Dicas de praia em Taormina: Isola Bella e Letojanni

Atualizado em

Se você visita a Sicília entre junho e setembro,  por que não aproveitar e incluir uma(s) praia(s) durante sua estadia aqui na ilha? Para isso, vou dar duas dicas de praia em Taormina: Isola Bella e Letojanni.

Sem contar as ilhas menores, a Sicília tem quase 1500km de costa, mas nem todas as praias são próprias para banho. Infelizmente muitas se encontram próximo a pólos petroquímicos, outras são o reino da ocupação indevida (com construções que chegam à areia!).

As praias nos arredores de Taormina são todas de pedras – umas maiores, outras bem pequenininhas –, exceto Giardini Naxos, que é de areia. Além disso, uma parte das praias de Taormina são particulares e pertencem a hotéis de luxo.

 

Passeio de barco pelo litoral de Taormina

Passeio de barco pelo litoral de Taormina

Desfrute do belíssimo mar de Taormina fazendo um passeio de barco com saída de Giardini Naxos. SAIBA MAIS.

Isola Bella, o máximo do glamour

Isola Bella

Para mim, Isola Bella é uma das localidades marítimas mais bonitas da Sicília. Mesmo com o fluxo de turistas de Taormina, o lugar não perdeu sua cara de paraíso, como geralmente acontece com as praias mais badaladas. Não foi por acaso que Dolce & Gabbana escolheu Isola Bella como cenário de sua campanha publicitária na primavera-verão 2013 (ver foto no início do post)!

Isola Bella é uma praia limpa e de águas cristalinas, mas é pequena, e uma parte é ocupada pelos lidos (estabelecimentos comerciais de praia), onde você paga para usar as espreguiçadeiras, guarda-sóis, etc. Na parte livre você pode tranquilamente estender sua toalha ou esteira no chão gratuitamente.

Praia em Taormina

Dicas da praia de Isola Bella

– Por causa das pedras, aconselho o uso de sapatilhas de praia. Além disso, se você preferir ficar na área de uso gratuito da praia, é melhor utilizar toalhas e/ou esteiras no lugar da boa e velha canga: além de doer deitar nas pedras, estas também são muito quentes!

– É possível efetuar passeios de barco para as grutas de Isola Bella. O preço varia de acordo com o tipo e a duração. É uma excursão que vale muito a pena porque as grutas são lindas. Clique AQUI e veja esta opção de passeio!

– Quem está em Taormina, só precisa descer com o teleférico (3 euros);

– Se você está em outra localidade da Sicília e quer ir para a praia de Isola Bella de carro, saiba que os estacionamentos são bem salgados e limitados. No verão passado o preço era fixo e custava 10 euros a diária;

– Devido ao pouco espaço disponível na areia, chegue cedo se quiser encontrar um bom lugar para deitar, pois a praia é muito disputada nos fins de semana do verão.

– Cuidado, muito cuidado com as águas-vivas que aparecem frequentemente, principalmente nos períodos mais quentes do ano. Tive uma péssima experiência com uma bichinha que deixou uma marca de queimadura em mim pelo verão inteiro!

***

Praias de Mazzeo e Letojanni

Mazzeo e Letojanni, uma ao lado da outra, são as minhas praias preferidas nas redondezas de Taormina, distando desta somente 6km. Também são praias de pedrinhas, mas de dimensões bem menores das de Isola Bella (pisar nelas dói menos :D).

Foto de mike gnuckx
Praia de Letojanni – Foto de Mike Gnuckx

O mar é tranquilo, mas depois de poucos metros se torna logo profundo. Além disso a água é bastante gelada por causa das correntes provenientes do Estreito de Messina. Mas nada muito assustador, dar para tomar um banho tranquilamente, principalmente nos dias tórridos do verão siciliano.

Em Mazzeo e em Letojanni eu aconselho ficar na parte da praia reservada aos “lidos”, porque na praia livre não há serviços, como se você quiser comprar uma água, por exemplo. É óbvio que se a pessoa está somente de passagem, não vai para a praia com a caixinha de isopor, gelo e farofa. Os estabelecimentos das duas praias são bastante organizados e os preços bem mais em conta do que em Isola Bella.

