Logo

A Sicília nas quatro estações

Por

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someonePrint this page

A Sicília possui um mar esplêndido e suas praias e ilhas menores são procuradas por turistas do mundo inteiro. Mas não é por ser uma ilha que a Sicília pode ser curtida somente no verão: a grandiosidade de seu patrimônio histórico e cultural, juntamente com a hospitalidade dos sicilianos fazem da Sicília uma terra visitável em em qualquer mês no ano.

O inverno na Sicília é muito mais ameno do que no resto da Itália, e desde que vivo aqui nunca tive um inverno igual ao outro. Lembro-me que meu primeiro inverno siciliano, em 2007, foi muito frio, certamente o inverno mais frio até hoje. Já em 2009 os termômetros registraram quase 30º durante as festas de fim de ano, um verdadeiro pesadelo para as estações de esqui daqui (sim, na Sicília existem estações de esqui).

A Sicília no inverno é ideal para quem gosta de tranquilidade e adora aproveitar a baixa temporada (e seus precinhos camaradas). Neve permitindo, não desperdice a chance de esquiar em um vulcão, ou no caso dos menos corajosos, como eu, escorregar sentado mesmo e fazer um boneco de neve. O panorama de Taormina, com ao fundo o Etna todo branquinho e o mar lá embaixo, é algo que me emociona todas as vezes.

Clique AQUI para saber mais sobre as temperaturas da Sicília em Dezembro, Janeiro e Fevereiro

Rifugio Sapienza no Etna, bem pobre de neve, em dezembro de 2013

Rifugio Sapienza no Etna, bem pobre de neve, em dezembro de 2013 – Foto: Acervo Pessoal

A Sicília no inverno: panorama do Teatro Grego de Taormina com o Etna escondido entre as nuvens - Foto: Acervo Pessoal

A Sicília no inverno: panorama do Teatro Grego de Taormina com o Etna escondido entre as nuvens – Foto: Acervo Pessoal

A primavera e o outono são as minhas estações favoritas. Neste período do ano, mais especificamente nos meses de maio e setembro, as temperaturas são bem semelhantes às médias brasileiras. Setembro é o mês preferido de quem odeia praias lotadas: é possível tomar sol tendo um espaço decente à disposição na areia, pois a maior parte dos turistas italianos já voltaram às suas cidades. De março a maio e do fim de setembro ao início de novembro os passeios ao ar livre são extremamente prazerosos e são os meses que eu mais indico para quem tem a intenção de visitar os parques arqueológicos e quer admirar as belezas arquitetônicas sem correr o risco de pegar uma insolação.

Clique AQUI para saber mais sobre as temperaturas da Sicília de março a junho

primavera na sicilia

O verão siciliano é tão famoso que já virou até tema de best-seller. De junho a agosto a Sicília é invadida por milhares de turistas  em busca de praias paradisíacas. As temperaturas neste período frequentemente superam os 40ºC, e por este motivo é um período desaconselhável a quem não consegue suportar o calor. A Sicília no verão é mar e basta, e como acontece em várias cidades da Itália, muitas localidades longe do mar viram cidades-fantasma. Por ser alta temporada, os preços no verão aumentam muito, mas tudo tem um limite. Por isso fique sempre atento aos espertalhões que gostam de passar a perna nos turistas desavisados.

Ilha de Salina

Mar da Ilha de Salina, Eólias.

Não se esqueça do filtro solar, tome café da manhã com granita e brioche e volte para casa com um bronzeado de dar inveja.

  • Clique AQUI para saber mais sobre o verão siciliano;
  • Se você viaja em outubro ou setembro, clique AQUI para ver minhas dicas do que coloca na mala!


Planeje sua viagem

Reserve já seu hotel na Sicília!*

* Se você acessa o site do Booking através da caixa acima e faz uma reserva, além de ter utilizado um dos sites mais confiáveis do mundo, ainda ajuda o blog com uma pequena comissão. E o mais importante: nenhum encargo é repassado para você!

 

Curta o blog no Facebook!

Assine nossa newsletter mensal e receba dicas da Sicília no seu e-mail!

120 Comentários

  1. Blog sensacional! Alfredo bjs. Filome

  2. Olá Patrícia,
    Agradeço muito sua gentileza nas respostas. Concordo com você que é uma decisão de gosto pessoal… o ideal seria ter tempo para parar em cada cidade e curtir todo seu clima por alguns dias e não apenas visitar os pontos turisticos. Mas como não é sempre possível, acabamos nesse dilema.
    Lendo sua resposta e lembrando que iremos no inverno, fechamos agora 2 noites em Siracusa ( que com certeza não nos arrependeremos) e 3 em Catânia ( talvez com mais estrutura para este período). De Catania poderemos ir 1 dia para Taormina e 1 dia para o Etna , se o tempo ajudar.
    Estamos um pouco preocupados, procurando mais informações, sobre como fazer com o carro quando chegar em Siracusa e Catania. Nas nossas hospedagens não há estacionamento…. Poderia dar alguma dica?
    abraços
    Denise

    • Olá Denise,

      Desculpa a demora me responder, mas estava viajando.
      Uma dica que posso dar é que você verifique com os hotéis se eles têm alguma convenção com estacionamentos particulares.
      Caso não tenham, posso indicar onde estacionar: em Siracusa tem um estacionamento tipo garagem público bem próximo a Ortigia. O valor do ticket é de 1 euro por hora (a primeira hora custa 0,50) ou 10 euros por dia caso o carro fique lá 24h.

      Em Catania também tem estacionamentos tipo garagem, mas não sabendo onde fica o seu hotel, fica difícil indicar um, já que a cidade é grande! (no centro há dois, na orla 1). Se você já souber onde vai ficar em Catania, posso te indicar aquele mais próximo.

      Um abraço,

      Patricia

  3. Olá Patrícia,
    Seu blog sobre a Sicilia tem nos ajudado muito nos preparativos para a viagem que faremos a partir de 14 de Dezembro próximo. Vou com meu marido e três filhos , 2 adultos e 1 adolescente. Partiremos de Roma no dia 21 para Palermo (reservamos 4 dias) e retornaremos de Catania no dia 30 , de avião. Ou seja, serão 9 noites na Sicilia. Estamos torcendo por um inverno ameno, para conhecer as cidades da região ( pelo menos , Agrigento, Siracusa, Taormina ), os sítios arqueológicos , a gastronomia e cultura local. Lendo tantos comentários,gostaria de sua sugestão para o trecho final após Palermo: ficamos hospedados os 5 dias em Catânia e fazemos bate volta para Taormina e Siracusa? Vale a pena abrir as malas e ficar 2 dias em Siracusa e 3 em Catânia ? Ou ainda , li agora que Catânia não vale a pena e é melhor ficar em Taormina e de lá ir direto para o aeroporto…. Nossa´é muito difícil decidir. Para ir até o vulcão Etna é melhor de Taormina ou Catânia? Se puder responder, agradeço muito pois só falta fechar esta parte do roteiro.
    abraços

    • Oi Denise!

      Olha, essa questão de mudar de cidade (dividir as 5 noites entre Taormina e Siracusa) é muito relativa, é questão de gosto pessoal! Não posso opinar sobre isso e dizer se vale a pena não. Há pessoas que preferem ficar em um lugar só e outros que gostam de curtir também a noite nas outras cidades, mesmo tendo que mudar de hotel sempre. Taormina e Siracusa são lindíssimas e são muitas as pessoas que preferem dormir nessas duas cidades, inclusive porque elas têm um turismo de nível mais alto, com hotéis e restaurantes mais charmosos.

      Quanto a Catania, é questão de amor e ódio. Há quem ame e quem a acha muito feia. Eu adoro aquela cidade, mas mais uma vez é questão de gosto pessoal.

      Se posso dar uma sugestão, já que você vai ficar em Palermo, uma cidade grande, pode aproveitar a segunda parte da viagem e ficar em cidades pequenas, como Siracusa e Taormina! (acabei opinando rsrs).

      Quanto a ir ao Etna, é indiferente, dá para ir tranquilamente tanto de Taormina quanto de Catania.

