Logo

Snorkeling na Sicília

Dicas de lugares para praticar snorkeling na Sicília

Por

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someonePrint this page

Você gosta de mergulho? Nadar para observar e admirar a vida marinha de um lugar é uma das melhores atividades para fazer no mar. As águas cristalinas de boa parte do litoral proporcionam mergulhos inesquecíveis e, por isso, aqui vão algumas dicas de lugares onde praticar snorkeling na Sicília.

Mergulhar com snorkel não requer nenhum esforço grande ou equipamento especial, além, claro, da máscara de mergulho com o tubo e os pés de pato (opcionais). É uma atividade que pode ser praticada na superfície ou chegando a 5 metros de profundidade, ao contrário do diving, que consiste em fazer mergulho com cilindros de oxigênio e exige conhecimento da técnica. Fazer snorkel é, portanto, algo acessível a todos, inclusive para quem está com crianças.

A Sicília é um local ideal para experimentar o mar em todos os seus aspectos. Podemos desfrutar da natureza intocada e cenários deslumbrantes e ricos de diversas espécies marinhas. Durante o mergulho é possível conhecer muitos organismos marinhos vegetais e animais, descobrir a variedade de espécies que habitam o mar que banha a Sicília, as pradarias marinhas, peixinhos, lagostas e corais, mesmo em baixa profundidade.

Snorkeling na Sicília

Onde mergulhar com snorkel na Sicília

Munidos de máscara e snorkel, te esperam na Sicília paisagens marinhas fascinantes. Ok, talvez não tenham as cores e a beleza daquelas de Fernando de Noronha ou do Caribe, mas tenho certeza que o Mediterrâneo também vai saber te conquistar.

Snorkeling na Sicília

Snorkeling na Sicília: Riserva dello Zingaro

A Riserva dello Zingaro, entre Castellammare del Golfo e San Vito Lo Capo, é um dos lugares mais incríveis aqui da ilha. É uma reserva ambiental onde as praias – com suas águas cristalinas e vistas deslumbrantes – se estendem ao longo de 7 km,  é o lugar perfeito para fazer snorkel na Sicília. Paredes de calcário criam um cenário natural que casa perfeitamente com a vegetação mediterrânea.

Fotos da Sicília: Riserva dello Zingaro

No fundo do mar, a poucos metros da beira das praias da reserva, você encontra algas coloridas, anêmonas e esponjas, além de cavernas que escondem peixes das mais diversas cores. Em águas mais profundas, você também pode ver exemplos de coral vermelho!

 

Mergulhar com snorkel em Ustica

Entre os melhores lugares para mergulhar na Sicília, não posso não mencionar Ustica, a primeira reserva ambiental marinha da Itália e ilha formada a partir da ponta de um vulcão submarino. Suas águas estão entre as mais espetaculares e a área é considerada um paraíso para mergulhadores.

Ao longo da parte oeste da ilha, pesca e barcos não são permitidos, mas nadadores e mergulhadores podem explorar a área tranquilamente. As águas de Ustica são beneficiadas por uma forte entrada do Oceano Atlântico, o que torna o mar da ilha entre os mais claros e livres de poluição da Itália. Cardumes de dourados  nadam perto da superfície, bem como de peixes-rei.

Os pontos de mergulho com snorkel mais interessantes em Ustica são certamente as cavernas. Há várias, todas diferentes e todas muito fascinante. Estas cavernas são lugares perfeitos para atividades de observação do mar: você pode conhecer diferentes colônias de espécies de corais, tapetes e mais tapetes de grama marinha, grandes garoupas. Mergulhos mais profundos possibilitam o avistamento de sargos, pargos, atuns, tartarugas, barracudas e enguias.

Entre as cavernas mais famosas estão a Gruta Azul e Gruta Rosata, mas o snorkeling em Ustica passa também pela gruta Pastizza, a Gruta do Ouro, a Gruta dos Barcos e a Gruta Verde. Rotas submarinas o levarão a descobrir a piscina natural de Punta Cavazzi e enseadas fascinantes, como Cala Sidoti e Cala Madonna.

Outros lugares interessantes para fazer snorkeling (e não só) em Ustica, são o Lo Scoglio del Medico (Rochedo do Médico) com uma sequência de cavernas de basalto, além da Secca della Colombara (um banco de areia), cercada pelas cores brilhantes das esponjas e corais. Não perca também a Grotta dei Gamberi (Grutas dos Camarões), uma enseada horizontal com uma profundidade de cerca de 40 metros, onde você ficará circundado pelos famosos camarões de Ustica.

Leia minhas dicas de Ustica: Ilha de Ustica: o paraíso do mergulho na Sicília

 

Snorkeling na Sicília: Plemmirio, Siracusa

A Reserva do Plemmirio, localizada a sul de Siracusa, é uma reserva ambiental marinha de cerca 2.500 héctares de mar.  Ao longo da costa, nadando em meio às inúmeras espécies que povoam a área, é impossível não se encantar com a fauna e flora marinha que lembram a barreira coralina.

Snorkeling na Sicília: Plemmirio

Entre Castelluccio e Punta Tavernara a profundidade não é muito grande, enquanto entre esta último e o Capo Murro di Porco a profundidade chega até 40 metros. A erosão marinha ao longo do tempo criou inúmeras grutas que podem ser exploradas com máscara, snorkel e pés de pato.