 

Dicas de Mazzeo e Letojanni

– Há uma linha de ônibus que sai de Taormina e passa por Mazzeo e Letojanni da empresa Interbus. Clique aqui para consultar os horários;

– Não deixe de tomar uma granita em um dos quiosques ou bares do centro de Letojanni. São uma delícia!

 

 

Aproveite e veja também:

 

 

ASICILIA5

Veja Também

kitesurf na sicilia

Onde praticar kitesurf na Sicília

Você é um daqueles que não larga mão do kite nem durante as viagens? Que …

44 comentários

  1. Oi, Patrícia! Estamos em lua de mel na Sicília e seu site tem sido nossa principal inspiração =)
    Em Taormina gostaríamos muito de conhecer as grutas, com banho de mar, mas não estamos encontrando passeios que proporcionem isso… ou são muito caros (100 euros por pessoa) ou não incluem paradas para banho. Existe uma forma de visitarmos por conta própria??
    Bj,
    Carina.

    • Patricia Kalil

      Oi Carina, que preço absurdo! Os passeios em grupo custam bem menos, normalmente. Mas o problema é que é Ferragosto, pico da alta temporada e eles estão se aproveitando. O único jeito qur conheço são com os passeios de barco mesmo. Continuem negociando, até amanhã mesmo, já que hoje é feriado.

      Um abraço,

      Patricia

  2. Olá Patrícia,

    Primeiro gostaria de parabenizá-la por todo auxílio prestado e atenção especial com seus leitores. São muitas dicas, muitas dúvidas esclarecidas e confesso que quanto mais pesquiso, mais ansiosa fico para conhecer a terra da Malvasia.

    Tenho 17 dias de viagem em julho de 2018 (mas para a Sicília estou planejando 14 dias), sendo que ainda não consegui me decidir quais pontos da Ilha priorizar. Me apaixonei de cara por Favignana, Scopello, San Vito Lo Capo, mas logo vi que Taormina e Siracusa são um MUST que não podem ser deixados de fora. Ao mesmo tempo, os passeios de barcos pelas Ilhas Eólias são tentadores e meus pais, que já passaram uma temporada em Vulcano, recomendaram que eu não dê só uma passadinha, mas fique alguns dias (Pensei em escolher Lipari como uma das bases).

    Fico com receio de pecar pelo excesso e perder tempo indo de uma ponta a outra, afinal é uma viagem para relaxar, não para fazer as coisas na pressa. Com o tempo que tenho, você acha que é possível conhecer todos esses lugares com calma? Em quais você acha que seria melhor passar mais tempo? Pensei em dividir a viagem em duas etapas: uma mais aventureira, com direito a trilha, passeios de barco etc, e outra mais tranquila, tipo passar o dia na beira da praia fazendo uma massagem e só, rs.

    Obrigada pela ajuda! Forte abraço.

    • Patricia Kalil

      Olá Yara!

      Eu tenho muito carinho pelos meus leitores e sempre respondo a todas as perguntas com muito prazer! 🙂
      Olha, em 14 dias dá para visitar todos os lugares que você citou, mas “conhecer com calma”, isso acho difícil rsrs. É que a Sicília é muito grande, as distâncias são consideráveis e tem muita coisa para ver, então colocar tudo que a gente quer em um roteiro é muito complicado.

      Você pode dividir os dias em duas partes, uma dedicada ao oeste da Sicília (por exemplo 6 dias dedicados ao oeste da ilha, com Favignana, San Vito, etc), 4 ou 5 para as Eólias e o restante para o leste da Sicília (que é pouco, mas se você quer ver somente Taormina e Siracusa, dá).

      Para facilitar, te aconselho a chegar por Palermo e sair por Catania, ou vice-versa, porque assim se evita um longo deslocamento.

