. Parabéns pelo blog….

    Lais…

    • Patricia Kalil

      Olá Lais,

      Fico muito feliz que goste do blog, principalmente sabendo que você já conhece a Sicília!

      Um grande abraço,

      Patricia

  7. Olá Patrícia!
    Ótimas informações para nós, que não estamos na Sicília e morremos de medo de errar e perder muito tempo com transporte, deixando o que realmente interessa no prejuízo de aproveitarmos melhor.
    Estou tentando comprar passagens de navio de Nápoles para Tripani, não estou conseguindo. Tentei pelo acesso que vc deixou, mas impossível. Você tem algum outro caminho?

    • Patricia Kalil

      Olá Sandra,

      Graças ao seu comentário, percebi que a rota Nápoles-Trapani-Nápoles passou a ser restrita aos meses do verão (julho, agosto e setembro). A este ponto, convém você procurar o navio Nápoles-Palermo ou o avião, já que Trapani não fica muito longe de Palermo. Vou alterar o texto!
      Um abraço,

      Patricia

  8. Ola Patricia
    Irei de civitavechia a olbia daqui 2 semana de ferry. Será que consigo comprar a passagem da tirrenia no dia? La no porto?

    • Patricia Kalil

      Oi Anderson,
      Sinceramente, não tenho a menor ideia. Acredito que sim, porque é baixa temporada, mas não posso afirmar nada com certeza. Eu, no seu lugar, tentaria comprar pelo menos um dia antes.
      Um abraço,
      Patricia

  9. Rafael de Toledo

    Olá Patrícia,
    Antes de qualquer coisa, parabéns pelo excelente blog, muito explicativo e instrutivo.
    Planejo fazer uma viagem Palermo – Cagliari com a Tirrenia no navio Dimonios em junho desse ano.
    Queria saber se é possível ver fotos das cabines de casal primeira classe desse navio tanto internas quanto externas, para ter certeza de que a viagem será agradável e que conseguirei ter uma boa noite de sono. Vc. sabe se há fotos disponíveis ou teria qualquer informação que poderia me ajudar a tomar essa decisão? Muito obrigado!! Abs, Rafael

  10. Luana camargo

    Oi Patrícia, sou muito fã do descobrindo a Sicília, tanto que decidi passar minha lua de mel nesse pedacinho de paraíso no próximo verão.Tenho muito vontade de passar umas 3 noites em lampedusa, saindo de Taormina, mas estou com muitas dificuldades de encontrar informações sobre como chegar lá, preços, quais são as companhias aéreas e marítimas que operam e se na volta há voos diretos para Roma.Fico um pouco insegura em deixar pra comprar essas passagens aí, pois em outras viagens já passei por uns percalços e perdi dinheiro por falta de planejamento.Voce pode me dar umas dicas? um abraço e sucesso pra você!

    • Patricia Kalil

      Oi Luana!!
      Você é fã do blog! Que honra!! Obrigadaaaa.
      Eu nunca escrevi sobre Lampedusa porque (vergonha), nunca estive lá, mas chegar lá é simples, principalmente no verão, que é quando há maior disponibilidade de voos.
      A partir de Catania (aeroporto mais próximo a Taormina), há voos diretos com a Alitalia o ano inteiro. Já de Lampedusa para Roma, há voos diretos somente no verão e, se eu não me engano, não tem todos os dias. Pesquisando aqui, descobri que a partir de 01/06/16 vão ter voos de Lampedusa diretos para Roma também com a Vueling.
      Você pode enquanto não deve tá encontrando nada porque ainda tá cedo e as companhias não devem estar mostrando os voos para o proximo verão.
      Na pior das hipóteses, se não houver voos diretos para Roma nas datas que você escolher, você pode encaixar outra paradinha na Sicília, quem sabe em Palermo (também há voos diários de Lampedusa para lá).
      Sobre os preços, não posso te informar nada com certeza. Neste momento, que é baixa estação, o voo de Catania com a Alitalia custa 71,84 euros (só ida). Mas obviamente este preço não será o mesmo dos voos no verão.
      Realmente você não tem que deixar para comprar as passagens aqui. Eu te aconselho a esperar até o fim de fevereiro/inicio de março mais ou menos e então procurar novamente. Em que mês você viaja?
      Em relação às companhias de navegação, o navio para Lampedusa sai de Porto Empedocle, cidade a poucos quilômetros de Agrigento. A companhia é a Siremar e a viagem dura cerca de 9h.

      Espero ter tirado as suas dúvidas, mas se tiver mais, pode perguntar!

      Um abraço,

      Patricia

  11. Beatriz Silva

    Oi Patricia!
    Muito obrigada pelas dicas!
    Consegui comprar Nápoles/ Palermo pela GNV para viajar em 09/01/2016.
    Na volta sairei da Catânia no dia 18/01/2016, rumo à Nápoles. Ainda não tem bilhetes pra vender pela TT Lines para essa data, portanto vou aguardar um pouco. Esses ferries navegam no inverno certo?
    Você acha que vale a pena pegar esse ferrie pela TTLines ou pegar um trem de volta à Palermo e pegar o GNV lá, levando em consideração que viajo com minha mãe que já passou dos 80 faz tempo….
    Sei que você aí dizer:
    Pega um avião,mas ela não gosta de aviões pequenos e teremos bagagem que com certeza não cabe numa passagem low cost….
    Um abraço
    Beatriz

    • Patricia Kalil

      Oi Beatriz, pega um aviã… ops! Você previu a minha resposta :D.

      Não vale a pena voltar a Palermo para pegar o GNV, basta comprar uma cabine com a TTTLines. E sim, os ferries viajam também no inverno, exceto se as condições do mar realmente não forem boas, aí não navegam.
      Outra possível solução é ir de trem. A viagem de Catania a Nápoles dura entre 7 e 8 horas e, escolhendo um trem noturno, também há a possibilidade de comprar uma cabine para duas pessoas. Obviamente não tem o mesmo conforto do navio, mas é uma viagem mais rápida.
      Um abraço,
      Patricia

  12. Oi Patrícia
    Tudo bem?
    Ainda bem que fez esse guia para nos ajudar
    Tento comprar as passagens pelo site da Grandi Navi Veloci de Nápoles a Palermo no dia 09/01/2016, cabine para 3 pessoas externo ,mas eles não aceitam o pagamento com nossos cartões de crédito aqui do Brasil.
    Poderia me dizer se a única maneira de comprar é pelo direct ferries ? Porque eles só mostram bilhetes pela TTLineas.
    Elas são semelhantes? A impressão que tenho é de que a Navi Veloci tem ferries mais bonitos. Estou enganada?
    Aguardo um retorno
    Obrigada
    Beatriz Silva

    • Patricia Kalil

      Oi Beatriz!

      Acho que você se enganou, pois a TTLines não faz a linha Nápoles-Palermo e sim Nápoles-Catânia. Além da Grandi Navi Veloce, é a Tirrenia que navega para Palermo. Os navios da Tirrenia são tão bons quanto os da GNV. No caso da TTTLines realmente os navios são mais inferiores (eles transportam também muitos carros e cargas).
      Um leitor, o Walther, comprou seus bilhetes com a Tirrenia e gostou da viagem (veja AQUI).
      Você pode clicar AQUI para ver os bilhetes dos navio Nápoles-Palermo com a GNV e com a Tirrenia.
      Uma outra opção seria outro buscador de bilhetes de ferries, que é o traghettilines.it, só que ele vai te dar os mesmos resultados do directferries, porém em italiano (não tem site em português).
      Se tiver ainda alguma dificuldade em comprar, me fala!
      Um abraço,
      Patricia

Comente!