      Um abraço,

      Patricia

  4. Estou querendo ir mês que vem, setembro para Sicilia e ficar uns 12 dias. Queria saber se dá ir à praia, não só para tomar sol, mas tomar banho d mar também. Penso em ficar em Taormina e conhecer as redondezas, como Siracusa, o Etna, as Eólicas, mas gostaria de mais alguma dica de cidades próximas para conhecer.
    Pretendo ficar em apartamento, alugar pelo Airbnb, mas se não encontrar nada que me agrade, vc indicaria algum bom e confortável hotel?
    Aguardo e aproveito pra dizer que adoro o seu blog! Muito bom!
    Abs

  5. Fiquei encantada com sua atenção e sensibilidade com cada viajante ! E com seu foco ! Vim procurá-la por uma exclamação que ouvi fora daqui : “” NÃO É FÁCIL VIVER NA SICÍLIA “” … Ouvi no meu consultório de psicoterapia , ouvi de amigo , ouvi em postagem ! Claro que sei que certamente a diferença é imensa quando se está viajando e quando morando ! Me fale sobre Ragusa e Comiso …. Gostaria de aprender como se vive aí … culturalmente socialmente , centros urbanos distâncias , tipo de população etc ? Abraço agradecido da Suzana ! suzana.duclos@gmail.com

    • Olá Suzana!

      Realmente não é nada fácil viver na Sicília. Não foi fácil para mim, tive que me adaptar e me reinventar. Não é por nada fácil viver num lugar onde a taxa de desemprego é uma das maiores da Itália. Esse talvez seja o maior problema da Sicília. Mas não é só isso: acredito que, quando dizem que não é fácil, é porque muitas coisas não funcionam, falta infraestrutura e investimento em determinados setores. A dificuldade está aí, não necessariamente nas diferenças culturais ou sociais. Eu conheço vários brasileiros que viviam aqui e decidiram voltar ao Brasil, uma porque não conseguia emprego e não se adaptou, outra por causa da distância da família. Também são muitos os sicilianos que vão em busca de oportunidades em outros países porque aqui não encontravam soluções.

      Você é psicoterapeuta e, muito melhor que eu, sabe que a questão da adaptação depende de cada pessoa. Eu estou cercada de pessoas amáveis, que sempre me fizeram sentir bem e importante, e isso facilita muito a minha vida aqui.

      Eu não noto muita diferença entre o povo brasileiro e o siciliano em termos de relações interpessoais, de acolhimento. Normalmente são muito calorosos. Culturalmente há algumas diferenças, mas nada de totalmente diferente do Brasil. Acredito que aqui há mais apego com a família, as pessoas têm mais cuidado com o que comem, como se vestem. Todo mundo tem um carro, inclusive as pessoas mais pobres, porque é praticamente impossível viver só dependendo do transporte público.

      Em relação a Ragusa, é provavelmente uma das cidades onde se vive melhor na Sicília. É de médio porte, limpa, com boas praias, em termos de qualidade de vida está à frente das outras cidades importantes da ilha. Fica a 100km da segunda maior cidade da Sicília, que é Catania, onde há um aeroporto internacional de onde partem voos para as principais cidades da Europa. Eu nunca fui a Comiso, porque não é uma cidade de interesse turístico, não sei te dar mais informações sobre lá além de dizer que tem um aeroporto pequenininho, aberto há poucos anos para atender aquela parte da Sicília, que é muito procurada por turistas do mundo inteiro (Ragusa, Modica, Scicli e as praias da área). Considerando o tamanho de Comiso, imagino que seja uma cidade como aquela onde vivo, pacata, onde todo mundo se conhece.

      Mas enfim, o melhor modo de aprender a viver aqui, é vir e ver com os seus próprios olhos!

      Um abraço,

      Patricia

  6. Oi Patrícia, adoro seu blog. E agora estou lendo pra planejar minha própria viagem. \o/
    Vou a Sicília, provavelmente no final de outubro, e me pergunto se é uma boa época. Ouvi dizer que no outono muitos restaurantes e atrações fecham. É assim mesmo?
    um beijo

    • Olá Pamela!

      Eu considero o final de outubro uma boa época, sim, desde que você não queira basear seu roteiro em praias. Os passeios de barco e hotéis das ilhas menores, por exemplo, só ficam ativos até a metade do mês. Além disso, o clima naquele período já não é mais de praia (20 / 25ºC). Já se a sua ideia é conhecer as cidades, não terá problema algum. Aliás, é um período ótimo.

      Um abraço!

      Patricia

  7. Olá Patrícia,
    Estou indo para Sicília em Setembro, e vou ficar poucos dias , mais ou menos 4 dias.
    Tenho a opção de ir por Catânia ou Trapani, pois vou sair de de Malta.
    Gostaria de saber qual a sua opinião sobre as duas? Qual é melhor?
    Eu estou encantada com as praias próximas de Trapani, porém viajar para Catânia esta mais em conta.

    • Olá Gabriela,

      Não existe uma “melhor”, são duas coisas completamente diferentes. Se você quiser fazer um roteiro de praias, então escolha Trapani, porque como você mesma disse, as praias de lá são incríveis (Favignana, San Vito Lo Capo, Scopello, etc.). Se a sua ideia é ver cidades, então é melhor Catania. De lá você pode visitar Taormina (que tem praia bonita também!), o vulcão Etna, Siracusa. Enfim, só você mesma para decidir! 🙂

      Um abraço,

      Patricia

  8. Parabéns Patricia, sua dicas são as melhore!
    Vou para a sicilia dia 15 de agosto e ficarei até o dia 30. A minha dúvida é em relação a Palermo, não sei se fico hospedada lá ou em outra cidade próxima, como: Trapani ou Marsala, pois quero fazer algumas vicolas. Gostaria de saber também como faço para reservar algumas vinicolas para fazer degustação, me falaram sobre a vinicola Firriato, vale a pena mesmo?
    e sardegna quais sãos os passeios imperdíveis?
    Muito obrigada.
    Beijos,
    Joze Cristiane

    • Oi Joze,

      Obrigada! Sou avantajada porque moro aqui, aí posso dar boas dicas 🙂

      Olha, as melhores vinícolas ficam mesmo entre Trapani e Marsala, mas se você vai passar 15 dias aqui na Sicília, não daria para incluir uns 3 dias em Trapani, além de Palermo? São dois lugares completamente diferentes, você teria que analisar qual dos dois mais encaixa no seu perfil. Se você ficar em Trapani poderá visitar, além da vinícola, Erice, Marsala, até mesmo fazer uma excursão de barco a Favignana. Se ficar em Palermo, você teria os monumentos da cidade para ver e, em dia, poderia fazer um bate e volta a uma vinícola de Trapani (de carro).

      A Firriato é linda, eu tava tentando ir lá na semana que vem, mas sei que não vou conseguir (não dará tempo). Ela fica numa zona rural lindíssima.

      Já em relação a Sardenha, não posso te ajudar. É que aqui na Sicília tem tanto lugar lindo para ver, que eu nunca senti a necessidade de ir lá. Então eu nunca estive na Sardenha!

      Um abraço,

      Patricia

  9. Prezada, tenho lido algumas coisas e inicialmente faria a Sicília de moto, num roteiro de 05 dias. O problema é o mês do ano: Novembro. Entre o dia 10 e 25 de novembro, Vc acha viável? Não quero praia, quero paisagens, lugares históricos e vilas.

    • Olá Osvaldo,

      Eu acho muito pouco tempo 5 dias, a Sicília é muito grande. Eu geralmente aconselho a passar no mínimo 8 dias aqui, para ver somente o essencial. À parte isso, novembro é um dos meses mais complicados do ano. Teoricamente seria um mês chuvoso, mas não é dito, porque ano passado, por exemplo, choveu pouquíssimo. Com relação a ver lugares históricos e paisagens, isso não é nenhum problema, porque tudo continua funcionando normalmente (só fecham mesmo os hotéis e alguns restaurantes das zonas de veraneio).

      Um abraço,

      Patricia

  10. Olá Patricia,
    Estou chegando a Palermo em 26/05/16, pego um carro no aeroporto e fico na ilha até 11/06/16.
    Quero ver tudo! Qual roteiro você acha melhor?
    Se puder dar umas dicas agradeço.
    Abraço
    Deco

    • Oi Deco!