      Ah, e se você é uma fã da Malvasia, não pode deixar de ir a Salina, que junto com Vulcano, são as minhas ilhas Eólias preferidas rsrs. Certamente seus pais devem ter te falado sobre o “cheiro” de Vulcano, que afugenta muita gente de lá, mas é uma ilha encantadora!

      Um abraço,

      Patricia

    • Patricia,

      ajudou muito a organizar o meu roteiro e saber em quais cidades posso me estender mais, obrigada!

      Infelizmente, tive que desconsiderar a ideia de passar meus 14 dias na Sicília porque meu namorado está implorando para visitarmos a Sardegna depois, rs. Como quero conhecer as Eólias, Taormina, Siracusa e fazer a programação que você recomendou na vinícula Gambino, creio que terei de priorizar a região oeste e esquecer Favignana 🙁 Se a viagem de carro de uma ponta a outra fosse curta tentaria dar uma espremida para encaixa-la, mas meu receio é permanecer mais tempo do que planejo na estrada, principalmente em julho, quando a cidade já está bem cheia! Acha que estou fazendo certo?

      Quanto ao deslocamento, estou confusa, pois usarei carro para me deslocar pelo leste da Sicília (a ideia é alugá-lo assim que chegar na Catânia e seguir para a minha primeira base, Taormina), mas não pretendo embarcá-lo para as Eólias. Vou precisar dele para voltar à Catânia e pegar o vôo para Olbia, mas meu receio é pagar caro em 4 dias de estacionamento privativo. Acha que vai sair caro de mais? Será que vale mais a pena devolver o carro em Milazzo, partir para as Eólias e na volta contratar um transfer? Quanto ao transporte público, confesso que nem cogitei a hipótese por saber que não é lá muito organizado, rs.

      Mais uma vez obrigada pelo carinho; provavelmente ainda vou aparecer muito por aqui até a viagem, rs.

      Beijo,
      Yara

      • Patricia Kalil

        Olá Yara,
        Me descupe, somente hoje percebi que sua mensagem estava sem resposta!
        Sim, se você vai ficar menos tempo, priorize um lado só da ilha. As Eólias tomam muito tempo e pelo que entendi a sua ideia é curtir muito as praias e relaxar. Ninguém vai querer passar a maior parte da viagem em deslocamentos, não é?

        Te aconselho a fazer as contas, colocar tudo na ponta do lápis e ver se sai mais barato pagar o estacionamento + o aluguel ou então um transfer privativo. Para você ter uma ideia, um transfer de Milazzo ao aeroporto de Catania custa 150 euros. Se não tiver como entregar o carro em Milazzo, você pode deixar o veículo no aeroporto e então pegar outro transfer.
        O transporte público realmente não é o máximo, mas em alguns trechos funciona. Só que você ficaria meio presa aos horários dos ônibus e trens, que são limitados.

        Um abraço e pergunte sempre que quiser.

        Patricia

  3. Sarah galvao

    Olá Patricia!

    Em Isolla Bella há algum beach club? Há necessidade de reserva previa?

    E restaurantes pela orla? Você teria alguma dica?

    Obrigada!!!

    • Patricia Kalil

      Olá Sarah, tem vários. Veja com seu hotel se eles têm alguma convenção com um beach club, muitos têm.
      Se você puder reservar, melhor.

      Um abraço,

      Patricia

  4. patricia Santana Vieira

    Adorei todos os comentários…muito bem colocadas suas respostas e apreciações do lugar. Tô indo pela terceira vez à Sicilia, dia 06/07/02017, para um casamento. Ficarei em Balasstrad, não sei se é assim que se escreve. Taormina é imperdível, e o lugar mais lindo que lembro ter visitado…

    • Patricia Kalil

      Olá Patricia,

      Que bom que gostou do meu post!

      Acho que o lugar que você vai ficar se chama Balestrate, não? É próximo a Palermo :). Aproveita para explorar aquela parte da Sicília!

