Companhias aéreas que voam para a Sicília: as low cost

Atualizado em

“Qual o melhor modo de ir para a Sicília?” Essa é uma das perguntas mais frequentes que aparecem aqui no blog. E a minha resposta é sempre a mesma: de avião. É rápido, cômodo e muitas vezes barato.

Para ajudar quem está planejando a viagem, aqui elenco as principais companhias aéreas que voam para a Sicília e se caracterizam pelas tarifas mais baixas, as chamadas low cost.

⇒ Leia também: Quais são os aeroportos da Sicília?

Easy Jet

A EasyJet é uma companhia low cost inglesa, a terceira maior companhia low cost do mundo.

Aeroporto de Catânia

  • Cidades da Itália: Milão e Nápoles
  • Exterior: Basiléia, Londres, Manchester, Paris, Genebra e Hamburgo.

Aeroporto de Palermo  

  • Cidades da Itália: Roma e Milão
  • Exterior: Londres, Paris, Lion e Nice.

 

Meridiana/Air Italy

Meridiana é uma companhia italiana que nasceu com o intuito de servir a Sardenha e de fato conecta o aeroporto de Olbia com as principais cidades da Itália. Não há muitos voos saindo da Sicília, mas os precinhos são bem camaradas.

Risparmia acquistando online! Clicca Qui!

Aeroporto de Catânia

  • Cidades da Itália: Olbia, Milão, Roma
  • Exterior: Marselha e Munique

 

 

Ryanair

Uma das mais famosas companhias low-cost, a Ryanair atende os três aeroportos, mas é o de Trapani que possui o maior número de vôos, para dentro e fora da Itália. Atualmente a Ryanair dispõe dos seguintes vôos de/para a Sicília:

Aeroporto de Catânia

  • Cidades da Itália: Roma Fiumicino, Bolonha, Bérgamo, Milão (Malpensa), Perugia, Pisa, Turim, Treviso, Trieste
  • Exterior: Berlim, Madri, Malta, Marselha e Eindhoven.

Aeroporto de Palermo  

  • Cidades da Itália: Roma Fiumicino, Bolonha, Milão (Bergamo), Pisa, Treviso, Turim e Verona
  • Exterior: Madri, Sevilha, Marselha, Berlim, Dusseldorf, Memmingen, Londres, Dublin, Paris.

Aeroporto de Trapani

  • Cidades da Itália: Roma (Ciampino), Bolonha, Milão (Malpensa e Bergamo), Pisa, Gênova, Turim, Cuneo, Treviso, Trieste, Parma, Perugia, Ancona, Cagliari.
  • Exterior: Malta, Girona, Marselha, Memmingen, Paris, Baden-Baden, Bruxelas, Eindhoven, Maastricht, Frankfurt, Manchester, Bratislava, Cracóvia e Varsóvia.

 

Volotea

A companhia aérea low cost Volotea tem aumentado cada vez mais o número de cidades de/para as quais há vôos diretos a partir de Catânia e Palermo. Nem para todas as cidades existem vôos diários e parte deles só existem na alta temporada (de junho a agosto). À parte estes detalhes técnicos, é possível encontrar passagens aéreas realmente baratas com esta companhia áerea.

Aeroporto de Catânia

  • Cidades da Itália: Ancona, Bari, Cagliari, Gênova, Nápoles, Veneza e Verona
  • Exterior: Malta

Aeroporto de Palermo  

  • Cidades da Itália: Turim, Verona, Veneza, Olbia, Gênova, Nápoles e Bari
  • Exterior: Atenas, Mykonos, Santorini, Heraklion/Creta, Tel Aviv, Palma de Maiorca, Ibiza, Bordeaux, Nantes, Nice, Toulouse e Estrasburgo.




 

Vueling

A Vueling, assim como a Volotea, também tem aumentado o número de suas rotas para a Sicília e nem todos os vôos são diários. E a coisa boa da Vueling é o fato de encontrar bons preços de passagens com a mala já incluída. Bom demais!

Aeroporto de Catânia

  • Cidades da Itália: Roma e Florença
  • Exterior: Barcelona, Ibiza, Palma de Maiorca, Paris, Rhodes e Zurique

Aeroporto de Palermo  

  • Cidades da Itália: Roma e Florença
  • Exterior: Barcelona e Paris.