      Em duas semanas dá para montar um ótimo roteiro, dando a volta na Sicília, mas “TUDO” não para ver não rsrs.
      O roteiro ideal é aquele que vai seguindo a ordem geográfica das cidades que te interessam, percorrendo a Sicília em sentido horário ou anti-horário, é indiferente. Dá uma olhadinha nos roteiros que tenho aqui no blog e veja também esse roteiro aqui que um leitor publicou e eu particularmente adoro: https://maurorn.wordpress.com/2015/07/06/andancas-pela-sicilia/.
      Um abraço,
      Patricia

  11. Mais uma vez obrigada !

  12. Olá Patricia ; Você
    e muito gentil e tem um grande conhecimento sobre os assuntos. Vamos pela Alitalia mesmo( Palermo / Palermo ) minha filha volta dia 05 á noite para Milão , viagens internacionais tem que ter uma segurança maior. Eles vão alugar um carro. Eu como tenho 73 e meu marido 82 anos estamos pensando pegar um tour de Palermo de 29 a 07( terminando 06 á noite) de março. Voltamos para Milão dia 07 as 12 hs, Aqui no Brasil até vendem mas a comissão é um pouco exagerada. Você conhece alguma operadora que faça? Só encontro saindo em outros meses. Sei que não é bem da tua área, podes por acaso saber. Grata por tudo . Izabel

    • Obrigada, Izabel! 🙂

      Sobre a operadora, realmente não tenho muito conhecimento nessa área, mas outras pessoas já me indicaram a Dimensione Sicilia como uma boa operadora de incoming, a sede deles é aqui na Sicília. Vocês podem pedir um orçamento para um pacote personalizado (veja aqui: http://www.dimensionesicilia.com/quotazione-personalizzata/) e ver se o preço é melhor do que se comprar aí no Brasil. O site está em italiano, mas há versões em inglês e espanhol se preferir.
      Um abraço,
      Patricia

  13. Olá Patricia; mais umas duvidas; Vamos para sicilia dia 28 de fevereiro saindo de Roma. Achamos os voos da Alitalia caros , estas cia mais baratas Vueling— Rynair ou outras , são boas e muito usadas pelos turistas? Pode acontecer do Etna entrar em erupção e os voos de Catania não saírem? Já aconteceu? como ele está atualmente, calmo? Minha filha , marido e filho voltam para o Brasil dia 06 de março de Milão as 19 horas tendo que estar no aeroporto as 16 hs.. Obrigada Izabel

    • Olá Izabel,

      A Vueling e a Ryanair são companhias low cost internacionais, e portanto usadas principalmente por turistas, já que elas conectam vários países da Europa. Nenhuma das duas é italiana. Eu sempre que vou a Roma prefiro a Ryanair por ser mais barata. O maior problema delas é que, justamente por serem de baixo custo, cobram por qualquer serviço extra e isso inclui as bagagens. As malas embarcadas são cobradas à parte e por isso eu sugiro que faça uma simulação de compra incluindo a bagagem que vocês vão levar para ver se mesmo assim o preço compensa.

      O Etna atualmente está calmo, mas sim, acontece do aeroporto fechar por causa das cinzas. Infelizmente é algo imprevisível, mas não acontece com frequência (pode acontecer uma ou duas vezes por ano ou ainda ficar tempos sem que aconteça. São casualidades, assim como pode acontecer um temporal ou qualquer outro problema). Nesses oito anos que vivo na Sicília, entro e saio de Catânia de avião, inclusive para ir ao Brasil e nunca tive esse azar :).

      Um abraço,

      Patricia

  14. Patricia, pode me passar o seu whatsapp para tirar algumas dúvidas? Desde já obrigada pela atenção.
    +55 34 9 9971-6283

    • Oi Jéssica,

      Infelizmente não uso o whatsapp para assuntos relacionados ao blog. Sempre peço aos meus leitores que tirem as dúvidas aqui nas caixinhas de comentários do blog, de preferência no post mais pertinente ao assunto, porque as dúvidas de uma pessoa podem ajudar outras. Se o assunto ainda não tiver sido tratado aqui ou as dúvidas não forem relacionadas a roteiros, transportes, etc, você pode usar o formulário de contato (Menu – Contato).

      Um abraço,

      Patricia

      • Patricia, estou com muita dificuldade para planejar a minha viagem para a Itália. Sendo mais exata, ficarei 20 dias em Palermo… queria ir em um periodo que fosse um pouco frio e um pouco quente… esse periodo seria Final de Maio e inicio de Junho? e quero planejar também conhecer outros lugares, não ficar só em Palermo.

        • Jéssica, quente quanto e frio quanto? Fim de maio já fazendo 25 graus, já saímos de manga curta. Pra ser mais friozinho, é bom o início de maio ou então outubro.
          Se você puder dormir também em outras cidades, em 20 dias daria praticamente para dar a volta na Sicília, mas não sei se é esse o seu caso. Tente pelo menos passar uns 3 ou 4 dias na costa leste da Sicília para conhecer Taormina, Siracusa e fazer uma excursão ao Etna.
          Saindo de Palermo, dá para fazer bate e volta para Cefalù e Trapani/Erice. Dá também para ir conhecer Castellammare del Golfo, e se você estiver de carro, até mesmo San Vito Lo Capo.
          Veja que no índice do blog (o Comece Aqui), os posts estão divididos por áreas. Sei que ainda falta escrever bastante coisa de Palermo, mas nas próximas semanas vão sair posts novos.
          Meu conselho é que primeiro você coloque na ponta do lápis todas as cidades e atrações da Sicília que te interessam, e então vai vendo a possibilidade de fazer os passeios a partir de Palermo. Depois vê aquelas mais distantes, onde você teria que dormir. Desta forma, seu roteiro vai tomando forma.

  15. Oi Patricia, por gentileza qual o tipo de passeio no Etna que vc recomenda?
    – com por do sol
    – com desfiladeiro Alcantara
    – com passeio de trem em volta
    – apenas a subida do teleferico
    – apenas a subida simples

    Qual vc indica?

    • Oi T!

      Que dúvida cruel! São todos muito bons, mas levando em consideração meu gosto pessoal, eu indicaria o passeio ao pôr do sol. As cores do Etna ficam incríveis!
      Uma leitora do blog até já fez esse passeio e contou a experiência dela aqui: http://descobrindoasicilia.com/2015/07/roteiro-sicilia-9-dias/

      Um abraço,

      Patricia

  16. Ola Patricia, de fato hj eu tirei o dia para as pesquisas e creio mesmo q terei q ficar apenas na costa Leste.
    Sobre o passeio no Etna vi q ha como por so sol, com os desfiladeiros alcantara, de trem ao redor, e agora um novo feito de quadriciclo, qual vc recomenda? Ou basta a subida de teleferico?

  17. Ola Patricia…Parabéns pelo Blog maravilhoso!!!
    Embarco amanha a noite de SP para Milao e no mesmo dia Palermo, chegando dia 04 a noite em Palermo.
    Ficaremos 5 dias inteiros na Sicilia. Infelizmente foi o maximo de folgas q conseguimos.
    Gostaria de saber sobre as temperaturas do Etna e qual seria o passeio mais interessante p, haja visto nosso pouco tempo.
    Vamos alugar carro e estamos pensando em fazer:
    Dia 4 – chegaremos em Palermo as 20h, dormiremos la
    Dia 5 – Cefalú, Taormina …dormir na Catania
    Dia 6 – passear em Catania e passeio Etna. ( passeio no Sunset)…dormir Syracuse
    Dia 7 – passear em Syracuse e seguir p Marsala ….dormir em Trapani
    Dia 8 – passear em Trapani e Erice, dormir em Erice
    Dia 9 – seguir para Palermo e passar o dia la e dormir
    Dia 10 – cedinho decolar p Milao

    Poderia me ajudar no roterio? O q vc acha?

    • Oi Tafnes!

      Que roteiro apertadooo. Você transformou um roteiro de 15 dias em um de 5! rsrsrs
      Olha, as temperaturas baixaram um pouco e se você acompanha a página do blog no facebook, deve ter visto que postei uma foto do Etna com uma capinha de neve. No Etna, a cerca de 2500m de altitude (de onde sai o teleférico para as partes mais altas), a temperatura média prevista para esta semana é de cerca 7ºC, mas com o vento a sensação térmica pode ser bem menor. Prepare um casaco bem quentinho!

      Na minha opinião, você deveria cortar Cefalù do roteiro, senão não vai sobrar tempo para Taormina. Lembro que neste período já anoitece por volta das 17/17h30 e em Taormina há muito mais coisas para ver do que em Cefalù. Sei que a vontade é de ver o maior número de coisas possíveis, mas nem sempre dá pra ser assim.

      Outra pergunta: você vai ver Marsala que horas? Você precisará de um dia inteiro para ver Siracusa e Marsala dista bem 4h30min de carro de lá. São duas cidades muito distantes uma da outra para serem inseridas em dois dias!