      Um abraço,

      Patricia

  5. Sendo assim acho que vou arriscar molhar os pés rsrs…corro de água gelada. Vou ficar apreciando a beleza então. Grazie Mille. 🙂

  6. Patrícia querida, você sabe se na primeira quinzena de junho a água do mar já está mais quentinha? Obrigada, beijos

    • Patricia Kalil

      Eu acho gelada, mas tem uns corajosos que já estão tomando banho rsrs. Acho que se você estiver acostumada com a temperatura do mar do Rio ou do litotal paulista, não vai notar muita diferença 😀

  7. Patricia, adoro seu blog!

    Estou visitando frequentemente, e lendo todas as postagens possíveis sobre Taormina, estarei lá agora no começo de maio, não vejo hora!!

  8. Patrícia, muito, muito obrigada pelas suas dicas!!! Mas ainda estou muito confusa… pq parei para avaliar e não vou ter 6 dias para Sicília… Minha viagem são de 14 dias inteiros. Pensei em Roma, Costa Amalfitana, capri e Sicília. Mas se vc acha que fica corrido, eu posso desistir da Sicília… 🙁 Vc que conhece tão bem a Itália, o que me sugere? Só falta 1 mês e a indecisa sou eu!!! E tenho q resolver sozinha… meu namorado vai na onda… hahaha…

    Beijos e obrigada!

    • Patricia Kalil

      Olá Cláudia!

      Já seis 6 dias eram poucos para visitar a Sicília, menos que isso então só daria para ver uma cidade e seus arredores. Você teria que vir de avião e ficar, por exemplo, em Taormina. É um lugar fantástico, certamente você não iria se arrepender. Eu acho que daria para dar um pulinho aqui na Sicília, mas realmente seria bastante corrido.
      A inclusão ou não da Sicilia depende de quanto tempo você quer passar na Costa Amalfitana. Eu ainda não a conheço, então não sou capaz de lhe dizer quanto tempo é necessário para visitar aquela região. Se você prefere curtir as coisas com calma, bem slow, então talvez a melhor coisa seja investir o tempo entre Roma, Costa Amalfinata, e por que não, também a Costa Sorrentina e Nápoles.
      Pensa direitinho e depois me fala!
      Beijos
      Patricia

  9. Florrrr!!! Obrigada pelo seu comentário! Que feliz!!! Agora já estou mais animada!
    Bom, minha viagem serão 14 dias inteiros, vôo partindo e chegando de roma! A ideia seria conhecer roma, Costa amalfitana e Sicília! Pensei em fazer tudo de carro! E pensei em fazer assim: chegar em Roma e já pegar o carro e descer pro sul! Vou deixar Roma pro final! Acho q 2 dias inteiros em Roma já dá! Pq eu já fui, meu namorado é que não! Mas ele não liga muito pra essas coisas! :)) então eu teria 11 dias inteiros pra dividir entre a costa, capri e a Sicília!! O q vc sugere??? Ai que tudo!!! Estou super animada! Vc acha que carro é melhor ou trem? Tb não sei a distância da Costa amalfitana pra Sicília… Vou pesquisar aqui!
    Pode ser que eu deixe o carro em capri, de lá vá pra Sicília e na Sicília alugue outro… Tenho q ver essa logística! Para não perder tempo… Me ajuda!!! Obrigada!!! <3

    • Patricia Kalil

      Oi Claudia,

      Acho uma ótima idéia você vir descendo de carro de Roma para cá e ir parando nas cidades que você tem interesse. Da Costa Amalfitana até o porto de entrada na Sicília, ou seja, Messina, você vai dirigir cerca de 6h. A estrada é boa.
      Você deveria passar na Sicília no mínimo 6 dias e meu conselho é que você volte para Roma de avião a partir de Palermo. Digo isso porque seria extremamente cansativo voltar de carro. Muita gente faz assim, chegam de carro e voltam de avião, entregando o veículo no aeroporto de Palermo.
      É na costa noroeste da Sicília que há as tão desejadas praias com água azul piscina: Scopello, San Vito Lo Capo, etc. MInha sugestão é: passe 2 ou 3 dias em Taormina e o restante dos dias naquela área lá.

