Logo

Passeio de bicicleta em Siracusa

Siracusa: conheça a ciclovia com vista para o mar

Por

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someonePrint this page

A Sicília não é exatamente uma terra onde as bicicletas dominam o trânsito, mas em alguns lugares por aqui há trechos que merecem ser percorridos, seja com uma bike ou a pé durante um tranquilo passeio. É o caso da ciclovia de Siracusa, com sua espetacular vista para o mar.

A ciclovia tem quase 7km de extensão e é toda de chão batido. Não é exatamente uma ciclovia tradicional, de pista lisinha, não mesmo. Um passeio de bicicleta ali pede ou uma mountain bike ou pelo menos uma bicicleta com bons amortecedores.

ciclovia de Siracusa

A ciclovia é um lugar que geralmente nem entra nos roteiros de quem visita Siracusa. Na verdade, frequento Siracusa há quase 10 anos e por todo esse tempo nunca tinha ido passear ali, pelo menos não até uma amiga que vive na cidade – e a conhece melhor que eu – ter me levado lá. Desta vez não estamos em Ortigia, mas a cerca de 2km do centro histórico.

ciclovia de Siracusa

O início da ciclovia. A pista leva nome de Rossana Maiorca, filha do campeão mundial de apneia, natural de Siracusa, Enzo Maiorca.

A ciclovia inicia na Piazza Cappuccini, onde fica um monumento dedicado aos soldados mortos na África durante a colonização da Etiópia por parte da Itália, entre os anos de 1935 e 1936. Uma curiosidade: O monumento deveria ter sido erguido em Addis Abeba, capital da Etiópia, mas quem sabe por que terminou sendo colocado neste belo terraço panorâmico, com vista para um mar cintilante. Um lugar com uma das paisagens mais bonitas de Siracusa.

ciclovia de Siracusa

“Monumento ai caduti” – O monumento em homenagem aos soldados mortos na África durante a colonização da Etiópia por parte da Itália (coisas de Mussolini).

À esquerda do monumento você verá uma plaquinha que indica o início do percurso de chão batido. A ciclovia foi aberta em 2008 ao longo de um antigo trecho da ferrovia que ligava Siracusa a Catania. Com o desmantelamento da ferrovia, decidiram convertê-la em uma pista que pudesse ser utilizada tanto por pedestres quanto por ciclistas e que poderia ser melhor utilizada no futuro, visto que ela também dá acesso a um sítio arqueológico, o chamado “Parque das muralhas Dionisíacas”.

passeio de bicicleta em Siracusa

Por todo o tempo a gente caminha com o mar ao nosso lado, um mar que, aliás, tem cores incríveis, em diferentes tons de azul. Já do outro lado a paisagem não é por nada fascinante, cheio de edifícios residenciais. É que o percurso atravessa os bairros populares de Siracusa chamados Mazzarrona e Santa Panagia, onde vivem muitas famílias de baixa renda.

passeio de bicicleta em Siracusa

Mas o que interessa é só este lado, não é mesmo?

Por vários momentos saímos da ciclovia, nos aproximando dos penhascos para observar o mar batendo nas rochas. É hipnotizante as cores desse trecho de litoral! Por vários momentos você verá se intercalar tons distintos de azul graças ao fundo do mar, por vezes formado pelas rochas claras típicas do sudeste da Sicília.

Mar de Siracusa

Estão vendo aqueles dois rochedos no lado esquerdo, um di lado do outro, um pequenininho e um maior? Eles têm um nome, são chamados de “Scogli Due Frati”, algo como rochedos dois irmãos. Eles são um cartão postal do litoral de Siracusa!

Litoral de Siracusa

Mais azul clarinho, azul e azul marinho.

O mar é, para mim, a principal atração da ciclovia, mas não é a única. Em 2015 foram colocadas 10 obras de arte contemporânea ao longo do inteiro percurso de 6km. A ideia era criar um parque de esculturas realizadas por artistas provenientes de diferentes partes do mundo, criando uma espécie de linguagem entre arte antiga, natureza e arte contemporânea.

Passeio de bicicleta em Siracusa

O soldado de bronze realizado pela escultora italiana Moira Ricci.

Se você passeia pela ciclovia de Siracusa a pé ou de bicicleta, pode percorrer ela toda ou ir até onde quiser. De bicicleta se leva cerca de 1h para fazer o inteiro percurso. Independentemente do meio, vale sempre a pena sair da pista e ir percorrendo as trilhas laterais que levam até as pequenas enseadas que formam prainhas.

Ciclovia de siracusa

 

Ciclovia de siracusa

No verão, essas prainhas rochosas se enchem de banhistas. Há pequenos trechos de areia e muitas pedras. Porém, tendo cuidado, dá para entrar no mar, frequentemente calmo, para dar um mergulho ou fazer snorkelling. Assim, se você fizer este passeio, vista seu traje de banho por baixo da roupa e esteja pronto para dar um mergulho!

Com certeza esta mini piscina formada pelas rochas deve ser alvo dos banhistas no verão!

 

Dicas para você aproveitar bem o passeio

  • A posição do sol e as condições do tempo são muito importantes para conseguir ver o mar dessa cor. Tente ir pela manhã, no máximo no início da tarde. No fim de tarde você verá o mar azul escuro, uma vez que o sol de põe no lado oposto, atrás dos montes;
  • Nos dias tórridos do verão, prefira fazer este passeio bem cedo. Não há sombra em lugar algum!
  • Se você preferir fazer este passeio de bicicleta, há vários lugares para alugar uma na cidade. Além disso, vários hotéis que fornecem este serviço.
  • A poucos metros do início da ciclovia, fica a Latomia dei Cappuccini, uma ex-pedreira que forneceu, por séculos, o material para a construção da cidade de Siracusa. A abertura da Latomia dei Cappuccini segue um calendário específico. Saiba mais AQUI.
  • Na Piazza Cappuccini há um bar (Bar Drago) que é um ótimo lugar para tomar uma granita ou uma bebida refrescante. É uma boa ideia do que fazer no fim do passeio!
Piazza Cappuccini, Siracusa

O mar visto da Piazza Cappuccini.

Como chegar à ciclovia de Siracusa

Como escrevi anteriormente, a ciclovia de Siracusa inicia na Piazza Cappuccini, uma praça que fica a 2km de Ortigia. Quem não quiser chegar lá andando, pode pegar, por exemplo microônibus nº3 (linha verde) que sai do Molo Sant’Antonio em Ortigia.

Quem for de carro, pode deixar o veículo na chamada “Riviera Dionisio il Grande”, há uma série de vagas de estacionamento (gratuito) ali.

Uma vez na Piazza Cappuccini, a ciclovia inicia à esquerda do monumento aos soldados.

Assine nossa newsletter mensal e receba dicas da Sicília no seu e-mail!

Comente!