      A segunda parte do seu roteiro (o oeste da Sicília) é bem complicada. Geralmente quem tem pouco tempo disponível fica só em uma costa da Sicília. Depois de ver Siracusa no dia 7, vocês vão seguir viagem por quase 5h à noite? Acho que seria o caso de rever essa parte e infelizmente sacrificar alguma cidade.

      Se tiver mais dúvidas, pode perguntar!

      Um abraço e boa viagem,

      Patricia

  18. Olá Patrícia! Nos primeiros dias de novembro ainda está calor para pegar praia? Muito obrigada!

    • Oi Alana!

      Teoricamente não, mas como o clima por aqui é meio louco, já houve anos em que naquele período fez 30 graus e o pessoal ainda ia à praia apesar da água gelada (iam mais para tomar sol). Quando você estiver fazendo a mala, me pergunta de novo e eu te digo como andam as coisas por aqui :D. Escrevi aqui sobre como é a Sicília no outono -> Outono na Sicília: temperaturas e o que trazer na mala
      Um abraço,
      Patricia

  19. Oi Patricia! Quero muito ir à Italia, tenho tempo livre em dezembro e Janeiro (ferias escolares) e vamos com meus dois filhos de 8 e 5 anos. Pensei em ir para a Sicília por não ser tão frio. Vale a pena ir com crianças? Eu gosto de viajar com eles e fazer coisas com eles que eles curtam também, sabe? Obrigada!

    • Oi Karina!

      A Sicília é mesmo menos fria do que o norte da Itália, mas também faz um pouquinho de frio por aqui! 🙂
      Acredito que valha a pena sim vir com crianças. Não sei o que seus filhos gostam de fazer, mas se já estão acostumados a viajar certamente irão curtir passeios culturais, conhecer cidades novas, ver um vulcão de perto!
      Um abraço,
      Patricia

  20. OI, Patrícia!
    Obrigada pelas dicas.

    Como estamos pensando em otimizar mesmo (e muito!!) nossa viagem, para pelo menos ter uma noção da Sicilia, pensamos no seguinte roteiro, com 2 noites em cada cidade:

    1 dia) chegada à tarde em Taormina
    2 dia) Taornima e arredores, Siracusa e uma passada rápida em Catania, retornando para Taormina. (como vc sugeriu)
    3 dia) Taormina, Agrigento, Palermo.
    4 dia) Palermo, Erice, Palermo. (como vc indicou)

    Vai ser cansativo, mas….
    O que você acha? Vou levar esta proposta para o grupo.

    Um abraço, Rosane

    • Oi Rosane!
      Vai ser uma viagem muito corrida, mas seu roteiro é viável. Talvez o terceiro dia será o mais cansativo de todos, pois vocês vão passar muitas horas na estrada e são necessárias pelo menos outras 3 horas para visitar o Vale dos Templos. Mas como vocês serão um grupo, podem se alternar na direção. Na ida dirige uma pessoa, na volta outra!
      Um fator positivo é que vocês vêm em junho e naquele período só anoitece depois das 20h!
      Um abraço,
      Patricia

      P.S.: Depois me conta como foi essa viagem on the road na Sicília!

  21. Oi, Patrícia!
    Iremos (2 casais) para Itália no dia 30 de maio, chegando por Roma/Napólis e de lá, iremos de carro até a Sicilia, via Costa Amalfitana.
    Chegaremos em Taormina (vindo Salerno de carro) no dia 3 de junho, mas acredito que apenas no final do dia. Portanto, só teremos os dias 4, 5 e 6 de junho livres, pois nosso vôo sairá de Palermo no dia 07 pela manhã para Portugal.

    Mas, agora que estou lendo seu blog já estamos arrependidos de termos disponibilizado tão pouco tempo para Sicilia!

    Você pode nos ajudar?

    O que podemos fazer para otimizar nossa visita e conhecer os principais pontos da Sicilia em tão pouco tempo? Como Agrigento, Catania, Siracusa, Erice, (além de Taormina). Ou você indica outras opções?
    Tem alguma roteiro para nos orientar?

    Temos hotel reservado para 2 noites em Taormina e as 2 ultimas noites em Palermo, mas já estamos pensando em ficar lá somente a ultima noite. Vc acha que seria interessante ficarmos 3 noites em Taormina e somente a ultima em Palermo ou alterar uma noite para outra cidade mais central para locomoção (estaremos de carro)?

    Obrigada pela ajuda!

    • Oi Rosane!

      Nossa, 3 dias serviriam só para ver Palermo! 😀
      Realmente são bem pouquinhos e não vai dar para encaixar Agrigento (totalmente na contramão!).
      O que posso sugerir é que você tente chegar em Taormina pelo menos no final da tarde, assim você consegue vê-la. No dia seguinte você poderia ir para Siracusa. Acho complicado encaixar Catânia aí, você poderia tentar passar lá na volta de Siracusa, mas certamente você vai querer ver um pouco mais de Taormina :).
      Outra coisa que você deve levar em consideração, é que de Taormina a Palermo são cerca de 2h45/3h de viagem, então só aí já vai uma manhã. Palermo é uma cidade grande e merece ser vista, então acho que você deveria deixar tudo como está. Se quiser fazer outro esforcinho, reserve a manhã seguinte à sua chegada em Palermo para ir a Erice, mas ainda acho que Palermo vale mais a pena.

      Enfim, você vai ficar com um gostinho de quero mais e vai acabar voltando para passar no mínimo 10 dias aqui na Sicília! 🙂

      Um abraço,

      Patricia

  22. Oi Patrícia, estarei na Sicília em julho (por 10 dias). Chegarei na Catânia e partirei de Palermo. Pensei em escolher como base de hospedagem Catânia, Agrigento e Palermo. Vale a pena a hospedagem em Taormina ao invés de Catânia? Você tem indicações de hotéis?
    Obrigada, Chris

    • Oi Chris,

      Valer a pena, vale, porque Taormina é um paraíso. O problema de lá é que os hotéis custam muito mais do que em Catânia, principalmente em julho e agosto. Tudo depende do quanto você está disposta a gastar!
      Já escrevi um post sobre alguns hotéis de Taormina, veja lá na seção hospedagem.
      Um abraço,
      Patricia

  23. Olá Patricia, irei de Paris para Palermo no dia 15 de junho e no dia 19 de junho pegarei um ferry, no final do dia, de Catania para Malta.

    Pensei em ficar um dia em Palermo e seguir o dia seguinte de carro para Cefalú e dormir por lá, mas nao sei se vale a pena, pois parece que Cefalú é bem pequena e daria para conhecer a praia e o centro em apenas algumas horas. A idéia seria dormir em Cefalú e ir o dia seguinte para Taormina, ficando duas noites ali, aproveitando o teatro grego e as praias e ir o dia seguinte para Catânia para entregar o carro e pegar o barco para Malta. Voce indicaria esse roteiro? Acha que é possivel incluir Siracusa? Acha perigoso duas amigas de carro atravessando essas cidades?

    Muito obrigada e parabéns pelo seu libdo blog!

    Abs,
    Flávia

    • Olá Flávia!

      Sim, é verdade, daria para conhecer Cefalù em pouco tempo, mas é um lugar beeem gostoso. Considere que você terá que passar por lá para ir de Palermo para Taormina, então acho que sim, pode ser uma válida opção dormir lá. A escolha de dormir ou não depende bastante do tipo de atração que você busca: A night em Palermo seria mais agitada, de cidade grande, enquanto Cefalù está mais para um tranquilo recanto de veraneio.
      Não acho que dê tempo ir para Siracusa. 4 dias na Sicília são pouquíssimos, não dá para ver nem 1/10 das belezas desta ilha! Uma vez em Taormina, você não faria uma excursão ao Etna?

      Não se preocupe, ao contrário do que muita gente pensa, a Sicília é um lugar tranquilo, vocês não terão problemas. Basta somente ter os mesmos cuidados que teriam em qualquer outro lugar do mundo. É só não dar bobeira com os próprios pertences, nada demais.

      Um abraço,

      Patricia

      • Muito obrigada pelo feedback, Patricia! Decidi que mudarei um pouco o meu roteiro, pois estava deixando de fora o Vale dos Templos em Agrigento, o lugar que iniciou a minha vontade de ir a Sicilia. Ficarei um dia em Palermo e irei o dia seguinte a Agrigento de carro, retornando para Palermo ou indo diretamente a Cefalu e dormindo por la, caso ainda seja de dia, pois estarei de carro (saberia dizer que horas anoitece em meados de junho?) se ja tiver anoitecido dormirei em Palermo e irei o dia seguinte para Taormina, fazendo uma breve parada em Cefalu, e seguindo viagem para aproveitar os dois em Taormina e indo no ultimo dia para Catania onde entregarei o carro e pegarei o ferry para Malta. Sobre o Etna, como terei apenas dois em Taormina prefiro visitar o teatro grego e torcer para assistir a algum concerto (se tiver sorte) e aproveitar as praias, pois ja conheço alguns vulcōes nas Canarias, e nesse espaço tāo curto de tempo certamente aproveitarei mais as praias, mas agradeço a sua dica!