      Um abraço,

      Patricia

  10. CLAUDIA Belem

    Minha flor, fui eu quem
    Comentei no IG e vc aconselhou vir aqui! Não li todos os comentários, mas já vi um falando de praia e me deu um medinho… É o seguinte! Estarei na italia de 20/04 a 05/05. Minha ideia inicial era ir para Roma, Costa Amalfitana e Sardenha! Sou louca para ver um mar azul piscina, apesar de estar no Nordeste Brasileiro! Mas pelas fotos fiquei louca pela Sardenha! Só que algumas pessoas falaram que pelas datas talvez não seja legal ir para a Sardenha… Pode chover, vai estar frio… E o q me pegou mais foi ver q não é fácil ir da Costa amalfitana para Olbia, teria q voltar para Roma… Então, me indicaram a Sicília, dizendo que ai tb tem praias lindas! Bom, vc acha que conseguirei ver o mar azul piscina por aí? Onde devo me hospedar? Quantos dias vc sugeriria para focar mais em beleza natural? (Mínimo). Não estou muito interessada em locais fechados…. Bom! Me ajuda! Por favor! Na verdade eu ainda sonho com a Sardenha, mas estou pensando q é melhor deixar para outra viagem! Uns falam para eu só olhar pro mar! Mas eu queria tomar banho! Kkkkkkkk… Help me!!! Obrigada!!! :)))

    • Patricia Kalil

      Oi Claudia!

      Uma coisa é certa: aqui na Sicília você encontra praias tão belas quanto as da Sardenha. O problema é que você escolheu o período errado para vir! O momento ideal para conhecer as praias é da segunda quinzena de maio até setembro. O final de abril é muito incerto. Ano passado, por exemplo, ainda estava fazendo frio. No entanto, não se desespere. São muito frequentes os dias de “verão antecipado” aqui na Sicília. Você pode dar sorte de pegar dias de sol forte durante sua estadia aqui. Certamente você irá conseguir ver as tão desejadas praias com água azul piscina, mas em relação a tomar banho de mar… hummmm, vai ser difícil! A água estará um gelo!!

      Há várias praias de água cristalina aqui na Sicília. Há uma em Taormina (praia de Isola Bella, essa aqui que você viu), em Palermo (Mondello e Riserva Capo Gallo), San Vito Lo Capo (http://www.alcantaraetna.it/imagesUploads/100714114411-spiaggia-di-s-vito-lo-capo.jpg). Tem também a praia de Calamosche (http://descobrindoasicilia.com/2014/08/calamosche-um-cantinho-de-paraiso-no-sudeste-da-sicilia/) que fica dentro de uma reserva natural no sudeste da Sicília. Praticamente te dei exemplo de praias nos quatro cantos da Sicília.

      Uma perguntinha: você estará de carro ou dependerá de transporte público? Quantos dias pretende ficar por aqui? Esses dois fatores também influem na escolha do lugar onde se hospedar. Eu aconselho que você passe pelo menos 3 dias em Taormina, pois de lá você pode fazer uma excursão ao Etna e ao Vale dell’Alcantara. Além disso a cidade é linda e as paisagens de tirar o fôlego. Outra beleza natural da Sicília é Scala dei Turchi, que fica a poucos quilômetros de Agrigento (http://descobrindoasicilia.com/2014/07/scala-dei-turchi-falesias-brancas-e-um-infinito-mar-azul/).

      Bem, espero ter ajudado de alguma forma. Um abraço!

      Patricia

  11. selma marcelino

    Obrigada querida patricia,
    na verdade fiquei mais interessada por sicilia
    pela possibilidade de mergulhar.
    ainda nao deu tempo de pesquisar sobre as informações
    q vc me deu, mas serão muito valiosas
    bjos

  12. selma marcelino

    Patricia, ficaremos cinco dias por ai, chegaremos de voo, ai ja ver qual melhor aeroporto p chegar, operadora de mergulhos, o que vc puder me passar, e meu marido e fanático por cinema, ficou ainda mais louca p ir pelos filmes, quer conhecer onde foi o poderoso chefao…
    obrigada

    • Patricia Kalil

      Oi Selma, tudo bem?

