Comidinhas da Sicília, a vez do fast food

Atualizado em

O bom de morar na Sicília é que você esquece das grandes cadeias de fast food conhecidas mundialmente. Com tantos salgadinhos e petiscos tradicionais sicilianos, na hora da pressa ou simples vontade de fazer um lanche bem guloso, quem vai deixar de saborear uma autêntica iguaria local para se empanturrar com um “big alguma coisa” ou produtos industrializados? Eu não! Por isso, selecionei algumas comidinhas fast food para você se deliciar quando estiver sem tempo para comer em um restaurante ou quando só quiser mesmo fazer um lanchinho rápido.

 

Arancino (a)

O que comer na Sicília: Arancino

Para mim, que moro no leste da Sicília, o nome dele é arancino, mas para o pessoal de Palermo e região o nome correto é “arancina”, no feminino. Cada um defende sua versão de nome correto, mas no masculino ou no feminino, o salgado mais tradicional da Sicília é algo de comer rezando. O arancino tem a forma de uma coxinha, mas é feito com arroz cozido como risoto, recheado, empanado e frito. O recheio tradicional é aquele com molho à bolonhesa (ragù), mas há também o vegetariano com ricota e espinafre, aquele recheado com manteiga, com berinjela e presunto, e tantos outros sabores que variam de lugar para lugar.

 

Pane con la milza, ou sanduíche de baço bovino

O que comer na Sicília: Pane con la milza
Foto: Reprodução

Em dialeto siciliano, “u pani câ meusa”, é o fast food mais popular de Palermo. E só tem lá. É uma comida para quem não tem frescura e gosta de experimentar sabores fortes. O sanduíche é feito com um pãozinho macio coberto de gergelim e é recheado com baço cozido, com ou sem queijo. Ao invés de colocar maionese ou ketchup, adiciona-se limão à gosto. Este sanduíche é tão amado pelos palermitanos que os locais mais famosos ficar superlotados e cada um é fiel ao próprio “meusaru”, ou seja, aquele que faz o “u pani câ meusa”.

P.S.: Em algumas regiões do Brasil o baço bovino é conhecido como passarinha.[/vc_column_text][vc_column_text]

Veja minha dica de onde comer essas e outras comidinhas típicas da Sicília em Palermo

 

Panelle e Crocchè

O que comer na Sicília: Pane e Panelle
Foto: Reprodução

“Panelle” são salgadinhos feitos com farinha de grão de bico e fritos e “crocchè” são croquetes de batata. Ambos podem também podem ser servidos dentro de um pão, como na foto acima. Assim como o sanduíche de baço, as panelle e crocchè se encontram por toda Palermo e são o lanchinho mais característicos da cidade.

 

Cipollina

O que comer na Sicília: Cipollina
Foto: Reprodução

A cipollina, que literalmente significa “cebolinha” é um salgado de massa folhada, típico de Catânia. Possui esse nome por ser recheado com cebola (bastante cebola), molho de tomate, queijo e presunto. É um salgado muito saboroso, justamente por causa das cebolas bem docinhas e delicadas, que nada tem a ver com aquele gosto ácido que a gente sente quando come cebola.

 

Siciliana

O que comer na Sicília: Siciliana
Foto: Falco Pellegrino

A siciliana é uma espécie de calzone frito e é recheada em dois modos: com presunto, queijo e molho de tomate ou com anchovas e um queijo de ovelha chamado “tuma”. Este último é o recheio mais tradicional (chamado ‘tuma e acciughe’), porém você realmente precisa gostar de anchovas porque o sabor delas é extremamente forte. É imensa, é frita, é calórica, mas é uma delícia.

 

Eu poderia continuar a listar tantos outros salgados, mas aí seria uma postagem interminável. Além disso, cada cidade tem seu salgado tradicional, sua comidinha ou simplesmente sua própria versão dos petiscos que citei acima. Ao entrar em um bar ou lanchonete o difícil é escolher diante de tanta fartura.

 

Reserve já seu hotel na Sicília!*

* Se você acessa o site do Booking através da caixa acima e faz uma reserva, além de ter utilizado um dos sites mais confiáveis do mundo, ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. E o mais importante: nenhum encargo é repassado para você!

 

Curta o blog no Facebook!

ASICILIA5

Veja Também

corrado assenza caffé sicilia noto

Caffè Sicilia em Noto: a confeitaria do mestre Corrado Assenza

Atualizado em 29/11/2018O mestre confeiteiro Corrado Assenza é uma verdadeira instituição na Itália e seu …

13 comentários

  1. SIDNEY HUGO ZOTOVICI

    Após começar a ler o que vc escreve sobre a Sicilia, resolvemos que no proximo ano iremos para ai para conhecermos um pouco do que vc ja mostrou

  2. ari.w.rimoldi

    Estive em Taormina em Maio de 2014- dia 10 – dia 11 teria um grande show com LAURA PAUSINE NO TEATRO EL GRECO – Tentamos até adiar o compromisso no dia 11 na Calábria…..mas e os ingressos?
    com 15dias antes esgotados. Tentei com o gerente do hotel……..ma non es possible
    Aí tive que assistir pelo Youtube aqui na Brasuca…………..Valeu e muito….tudo nota mil.

    • Patricia Kalil

      Oi Ari!
      Os ingressos para os shows em Taormina esgotam rapidinho, e para os da Laura Pausini então…
      Um abraço,
      Patricia

  3. Já tinha comido arancino aqui, mas comi o legítimo em Taormina, o dia que cheguei, morrendo de fome. Comi de espinafre com queijo. Bom demais! Maravilhoso!

    • Patricia Kalil

      Oi Inês!

      O de espinafre e queijo é um dos meus preferidos. O bom do arancino é que tem recheio para todos os gostos, do clássico com ragù de carne, ao mais simples, só com manteiga dentro. São todos uma delícia!

      Um abraço,

      Patricia

  4. Nossa! Que saudades do Arancina, lembro de querer almoçar e jantar esse salgado de tão bom. Quero tentar fazer a receita um dia desses

  5. estou aqui rememorando…
    saudades, amiga!

  6. Engordei uns 200 gramas só de ver … rsrsrs

Comente!