        Uma curiosidade… Saberia dizer se nesse roteiro existe algum lugar que tenha proximidade com alguma cidade onde foi filmado o Poderoso Chefāo? Li algo sobre o porto de Giardini Naxos em Taormina e em Savoca, mas é distante de Taormina?

        Mais uma vez obrigada!

        Abraços e um ótimo final de semana!
        Flávia

        • Oi Flavia!

          A cidadezinha famosa por ter servido de cenário para o Poderoso Chefão é mesmo Savoca. Além dela tem Forza d’Agró. Ambas ficam próximo a Taormina. Já escrevi aqui no blog sobre as duas (você poder ler meu texto aqui).
          Um abraço,
          Patricia

  24. Oi Patricia,
    Adorei suas dicas! Estou indo para Sicília de 5 a 15 de abril, eu gostaria de saber como é o tempo neste período, será que dá para pegar uma praia? Ou ainda estará um pouco frio?
    Marilda

  25. Ola, Patricia,
    Demorei, mas nao poderia deixar de comentar a minha viagem pra Sicilia em janeiro de 2015 e suas preciosas dicas. Fiquei 9 dias na Sicilia e meu roteiro foi: Taormina, Siracusa, Noto, Agrigemto e Palermo. Foi tudo otimo, mesmo encontrando alguns lugares em ferias coletivas (hoteis,restaurantes, lojas e bares). Nos meses de janeiro e fevereiro alguns lugares dao ferias coletivas aos seus funcionarios, mas nada que atrapalhe a viagem, pois sempre existem outros locais para visitar. O clima nos ajudou,pois mesmo com alguns dias de chuva,tivemos sorte de sempre ter dias de sol para aproveitar a incrivel paisagem siciliana. Os parques arqueologicos que visitei (Taormina, Siracusa e Agrigento) sao incriveis e vale a pena conhecer a Grecia Magna (nome de ilha na antiguidade). Fiquei um pouco decepcionado somente com o aeroporto de Palermo, um aeroporto sem recursos ( nao ha nenhum atendimento de nenhuma empresa aerea a nao ser a Alitalia) numa das maiores cidades da Italia, realmente nao deu pra entender. O importante foram as suas otimas dicas e a nossa viagem maravilhosa a essa ilha de enormes encantos,
    Mais uma vez muito obrigado por tudo,
    Abracos,
    Marcos Silva

    • Oi Marcos!

      Muito obrigada mesmo por ter vindo me contar como foi a sua viagem. Vou te mandar um e-mail fazendo uma proposta, ok?
      Um abraço,

      Patricia

  26. Final de Março ainda encontro neve no topo do Etna ?

    • Oi Carlos! Pergunta difícil a sua… neve no Etna é algo complicado de prever. Se as temperaturas permanecerem dentro das médias normais, possivelmente você verá um pouquinho de neve, mas só lá no topo mesmo. Na verdade seria uma camadinha de gelo. Se acontecer de passar uma frente fria, as chances são maiores.

  27. Patricia
    Estive na Sicilia ano passado e fiquei completamente apaixonada, minha base foi em Catania, amei! Apesar da aparência decadente ela repleta de historia, sempre viajo sozinha e me senti muito segura, fiz amizades e as pessoas são muito amáveis, conheci, Siracusa, Messina, Taormina e fui ao Etna também, foi uma das melhores viagens da minha vida. Vou voltar este ano, tenho passagens compradas para Roma, pretendo chegar à Catânia de trem, você poderia me indicar um roteiro ? Estou pensando de passar uns 3 dias em Nápolis e depois seguir para a Catania, tenho a opção de repetir meus passeios e incluir Ilhas Eólicas ou caso me dê sugestões poderei acatar 🙂 …minha base será Catãnia novamente. Um abraço

    • Oi Maria Cristina,

      Que bom que gostou da Sicília, e o melhor, que você vai voltar! Bem, antes de tudo te aconselho a verificar os preços das passagens de avião para ver se você encontra uma boa oferta. Semana passada anunciaram que a partir de junho os trens não entrarão mais nos ferries. A pessoa vai ter que descer com a própria bagagem para entrar no ferry a pé. Ao chegar em Messina, terá que sair do ferry e ir para a estação de trem caminhando. Ainda vou escrever uma postagem sobre isso.
      Em que mês você vem? Só aconselho um passeio às Ilhas Eólias se você vier entre final de maio e metade de setembro.
      Quando você me disser o período que vem e quantos dias pretende ficar, posso sugerir um roteiro. Sem esses dados fica complicado 🙂
      Um abraço,
      Patricia

  28. Olá Patrícia,
    Estou encantada com o seu blog! Virou um vício!
    Pretendo ir a Sicília em Setembro deste ano, primeira quinzena. Chegarei e sairei da Italia por Roma. Inicialmente faríamos Roma (que já conheço) e costa amalfitana, mas lendo seu blog fiquei louca para conhecer a Sicilia.
    Essa viagem seremos apenas eu e meu marido, e queríamos um pouco de tranquilidade. Mas estou achando q vamos correr muito!

    Dúvidas:

    1. Como chegar:
    Estarei de carro na costa, vale ir direto até a Sicília?
    Ou devolver o carro em Napoli e fazer torvamento de trem pegando outro carro em Messina?
    Se pretendesse ir de avião teria q voltar a Roma?
    E ferry, vi que existem os Gran Navi Veloci que fazem 5h de Civitavecchia a Palermo?
    Pensei a princípio em ir de carro e voltar de Ferry!?

    2. Roteiro:
    Em 6/7 dias consigo rodar os principais: Taormina 4 dias para Etna, Siracusa e ilhas Eólias e/ou Agrigento, e Palermo 2 dias. Pode ser que possa colocar mais um dia., pois seriam cinco para Costa e 2 para Roma.

    Sei que ainda tenho tempo, mas adoro viajar antes da viajem! Neste momento estou terminando um roteiro para Londres, Bruxelas e Amsterdam, e já pensando na próxima!

    Aguardo suas orientações! E de quem mais quiser ajudar!
    (Já havia colocado em outro local do blog o meu comentário, mas achei q aqui seria mais útil e proveitoso)

    Abraços, Ana

    • Oi Ana,

      Te respondi lá no outro post, mas respondo aqui também:

      A maneira mais prática e rápida de vir para a Sicília a partir de Nápoles é de avião. Você não precisa voltar para a Roma, é só entregar o carro no aeroporto de Nápoles mesmo. E visto que a maior parte dos lugares que você quer ver fica na costa leste da Sicília, chegue pelo aeroporto de Catania. A viagem dura somente 1h. Deixe Palermo por último, aí você termina a viagem por lá. Chegar por um aeroporto e sair por outro é o melhor modo de otimizar a viagem!

      Os 4 dias em Taormina com essa quantidade toda de passeios que você quer fazer, seriam uma grande correria. No caso das Ilhas Eólias, você faria um mini cruzeiro, certo?

      Uma pergunta: depois que você for embora da Sicília, sua viagem pela Itália prossegue? Pergunto isso porque queria saber o motivo de você ter pensado em ir de Palermo a Civitavecchia. Se coincidir com a sua volta para o Brasil, por exemplo, o ideal seria pegar um avião de Palermo para Fiumicino diretamente. Não teria sentido algum ter que ir a Civitavecchia, de lá pegar um trem para Roma Termini e então outro trem para Fiumicino. Se, no entanto, você fosse continuar os passeios em Roma, teria mais lógica! 🙂

      Se tiver mais dúvidas, é só perguntar!

      Um abraço,

      Patricia

      • Oi Patrícia, muito obrigada pelo retorno!
        As ilhas Eólias vou tirar do roteiro porque não abro mão de fazer Etna, Siracusa e Agrigento.
        Sim, estava pensando em voltar a Roma! Não consigo me imaginar na Italia sem pelo menos dois dias em Roma. Queria ficar em Transtevere desta vez!
        Na verdade, pensei em Civitavecchia por causa do Ferry de alta velocidade, 5h, achei que podia ser interessante…. Chegaria lá por volta de 11:30. Se colocarmos na ponta do lápis, gastamos praticamente o mesmo tempo para ir de avião! Conhece esse Ferry? Vale o passeio?