      Respondo a esse e ao outro comentário:
      1) O aeroporto vai depender das cidades que você visitará: O de Catania é ideal para quem visita Taormina, Siracusa e outras cidades do leste da Sicília; o de Palermo é o melhor caso você visite as cidades do noroeste.
      2) Em relação aos mergulhos, você pode visitar esse site http://www.taorminadivingcenter.it/ e pedir mais informações (em italiano ou inglês). Eles fazem mergulhos em Taormina, acho que é um dos lugares mais lindos para mergulhar.
      3) Se seu marido quer conhecer onde foi filmado o Poderoso Chefão, então vocês não podem deixar de visitar Savoca e Forza D’Agrò! Leia mais aqui: http://descobrindoasicilia.com/2014/04/o-fascinio-de-savoca-cenario-do-poderoso-chefao-na-sicilia/

      Espero ter ajudado!

      Um abraço,

      Patricia

  13. selma marcelino

    Ola Patricia
    fiquei muito feliz de achar seu blog, muito bom saber de dicas, principalmente de brasileiro q mora ai, que conhece nosso jeito. Me encantei com algum post q vi sobre mergulhos ai, como eu e marido amamos mergulhar e estaremos viajando p europa depois do dia 15 maio, queríamos muito mergulhar ai na em dois dias, qual lugar mais perfeito p isso, e queremos curtir um pouco de tudo, vc pode nos ajudar, pois nosso tempo e curto, ficarei muito agradecida

  14. To adorando cada dica, e anotando 😉

  15. Maria Cristina

    Olá Patrcia,
    Mais uma vez, PARABÉNS pelo blog, sem dúvidas o melhor para brasileiros que querem visitar a Sicília.
    Veja se pode me ajudar com uma dúvida: o que de fato são os “lidos”? E possível entrar no mar em frente a eles, quem não estiver pagando pela infra?
    Desculpa pela pergunta meio esdrúxula, mas é uma dúvida rsrsrs
    Grata.

    • Patricia Kalil

      Oi Maria Cristina!

      Muito obrigada pelos elogios.
      Entendo perfeitamente sua dúvida, é complicado para nós brasileiros pois nas nossas praias não existem estruturas semelhantes.
      É possível sim entrar no mar em frente a eles, o que não pode é estender a canga na área delimitada, porque eles pagam pela faia de areia utilizada. Você verá cordas que delimitam o espaço, mas você pode caminhar por lá, pisar, nadar.

      Um abraço,

      Patricia

  16. Oi Patrícia,
    Seu blog é sensacional! Parabéns!
    Que roteiro você sugere para um casal, que quer descansar (sem correria entre uma cidade e outra e com tempo pra curtir), de 4/6 a 13/6/15? Chegaremos por Roma ou por Milão (onde ficaremos 2 noites) e o resto é na Sicília… Podemos chegar e sair por Catania ou chegar em Catania e voltar por Palermo, já que alugaremos carro por lá… Obrigada, beijo, Carla.

    • Patricia Kalil

      Oi Carla, obrigada!
      Visto que vocês querem descansar, e também dependendo do que querem ver, eu sugiro a escolha de duas ou três cidades-base. Sem dúvida Taormina seria uma delas, uma das cidades mais românticas da Itália. De lá você poderia fazer alguns passeios de bate e volta, um mini cruzeiro pelas Ilhas Eólias e além do mais em junho já dá tranquilamente para curtir as praias.
      Outra cidade que indico é Siracusa, lá você poderia ficar uma noite ou mesmo só visitar como passeio bate e volta saindo de Taormina.
      Bem, poderia citar outras cidades, mas dependeria da escolha do aeroporto de volta.
      Enfim, o fato de alugar um carro dá muita flexibilidade à montagem do seu roteiro. A Sicília é imensa e as possibilidades de itinerários, infinitas. Tudo depende do tipo de atrações que preferem ver, se aquelas históricas, naturais, as cidades maiores, etc.