 

A Alitalia, mesmo sendo a companhia nacional e não low cost, ultimamente está tendo que se adaptar ao preço da concorrência. Não deixe de pesquisar seu vôo com ela também!

Vale lembrar que todas as companhias low cost cobram pelas malas a serem embarcadas e o peso e as dimensões da bagagem de mão têm que estar dentro dos limites permitidos por cada uma. As passagens podem ser compradas diretamente nos sites de cada companhia.

Importante: os destinos podem variar de acordo com a temporada. Alguns deles só são ativados durante o verão.

 


 

Reserve já seu hotel na Sicília!*

* Se você acessa o site do Booking através da caixa acima e faz uma reserva, além de ter utilizado um dos sites mais confiáveis do mundo, ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. E o mais importante: nenhum encargo é repassado para você!

 



Veja Também

aeroporto de palermo

Aeroporto de Palermo: como chegar, sair e outras dicas

Atualizado em 15/10/2017O Aeroporto de Palermo, ou melhor, Aeroporto Internazionale Falcone e Borsellino di Palermo-Punta …

22 comentários

  1. Olá Patrícia, boa, dia!
    Adorando suas dicas. Estou planejando minha ida à Sicília em 6 de outubro até 16out. Serão 10dias e gostaria de dar a volta na ilha. Pensei em ter como base Catânia, Taormina e Palermo e a partir daí conhecer as cidades vizinhas. O que você acha? Devo chegar por Catânia e sair por Palermo. Como dividir ose dias? Pensei em 2 na Catânia , 3 Taordinária e 5 em Palermo . Gostaria de sua opinião.
    Te agradeço muitíssimo! !!

    • Patricia Kalil

      Olá Mauracy,

      A divisão do seu roteiro está boa, talvez eu colocaria um dia a mais em Catania para fazer um passeio em Siracusa. Imagino que você vá aproveitar os dias em Palermo e Taormina para fazer alguns passeios, não é? De Palermo vale muito a pena dar um pulo em Agrigento e em Cefalù.
      Também chegar por Catania e sair por Palermo (ou vice-versa) é uma ótima decisão, assim você economiza tempo!
      Se tiver mais dúvidas, é só perguntar.

      Um abraço,

      Patricia

  2. Kamylle Bruno

    Olá! Parabéns pelo blog! Sensacional!
    Estou pensando em um roteiro que inclua Grécia (Atenas, Santorini, Mikonos, Milos), Sicília e Malta. Será que convém? Tenho dúvidas sobre o deslocamento. Saberia me dizer qual a melhor forma (tempo/custo/benefício) de ir da Grécia à Sicília e da Sicília à Malta? De Malta teria que voltar pra Itália pra poder voltar pro Brasil, certo? Não deve ter voo direto…Enfim, agradeço se puder me dar uma luz! bjos

    • Patricia Kalil

      Olá Kamylle,

      Para conseguir incluir esses lugares todos, você precisaria de um roteiro de um mês! Aí convém 🙂

      A única forma de ir da Grécia para a Sicília é de avião. Comprando com antecedência, você consegue passagens baratas de várias cidades da Grécia para Palermo com a companhia Volotea (http://www.volotea.com).
      Já para ir da Sicília para Malta, há várias opções, que eu expliquei aqui: Como ir de Malta para a Sicília
      Para voltar ao Brasil, você pode voar de Malta para Roma e de lá pegar seu voo para o Brasil. Você pode també, verificar se a companhia com a qual você viaja do Brasil tem codeshare com a AirMalta.

      Um abraço,

      Patricia

  3. Silvelena Souza Matias dos Santos

    Patricia, muito obrigada…beijos.

  4. Silvelena Souza Matias dos Santos

    Bom dia !
    Patricia queremos ir (eu, meu marido e meu filho de 16 anos) para Sicilia em janeiro de2018 e ficarmos por volta de 10 dias. Você poderia me dar algumas dicas, nunca fomos para a Italia. Qual melhor aeroporto ? Onde ficar ? Qual melhor companhia aerea?