        Obrigada!

        Se tiver mais dicas agradeço!

        Abraços, Ana

        • Oi Ana,

          Na verdade nunca peguei o ferry Palermo-Civitavecchia, mas se você quer curtir um passeio diferente, não enjoa no mar e tem tempo disponível, pode ser sim uma opção legal.

          Um abraço,

          Patricia

  29. super obrigada, Patricia!!!
    🙂

  30. Patricia,
    super obrigada pelas dicas!
    Vou deixar para ir ao Etna numa próxima viagem então… No verão… e encaixar Castelmola nesse roteiro…
    Eu pensei em ficar em Alcamo, pois tinha achado a cidade mais central… Vou seguir sua sugestão e ficar em Trapani. Vc indica algum hotel por lá?
    Falta tb definirmos o hotel em Palermo… Tinha visto o Ucciardhome, mas como já estaremos sem carro, pensei que talvez valesse ficar mais no centro…. O que vc acha?
    Os Hoteis em Taormina estão caros demais, pois a maioria está fechado em fevereiro. Vc indica algum bacana? Vi o seu post de Hoteis românticos e o único disponível é o el jebel. Vale a pena?
    Por fim… qual o melhor jeito de ir para o aeroporto de Palermo? A chegada de ônibus em Taormina é tranquila? Consigo ir andando para o hotel?
    Super obrigada!
    Beijos,
    Rafaela

    • Oi Rafaela,

      Em Trapani conheço o B&B Aroma DiVersi. É uma pousadinha simples, mas muito gostosa.
      No caso de Palermo, visto que você vai estar a pé, é melhor pegar uma hotel mais central mesmo.
      Os hotéis de Taormina são caros sempre! E imagine você como é na alta estação!
      O El Jebel é um hotel lindo, mas também não é barato.
      Olha, se você não estiver disposta a pagar os preços altíssimos de Taormina, uma opção pode ser ficar em Catania e fazer só um passeio bate e volta para lá. Castelmola é minúscula, dá para ver tudo em poucas horas.
      A parada final dos ônibus em Taormina fica bem no centro da cidade. Como também é uma cidade pequena, imagino que dê para ir andando até o hotel (antes de reservar veja as informações, normalmente eles colocam a distância do centro, etc).
      Eu escrevi no post com dicas de Palermo como ir de lá para o centro e vice-versa. Você chegou a ver? Dá para ir de ônibus e de metrô (se não me engano, porque estou te respondendo do celular e não pude ver os detalhes).
      Um abraço,
      Patricia

  31. Patricia,
    enfim o roteiro vai ganhando forma…. Você poderia dar um opinião?
    05/02 – Chegamos e vamos direto para Taormina (de onibus)
    06/02 – Taormina
    07/02 – Ida a Catania
    08/02 – Alugaremos o carro: Ida a Rifugio Sapienza, Bromte e Randazzo – Dormiremos em Randazzo
    09/02 – Ida a Piazza Armerina – Dormiremos em Siracusa
    10/02 – Siracusa
    11/02 – Ida a Noto
    12/02 – Agrigento – Dormiremos lá
    13/02 – Ida a Erice e Segesta – Dormiremos em Alcamo
    14/02 – Ida a Monreale – entregaremos o carro e dormiremos em Palermo
    15/02 – Palermo
    16/02 – ida a tarde para Barcelona

    Ainda estamos na dúvida sobre o dia 08. Vc acha que vale a pena ir ao Etna em fevereiro? Estamos com medo do frio… A ida a Piazza Armerina tb vale muito a pena? E a Base em Alcamo, vc indica outra cidade de base? Alguma dica mais interessante? Preferimos ficar sem carro em Taormina e Palermo….

    Obrigada,
    Rafaela

    • Oi Rafaela,

      Vou comentar somente os pontos que eu considero um pouquinho mais complicado, ok? O que eu não comentar é porque acho que está perfeito.
      1) Ida do Rifugio Sapieza até Bronte/Randazzo – Saiba que os dois lugares ficam em lados opostos do Etna e apesar dos 63km de distância, que nem são tantos assim, a viagem duraria praticamente 1h30, pois a estrada é em grande parte formada por curvas fechadas. Se você for ao Rifugio Sapienza só para ver as crateras mais baixas do Etna, e portanto ficar lá por pouco tempo, dá tranquilo para ir a Bronte e Randazzo. Se for ficar mais tempo, subir com o teleférico, etc., aí a coisa complica mais. Se você deseja dormir em uma das cidades das encostas do Etna naquela noite, uma boa opção pode ser Nicolosi.

      2) A pergunta que não quer calar: Por que você escolheu Alcamo como base para ir a Erice e Segesta? Geralmente a cidade-base escolhida para ver os dois lugares é Trapani 😀

      As temperaturas no Etna em fevereiro certamente estarão abaixo de zero. Uma ida lá vale a pena desde que você esteja equipada: casacos pesados, sapatos impermeáveis. Se não estiver, o passeio será um sofrimento. Imagine que eu estive lá no fim de dezembro, estava sem neve, mas estava tão frio que chega doía os ossos rsrs.

      Dizer se a ida a Piazza Armerina vale a pena é relativo. Para mim, que sou apaixonada por história, vale a pena sim! Não é por acaso que a Villa Romana del Casale é Patrimônio da Humanidade Unesco, mas a pessoa realmente tem que se interessar pelo assunto. Para quem não está nem aí para arte e história, ver aquilo lá pode ser um saco.

      Vocês fazem bem em ficar sem carro em Taormina e Palermo. Em Taormina seria quase inútil, até porque é probido o trânsito de veículos particulares no centro. Em Palermo, o trânsito é uma loucura. Se você escolher um hotel no centro, vai dar para ver quase tudo a pé.

      Minha última dica é: uma vez em Taormina, não deixe de ir até Castelmola. Fica lá pertinho, dá para ir de ônibus.

      Um abraço,

      Patricia

  32. Obrigada, Patricia!

  33. Oi, Patricia.
    Vc indica alguma agencia para passeio no Etna (irei em fevereiro)? Faz alguma diferença ir da Catania ou de Taormina?
    obrigada,
    Rafaela

    • Oi Rafaela!

      Se você deseja fazer um passeio particular (só vocês com um motorista), indico a Sicily4You, parceira do blog. Veja aqui: http://descobrindoasicilia.com/passeios-e-transfers/

      Se prefere um passeio em grupo, com trekking, algo mais intenso, conheço a Etna Experience que sai de Catania (http://www.etnaexperience.com/) e a Etna People, de Taormina (http://www.etnapeople.com/). Mas além dessas há muitas outras agências. Se você digitar no google “excursion etna” vai aparecer um montão.

      Tanto faz ir de Catânia ou Taormina!

      Um abraço,

      Patricia

  34. Olá, Patricia,
    Primeiramente,Boas Festas pra vc e todos no blog,
    A minha viagem está próxima (chego em Roma no dia 15-01) e estou com algumas dúvidas. Segue meu roteiro (com a ajuda do seu blog): chego em Catania, dia 17-01 e alugo um carro, no aeroporto(isso ainda está sendo um stresse aqui no Brasil) e vou pra Taormina. Fico por lá até o dia 20-01 e sigo pra Siracusa. Fico um dia e vou pra Noto e mais um dia e sigo pra Agrigento. Passo dois dias em Agrigento ( pra descansar e por medo de não conseguir visitar tudo em um dia) e sigo pra Palermo, para os três dias finais na Sicilia. Todos os hotéis já estão reservados, mas posso mudar, vc acha que poderia conhecer algumas cidades ou pontos legais nesse percurso? Em Palermo, devo visitar algo fora da cidade? Mais umas dicas: indica algum guia em Agrigento? Vc indica alguma empresa de aluguel de carros? Estou reservando com a rentacar, mas está complicado. Mais uma vez, muito obrigado pela ajuda, pois seu blog é fantástico,
    Um forte abraço,
    Marcos Silva

    • Olá Marcos,

      Obrigada pelos elogios, obrigada mesmo!

      Em relação à locadora de veículos, eu e meu marido sempre alugamos com a Avis, inclusive na filial do aeroporto de Catânia. Acho que, sendo uma empresa presente no mundo inteiro, você não teria problemas em reservar aí no Brasil.