      Um abraço,

      Patricia

  17. Olá! Estarei no final de junho na Sicília com minha esposa e nossa filha que estará com 8 meses. Você pode indicar a praia ou hotel de praia que possui a melhor estrutura para ficar com um bebê.

    • Patricia Kalil

      Olá Moacir,

      A maior parte das praias da Sicília – exceto aquelas localizadas em reservas ambientais – é bem estruturada para crianças.
      Infelizmente não tenho nenhum hotel para indicar, mas ao escolher o seu, verifique se oferecem serviços de “lido” (estabelecimentos com toda a infraestrutura necessária, cadeiras de praia, etc) ou se há um desses por perto.
      Em Taormina, por exemplo, todos os grandes hotéis localizados nas proximidades da praia, possuem este tipo de serviço, alguns até com praia privativa. Agora me veio em mente o Hotel Sant’Andrea de Taormina – http://www.belmond.com/it/villa-sant-andrea-taormina-mare/.
      Bem, é isso.
      Se tiver dúvidas sobre uma praia específica, pode perguntar!
      Um abraço,
      Patricia

  18. Olá!
    Sabe me informar se há locais para prática de Stand Up Paddle em Taormina?
    Agradeço desde já e parabenizo pelo conteúdo.

    Patrícia

  19. OI Pat, tudo bem? Estou pensando em ir para Sicilia 30/04 e ficar uns 20 dias pela região. Vc acha que eu e meu marido (será nossa lua de mel (!)) conseguiremos pegar uma praia, visitar as grutas de ISOLA Bella ou é melhor focar nas belezas arquitetonicas e outros passeios? Queriamos curtir um dolce far niente.. bjs
    Manu

    • Oi Manu!
      Olha, não dá para dizer com exatidão que você VAI conseguir pegar uma praia em maio, porém a probabilidade é alta. Meu conselho é deixar para os últimos dias da sua viagem, portanto metade do mês porque já vai tá fazendo mais calor. No entanto, a água vai tá gelada ainda, mas nada que um pouco de coragem não resolva.
      Na Sicília dá para fazer as duas coisas; se o tempo permitir, praia. Senão, um passeio cultural! Você pode fazer um plano A e um plano B :D.
      Bjos,
      Patricia

  20. Oi, Pat. Tudo bem? 😉

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia

  21. Oi Patricia! Mais uma excelente dica! Como estaremos aí em setembro/14, já temos quase que um roteiro definido graças às suas dicas. O que você acha de combinarmos num único dia Savoca e o roteiro do “Poderoso Chefão” – que você já explicitou aqui – com a praia de Letojanni, acho que fica no caminho, não? Voce tem alguma dica de estacionamento em Savoca e Letojanni? Estaremos de carro alugado. Obrigado novamente e um grande abraço!

    • Oi Ademir!

      Claro que dá para combinar as duas coisas. Em setembro só escurece lá pelas 8 da noite, então vocês podem passar a manhã na praia e lá pelas 16h podem ir à Savoca, por exemplo. O tour do Poderoso Chefão dá para fazer tranquilamente em uma tarde (ou manhã).

      Em Savoca há uma rua onde o estacionamento é gratuito, até porque não dá para ficar circulando de carro por dentro da cidade (as ruas são estreitíssimas!). Esta rua fica exatamente ao lado do Bar Vitelli, você irá ver as indicações.

      Já em Letojanni é melhor estacionar em um grande espaço bem pertinho da praia que eles reservam para o estacionamento, porque se eu não me engano, em boa parte das ruas há a placa proibido estacionar (divieto di sosta). De segunda à sexta é mais fácil encontrar vaga, já nos fins de semana é melhor ir cedinho, mas essa regra vale para as praias do Brasil também 🙂

      Um abraço,

      Patricia

  22. E eu aqui ,só degustando, anotando e aprendendo.
    Maio de 2015 estarei por aí …

  23. Antonio A.K. Oliveira

    Adorei a matéria feita pela Patricia Kalil. Parabéns pelo grande trabalho que está fazendo, mostrando para o Brasil as belezas da Sicília.

Comente!