    • Patricia Kalil

      Bom dia Silvelena,

      A escolha do aeroporto vai depender bastante do seu roteiro (eu escrevi sobre isso aqui: Quais são os aeroportos da Sicília?), por isso eu te aconselho a primeiramente fazer um esboço de roteiro, então escolher por onde chegar. Eu geralmente aconselho a chegar por um aeroporto e sair pelo outro (Palermo ou Catania). Saiba também, vindo do Brasil, você terá que fazer uma conexão em Roma, porque não há voos diretos para a Sicília. Um exemplo: Se você parte do Rio ou de São Paulo, uma opção é comprar as passagens com a Alitalia, colocando como destino final Palermo ou Catania. Deste modo, você não tem que fazer um novo check in em Roma e só retira suas malas no destino final. Assim você faz o inteiro trajeto com a Alitalia e não tem problemas com as bagagens.

      Quanto a onde ficar, bem, isso vai depender do roteiro que você decidir fazer. Dá uma olhada nas dicas de roteiros que tenho aqui no blog! http://descobrindoasicilia.com/tag/roteiros-pela-sicilia/

      Um abraço,

      Patricia

  5. Olá pessoal,
    Seguindo os conselhos da Patrícia, fui de Palermo a Roma de avião. Voei pela Vueling, porém adquiri a minha passagem pela Ibéria aqui no Brasil mesmo. Pagamos R$119,00 pelo trecho e foi ótima a opção, pois esse valor já incluía o despacho de uma mala de 23 kg, além da mala de cabine.

    Obrigada pelas dicas, Patrícia!

    • Patricia Kalil

      Olá Aline,

      Super obrigada pelo relato! Adoro quando os leitores me dão um feedback da viagem. Se um dia quiser publicar seu roteiro pela Sicília aqui, é só me falar!

      Beijos,

      Patricia

  6. Patricia,
    Primeiro parabens pelo blog. Tenho certeza que assim como tem me ajudado muito, tb tem ajudado e inspirado outras pessoas.
    Queria te pedir uma ajuda. Quanto +- seria um preço bom para ir da Sicilia (Palermo talvez) até o norte da Italia (Veneza talvez). Contando com 1 mala a ser despachada.

    • Patricia Kalil

      Oi Camila!

      Dizer um preço “bom” é complicado, porque tudo depende do período. Como da Sicília para Veneza não há muitas opções de companhias aéreas, então elas se aproveitam. Então digamos que, se você pagar menos de 100 euros (com mala) considere o preço como BOM! Se for menos de 80, é ÓTIMO. 🙂

      Um abraço,

      Patricia

  7. Ricardo Moura

    Oi Patricia!!!

    Que pena que vc não é guia…rs,
    Mas se pudesse nos ajudar com alguns passeios e roteiro nesta estadia na Cicilia,
    tipo os lugares que não poderemos deixar de visitar e tal, ficaria muito grato.

    Obrigado.

    Abraços,

    Ricardo.

  8. Ricardo Moura

    Olá Patricia!

    Chegaremos e sairemos por Milão, e já estão compradas as passagens, estavamos pensando em ir direto Milão/Cicilia o que acha? e depois na volta faço Roma e tal…
    Poderia nos ajudar na Sicilia, vc trabalha com isso também?

    abraços e obrigado,

    Ricardo.

    • Patricia Kalil

      Oi Ricardo!

      Sim, é uma ótima ideia vir de Milão diretamente para a Sicília. A ordem dos fatores não altera o produto :).
      Eu não sou guia, mas que tipo de ajuda você precisa? Se quiser, posso indicar uns passeios.
      Um abraço,
      Patricia

  9. Ricardo Moura

    Olá Patricia td bem?

    Vamos para Itália em agosto, minha esposa e eu estaremos comemorando 6 anos de casados, gostaria de uma ajuda sua, ficaremos por lá durante 15 dias e não conhecemos nada da Itália, não abrimos mão de conhecer Sicilia, mas tambem gostariamos de conhecer Toscana, teria como nos ajudar em um roteiro? pensei em fazer de carro Roma a Sicilia, mas não sei se dará tempo de voltar para fazer Roma, Milão, Toscana…

    Desde ja agradeço.