      Infelizmente não conheço pessoalmente nenhum guia de Agrigento, mas sei que os guias da Agrigento Guide são bem cotados, inclusive no TripAdvisor. O site é: http://www.agrigentoguide.com/ (se eu não me engano, tem uma que fala português).

      Durante sua permanência em Taormina, aproveite para conhecer as redondezas porque a cidade é bem pequenininha e você conseguirá vê-la em um dia. Dá para fazer, por exemplo, uma visita às vinícolas do Etna ou conhecer o centro histórico de Catânia.

      Em Palermo não deixe de visitar Monreale, que fica fora da cidade, mas somente a 5km de distância.Talvez até já esteja no seu roteiro! Se der tempo, vá a Cefalù, mas só se sobrar tempo mesmo, porque não é uma meta imperdível. Se acrescentasse mais algum lugar, sua viagem ficaria muito corrida e Palermo por si só é grande o suficiente para ocupar esses três dias.

      Desejo a você um Feliz Ano Novo e, principalmente, uma ótima viagem!

      Um abraço,

      Patricia

      P.S: Se tiver mais alguma dúvida, pode perguntar que terei o maior prazer em responder. 🙂

  35. Olá, Patrícia,
    Aqui é o Marcos Silva, fiz algumas postagens mais acima e já tive dicas importantes, mas como a hora da viagem se aproxima ainda estou com algumas duvidas. Fico 9 dias na Sicilia, vindo de Roma, chego por Catania e volto por Palermo. Vou alugar um carro, mas não sei se é melhor pegá-lo em Catania até Taormina ou ir com outro transporte,pois para o Etna acho melhor fazer o passeio em excursão. Quais as opções para chegar até Taormina sem carro? Mais uma vez,muito obrigado pelas dicas,
    Abcs,
    Marcos Silva

    • Oi Marcos!

      Do aeroporto de Catânia partem ônibus para Taormina. ( veja os horários aqui: http://www.interbus.it/). É o melhor modo de ir com transporte público, pois te deixa já dentro da cidade. Para de ir de trem, por exemplo, você teria que ir até a estação de Catânia, depois pegaria o trem para descer na estação Taormina-Giardini e de lá teria que pergar outro busão ou um táxi. Enfim, não compensa.
      Espero ter ajudado!
      Patricia
      P.S: A melhor forma para ir ao Etna é mesmo de excursão, você fez bem. Nesse período pode haver neve na pista, você teria que equipar o carro com correntes para os pneus, seria um estresse a mais.
      Boa Viagem!

  36. Olá Patrícia,
    Estou pensando visitar a Sicília na primeira quinzena de junho, porque estarei pela europa nessa época.
    Entretanto, estou com receio do calor. Sabendo que você não tem bola de cristal (rsrs),acredita que os termometros já estarão lá em cima?
    Agradecida,

    Iara

    • Olá Iara, normalmente no início de junho as temperaturas ficam entre 25 e 30 graus, nada de exagerado. Dá para vir pra cá tranquilamente e ainda tomar um banho de mar!
      Um abraço,
      Patricia

      • obrigada pela atenção. estou “te seguindo”…rs

  37. […] A Sicília nas quatro estações […]

  38. Olá Patricia,

    Estou indo para a Sicília do dia 30 de dezembro até o dia 5 de janeiro.
    Como foi uma viagem marcada de última hora, estou com algumas dúvidas e como o seu blog tem sido muito esclarecedor, resolvi arriscar e abusar um pouquinho da sua boa vontade:
    1) Como seria indicado ir de Roma a Sicília? Vale a pena ir de carro pelo trajeto? Quanto tempo demoraria? Olhei preços de voo e está em média 45 reais o trecho, é isso mesmo?
    2) Qual seria o melhor lugar para passar o Reveillon? Nem que seja apenas um bom jantar ou um local mais animadinho, considerando que aí a festa não é grande… Apenas um local agradável e com boas energias! 😉
    3) Considerando que são apenas 5/6 dias, quais os lugares mais imperdíveis, considerando também a época do ano (super inverno)?
    4) Gostamos muitos do filme Poderoso Chefão, vale a pena tentar fazer uma visita à região onde foi gravado o filme ou seria muito contramão?
    Muito obrigada!!!
    Bjos

    • Olá Rafaela!
      Pode perguntar mesmo, tenho o maior prazer em responder 😀
      Respondendo às suas perguntas:
      1) Na minha opinião, a melhor forma de vir de Roma para cá é de avião. Comprando com antecedência, você encontra ótimos preços e no fim nas contas, colocando preço do aluguel do carro + combustível + travessia para a Sicília + cansaço, acaba não valendo a pena pegar a estrada. De Roma para Catania são cerca de 8 a 9 horas de viagem. Com as companhias low cost, como a Ryanair, os preços são baixos mesmo, mas você chegou a incluir a mala? Porque talvez aquele preço seja só com a mala de mão.
      2) Como você já deve saber, Reveillon na Itália é meio morto. Geralmente os restaurantes e hoteis organizam a ceia de ano novo, alguns até com o baile. Não sei onde você vai se hospedar, mas você pode verificar com seu hotel se eles vão fazer isso. Se você me disser a cidade que vai ficar, posso tentar pesquisar algo, mas que eu saiba ainda não saiu calendário de festas de Reveillon.
      3) Visto o pouco tempo, te dou duas sugestões: 1- Explorar um pouco do leste da Sicília – pode visitar Taormina, Catania, Siracusa, Ragusa e o Vale dos Templos de Agrigento. 2- Chegar por um aeroporto e sair por outro. Assim, se por exemplo você chegar por Catania, visita Siracusa e Taormina. Voltando por Palermo, você aproveitaria o último dia para conhecer a cidade e no caminho ainda dá uma paradinha em Cefalu.
      4) O Poderoso Chefão I foi gravado em Savoca e o III em Palermo. Savoca fica perto de Taormina, e é uma cidade minúscula (já falei dela aqui no blog). Dá para conhecê-la em menos de 2 horas. Se você é apaixonada pelo filme, acho que vale uma passadinha lá.

      Espero ter ajudado!

      Patricia

  39. Olá Patricia Tudo bem?

    Estou pensando em ir para Sicília em abril, você acha que consigo aproveitar as praias lindas que tem aí?
    Bjs e obrigada!!

    • Olá Cinthia!

      Abril ainda não é mês de praia, mas dependendo do ano pode ser que já faça um pouquinho de calor (20-25 graus) e aí as pessoas aproveitam para tomar um solzinho. No entanto, a água ainda estará super gelada e só os corajosos conseguem tomar um banho!
      Um abraço,
      Patricia

  40. Oi Patrícia,

    Muito obrigada pela tua atencão, te confesso que me deixou mais segura.
    Já peguei várias dicas legais lendo teu blog, mais uma vez Parabéns!
    Abraços,
    Luciane

  41. Oi Patricia,
    Sera que voce pode me ajudar?
    Estamos indo à Sicilia no dia 18/12 ficaremos até 04/01, chegaremos por Roma e já pegaremos o carro no aeroporto, no dia seguinte iremos descendo em direção a Sicilia, minha dúvida é sobre o meio de transporte entre o continente e a ilha, como devemos proceder, tem balsa?
    Abraços
    Luciane

    • Oi Luciane!

      Eu tinha respondido à sua mensagem anterior, mas não me pergunte onde foi parar o comentário! Até no lixo procurei! rsrs
      Então, quando você chegar na Calábria, siga na direção da cidade de Villa San Giovanni. É onde fica o porto para atravessar para Messina. Sai um ferry depois do outro, quase não tem espera. Você compra o bilhete para entrar com o carro e a travessia dura cerca de 40 minutos.
      Você não é a primeira pessoa que tem essa dúvida, por isso em breve vou escrever um post descrevendo todos os detalhes!
      Um abraço,
      Patricia

  42. Cara Patricia,

    venho acompanhando seu blog, pois entre os dias 27/06 e 06/07/2015 estarei na Sicília como comemoração de aniversário. Chegarei por Catânia e pensei em alugar um carro no aeroporto de lá e percorrer o litoral, cortando a ilha ao meio passando por Caltanisseta, onde tenho um amigo que quero visitar: Catânia / Taormina / Milazzo / Cefalu / Palermo / Caltanissetta / Agrigento / Malta / Siracusa / Catânia. Não pretendo dormir em todos estes lugares, de repente só curtir o dia ou algo específico e andar para ao próximo destino. A ideia dessa viagem é festa e curtição. Não quero ver monumentos, coisas velhas e nem me meter no meio do mato. Busco festas na praia, curtir um sol gostoso e belas paisagens. E alimentação em tratorias, comer o prato do dia, o vinho da casa. As minhas dúvidas são:
    1) vc acha q convém alugar um carro para fazer essa rota? joguei no google maps as rotas pra ter uma ideia de tempo entre as cidades e não me pareceu mt tempo (no máximo 2h30)
    2) Vc acha que é melhor seguir essa sequencia que passei ou fazer o inverso, terminar a viagem por Taormina?
    3) Em Malta quero conhecer o Blue Lagoon. Vc acha q convém levar o carro ou lá existe um passeio pronto no aeroporto caso eu vá de avião?
    4) Tem dicas de festas/baladas e praias imperdíveis nesses lugares?