O poeta grego Virgilio definiu o Plemmirio “um limite entre terra e mar”, e hoje o lugar é uma meta imprescindível para quem gostaria de mergulhar com snorkel na Sicília e explorar o fundo na belíssima costa a sul de Siracusa.

 

Taormina: Isola Bella e Mazzarò

Em Taormina, meta siciliana conhecida no mundo inteiro, a combinação entre história, cultura e  mar é perfeita.

A reserva natural de Isola Bella é um parque marinho protegido pelo WWF. É possível nadar ladeando as paredes da Gruta Azul, cercado por uma grande variedade de flora e fauna, enquanto admira a morfologia da costa e o fundo do mar.

praia em Taormina

Os vários túneis de Isola Bella, a longa parede antes da Gruta Azul, os restos das colunas gregas no fundo de Capo Taormina, esponjas coloridas, corais, algas de todas as formas, polvos, bancos de peixes e até mesmo moreias enriquecem o fundo do mar de Taormina.

Tour guiado: Mergulho com snorkel em Isola Bella saindo de Taormina

 

Acitrezza e as Ilhas dos Ciclopes

Outro lugar perfeito para o snorkeling, as Ilhas dos Ciclopes ficam a 400 metros da costa de Acitrezza, perto de Catania. Trata-se de um grupo de rochedos, que, segundo a lenda, vieram parar neste ponto quando o ciclope Polifemo os lançou, em um momento de ira, contra Ulisses – que havia acabado de cegar o gigante para escapar de suas garras.

Os faraglioni de Acitrezza

Os mitológicos rochedos de Acitrezza.

Mitologia à parte, é possível nadar em torno dos rochedos, ou você pode alugar caiaques e mergulhar para explorar debaixo d’água. Ao praticar snorkeling no mar de Acitrezza, você poderá admirar as antigas erupções vulcânicas do Etna, mergulhando em um cenário único e memorável, constituído por esculturas naturais de lava, basalto e formações típicas das erupções vulcânicas subaquáticas.

Tour guiado: Snorkeling na Riviera dos Ciclopes a partir de Acitrezza

 

La Timpa, Acireale

Pouco depois de Acitrezza, já perto de Acireale, no vilarejo de Santa Maria La Scala, você encontrará a reserva La Timpa. Existem duas maneiras de chegar ao mar – de carro ou a pé. De carro é menos árdua – mas para quem vai a pé a vista quando você estaciona no topo do penhasco e percorre o caminho íngreme para a parte inferior, é de tirar o fôlego.

Un post condiviso da sergio@sottile.com (@sergio.sottile) in data:

Para encontrar a melhor área onde mergulhar com snorkel, atravesse o quebra-mar rochoso, na parte onde a estrada que atravessa o vilarejo chega ao fim. Quando o mar está calmo, você verá uma abundância de peixes na água. A vegetação espessa no penhasco fornece um paraíso para passarinhos, e o canto deles vai ser a trilha sonora do seu dia!

 

Snorkeling na Sicília: Ilhas Eólias

As Ilhas Eólias são um oásis de beleza e paz suspenso entre o céu e a terra, circundada por um mar extraordinariamente rico de flora e fauna marinha para explorar e contemplar. O mergulho e o snorkeling são as atividades mais procuradas para admirar os belos cenários deste arquipélago.

Vulcano é definitivamente a ilha com mais pontos de mergulho, por causa de suas cavernas, mas, neste caso, o passeio é recomendado apenas para nadadores experientes e para aqueles que são hábeis em respirar com o snorkel. Em Vulcano se encontra a famosa Piscina di Venere, uma piscina natural criada pelos recifes e onde as águas são claríssimas.

Também em Vulcano vale a pena conhecer a Grotta del Cavallo, que como as outras cavernas foi criada a partir das erupções do vulcão. Outras paradas legais ​​para snorkeling são a Baia Vinci, o rochedo da Pequena Sereia (scoglio della Sirenetta) e a praia do farol de Gelso. Porém é a Gruta Azul, o lugar mais incrível para fazer snorkeling em Vulcano. Ela é acessível nadando em um túnel escuro curto e que leva a uma caverna iluminada por um raio de luz que passa através de um buraco na parede da rocha. Lembra muito o filme A Lagoa Azul! Graças à passagem de luz, a água fica com mil tons de azul, e como é raso, é possível ver peixes e corais de perto.

Ilha de Vulcano

Mas as outras ilhas do arquipélago também são interessantes para quem pretende praticar snorkeling na Sicília. Em Panarea, os melhores lugares são a Cala Junco, Lisca Bianca e Lisca Nera, bem como nas belas águas que cercam as ilhotas de Dattilo e Basiluzzo.

Lipari oferece o esplendor de suas águas de Punta Castagna, Spiagge Bianche e as belas falésias que se erguem sobre o mar, na parte sul da ilha.

Já em frente a Stromboli, fica Strombolicchio, pequena ilha vulcânica (300m²), em 1991, declarada uma reserva natural. O fundo do mar ali é o lar de esponjas, corais e algas.

De frente para a pequenina Strombolicchio

 

Esses que citei são lugares perfeitos para praticar mergulho livre, entre cardumes de peixes e verdadeiros tapetes de grama marinha. Venha viver uma aventura e descobrir as belezas do fundo do mar da Sicília. Coloque já seu snorkel na mala!

 

 

 

Assine nossa newsletter mensal e receba dicas da Sicília no seu e-mail!

Comente!