    • Patricia Kalil

      Oi Ricardo!
      Visto que vocês pretendem ver diferentes partes da Itália, meu conselho é que você prefira vir pra cá de avião, ou pelo menos faça isso na volta. Você chega na Itália por Roma? Outra sugestão que dou é que encaixe a Sicília no início ou no final da viagem, uma vez que a oferta de vôos Roma para Catania ou Palermo é maior (mas também há vôos diretos para Pisa e para Milão). Não sei se você chegou a ver, mas aqui nesse post dou dicas de como ir de Roma para a Sicília: http://descobrindoasicilia.com/2015/04/como-ir-de-roma-para-a-sicilia/
      Agora digamos que você chegue por Roma: uma opção seria comprar sua passagem aérea de ida diretamente para a Sicília, mas certamente você já deve estar com os bilhetes comprados. Neste caso, você chega em Roma, passa a quantidades de dias que quer passar, depois pega um voo para a Sicília. Para conseguir ver um pouquinho de nada aqui da ilha, você teria que passar no mínimo 5/6 dias. Depois disso, você poderia pegar um vôo para Milão ou para Pisa e continuar a sua viagem :).

      Espero ter ajudado.

      Um abraço,
      Patricia

  10. Marilena Garcia

    Adorei as suas informações
    Pretendo conhecer a Sicília e depois a Grécia
    Qual a melhor forma e roteiro?

    • Patricia Kalil

      Oi Marilena!

      Para poder te ajudar, você poderia ser mais clara e dar mais detalhes sobre a sua estadia (quanto tempo pretende ficar, o que gostaria de ver, etc)?
      Um abraço,
      Patricia

  11. Ana Cristina

    Olá Patrícia,
    Estou encantada com o seu blog! Virou um vício!
    Pretendo ir a Sicília em Setembro deste ano, primeira quinzena. Chegarei e sairei da Italia por Roma. Inicialmente faríamos Roma (que já conheço) e costa amalfitana, mas lendo seu blog fiquei louca para conhecer a Sicilia.
    Essa viagem seremos apenas eu e meu marido, e queríamos um pouco de tranquilidade. Mas estou achando q vamos correr muito!

    Dúvidas:

    1. Como chegar:
    Estarei de carro na costa, vale ir direto até a Sicília?
    Ou devolver o carro em Napoli e fazer torvamento de trem pegando outro carro em Messina?
    Se pretendesse ir de avião teria q voltar a Roma?
    E ferry, vi que existem os Gran Navi Veloci que fazem 5h de Civitavecchia a Palermo?
    Pensei a princípio em ir de carro e voltar de Ferry!?

    2. Roteiro:
    Em 6/7 dias consigo rodar os principais: Taormina 4 dias para Etna, Siracusa e ilhas Eólias e/ou Agrigento, e Palermo 2 dias. Pode ser que possa colocar mais um dia., pois seriam cinco para Costa e 2 para Roma.

    Sei que ainda tenho tempo, mas adoro viajar antes da viajem! Neste momento estou terminando um roteiro para Londres, Bruxelas e Amsterdam, e já pensando na próxima!

    Aguardo suas orientações!

    • Patricia Kalil

      Oi Ana Cristina!

      Que bom que o blog está sendo útil para a sua viagem!
      A maneira mais prática e rápida de vir para a Sicília a partir de Nápoles é de avião. Você não precisa voltar para a Roma, é só entregar o carro no aeroporto de Nápoles mesmo. E visto que a maior parte dos lugares que você quer ver fica na costa leste da Sicília, chegue pelo aeroporto de Catania. A viagem dura somente 1h. Deixe Palermo por último, aí você termina a viagem por lá. Chegar por um aeroporto e sair por outro é o melhor modo de otimizar a viagem!

      Os 4 dias em Taormina com essa quantidade toda de passeios que você quer fazer, seriam uma grande correria. No caso das Ilhas Eólias, você faria um mini cruzeiro, certo?

      Uma pergunta: depois que você for embora da Sicília, sua viagem pela Itália prossegue? Pergunto isso porque queria saber o motivo de você ter pensado em ir de Palermo a Civitavecchia. Se coincidir com a sua volta para o Brasil, por exemplo, o ideal seria pegar um avião de Palermo para Fiumicino diretamente. Não teria sentido algum ter que ir a Civitavecchia, de lá pegar um trem para Roma Termini e então outro trem para Fiumicino. Se, no entanto, você fosse continuar os passeios em Roma, teria mais lógica! 🙂

      Se tiver mais dúvidas, é só perguntar!

      Um abraço,

      Patricia

  12. Otimo post Patricia, eu sempre vou a sicilia com a Ryanair, ja fui por Palermo e Trapani. Saudades de Trapani. bjim

Comente!