    Obrigada pela atenção a todos nós aqui.

    • Oi Ludmila, tudo bem?
      Achei 9 dias bem apertadinhos para ver todas essas cidades e ainda incluir Malta. Você só pretende passar um dia lá?
      Respondendo às suas perguntas:
      1) Sim, se quiser otimizar a sua viagem e não passar a maior parte do tempo fazendo baldeação e dependendo de ônibus/trem (e seus horários estranhos), alugue um carro.
      2) Sua sequência está ótima assim.
      3) Não sei te dar informações sobre Malta, mas não convém levar o carro. Não são todos os ferries que podem embarcar automóveis, além disso levar o veículo sai infinitamente mais caro. Fora que, em Malta, o trânsito é em mão inglesa. Você não acha que ficaria complicado dirigir assim com um carro cuja direção fica na esquerda?
      4) No verão não vão faltar baladas, principalmente em Catania, Palermo e Taormina! Ah, Giardini Naxos, que fica pertinho de Taormina, é famosa por suas discotecas ;). Daqui pra lá vou dar dicas do que fazer na night siciliana!
      Um abraço,
      Patricia

  43. Oi Patricia,
    Parabens pelo blog, bastante esclarecedor.
    Estamos indo à Sicilia no dia 18/12 ficaremos até 04/01, chegaremos por Roma e já pegaremos o carro no aeroporto, no dia seguinte iremos descendo em direção a Sicilia, minha dúvida é sobre o meio de transporte entre o continente e a ilha, como devemos proceder?
    Agradeço se puderes me ajudar com dicas.
    Abraços
    Luciane

  44. Olá Patricia,
    Adorei o seu blog, muito objetivo e esclarecedor. Estamos preparando uma viagem à Sicilia entre os dias 29 de outubro e 04 ou 05 de novembro próximo. Pensamos em ir de avião para Catânia e ficar em Taormina e de lá fazermos os passeios que você indica para Siracusa, Etna, Agrigento e o que mais o tempo (meteorológico) permitir. Minha dúvida é, por ser já baixa temporada, se os hotéis, restaurantes, atrações e excursões funcionam normalmente ou se encontraremos muitos locais fechados, como acontece nas outras regiões da Itália. E, se os passeios que você recomenda são indicados para crianças também, porque além de meu marido e eu, irão minha filha, meu genro e meus netos de 4 e 2 anos. Desde já, muito obrigada pelas informações e pela ajuda.
    Abraços,
    Rosangela

    • Oi Rosangela!
      Os hoteis e atrações das localidades que você citou funcionam normalmente. Os únicos lugares que “fecham” na baixa estação são as ilhas menores e hoteis das localidades exclusivamente de veraneio, o que não é o caso de Taormina, Agrigento, etc.
      Tudo que já escrevi no blog é indicado para crianças. Minha única dica é que, ao escolher que tipo de passeio fará no Etna, verifique com a agência se é apropriado para crianças, pois há vários níveis de dificuldade. Há passeios ótimos para pessoas de 1 a 100 anos e outros só indicados para quem tem bom preparo físico.
      No mais, tenho certeza que seus netos irão adorar. Você verá em todas as atrações turísticas famílias inteiras passeando com crianças.
      Um abraço,
      Patricia

      • Obrigada mais uma vez. Suas dicas são ótimas. Abraços,
        Rosangela

  45. Olá, Patrícia,
    Fiz reserva agora no Torre dei Tauri em Taormina, Estou verificando hospedagens nas outras cidades, Mais uma vez, muito obrigado,
    Abçs,
    Marcos

  46. Obrigado, Tereza,
    Valeu pelas dicas,
    Abçs,
    Marcos

  47. Me desculpe mas adoro dar palpites de viagem.
    Fui para Sicilia em maio e amei! O Hotel que vc quer ficar em Taormina e magnifico! Fui lá apenas para tomar uns drinks e ver o por do sol!
    Me hospedei no Hotel Taodomus, muito simples, bem central, super bem localizado e bem estiloso! Nada a comparar com o Hotel Carlota, mas quem quer algo mais simples recomendo! Excelente cafe da manha..
    Fiquei 7 dias em Taormina, de lá fomos minha amiga e eu para um passeio nas Ilhas Eólias e fomos também para Siracusa e Noto, ambas cidades imperdiveis!
    Boa viagem !

    • Tereza, suas dicas são sempre preciosas e muito bem vindas!
      Um abraço,
      Patricia

  48. Olá, Patrícia,
    Que bom que encontrei seu blog, estou com passagens compradas para Italia de 14 a 28 de janeiro de 2015 e com ideia de conhecer a Sicilia, mas sem roteiro definido. Penso em ficar 2 dias em Roma (15 a 17)e ir de avião pra Sicilia e já sei, por conta das dicas, que chego por Catania e voltarei por Palermo, fico um dia a mais em Roma e volto pro Rio. Gostaria de ficar pelo menos 4 dias em Taormina (17 a 21) e sem dúvida conhecer Agrigento (não sei se estou escrevendo certo os nomes das cidades), mas não defini mais nada, vc poderia me ajudar? Outra coisa pensei em ficar em Taormina no Hotel Villa Carlotta (muito bem recomendado), mas a diária é bem cara (peguei um apto, dois quartos e cozinha, pois vou com meu filho e minha esposa) e não sei se vale a pena pagar tanto, pois acho que não ficaremos muito no hotel, aguardo suas boas dicas e parabéns pelo excelente blog,
    Abçs,
    Marcos

    • Olá Marcos!
      Chegar por Catania e sair por Palermo é a melhor opção porque dá para otimizar bastante o tempo. Você ficaria na Sicilia cerca de 7 dias, certo?
      Já que deseja ficar pelo menos 4 dias em Taormina. sugiro que a use então como base para conhecer o leste da Sicília, mesmo sabendo que as distâncias não são tão pequenas assim. De lá você pode ir por conta própria ou adquirir uma excursão para Siracusa, para o Etna (que estará com neve)/Catania e nos outros dois dias curte um pouco de Taormina.
      De lá você pega a estrada para Agrigento, passa 1 dia lá e depois prossegue para Palermo.
      Observe, considerando que será inverno, seu foco terá que ser nas cidades e sítios arqueológicos. Ah, uma cidade que recomendo, mas não sei se você terá tempo, é Erice, lá no oeste da Sicília, que no Natal fica uma gracinha.
      Em relação ao Hotel Villa Carlotta, acho que eles fizeram um grande investimento em propaganda no Brasil. Todos os meus leitores dizem se hospedar lá, é impressionante! rsrs
      Realmente, considerando que você vai usar o hotel só para dormir, acaba sendo um disperdício. Por que não procura outros hoteis com melhor custo-beneficio?
      Um abraço,
      Patricia

      • Olá, Patrícia,
        Muito legal suas dicas, obrigado mesmo. Também agradeço a Tereza. Vou repensar o Hotel, vi um bem legal, mas esqueci o nome, parece uma construção moura e é bem mais em conta. Pensei em ir direto a Palermo e de lá ir pra Agrigento, mas vou seguir sua dica, é claro! Vou fazer reserva de 1 dia e passar primeiro por lá. Outra ajuda, por favor: quantas horas levo de Taormina até Agrigento? Mas vc disse pra passar por Siracusa, não sei se é legal ir direto ou devo parar em algum lugar e depois seguir pra Agrigento? Estou pensando em alugar um carro em Taormina, mas as estradas nessa época do ano (janeiro) ficam tranquilas, são seguras?
        Abçs,
        Marcos

  49. […] O outono é uma estação de temperaturas muito agradáveis, perfeito para visitar os centros históricos, burgos e sitíos arqueológicos. A Sicília é um lugar que pode ser visitado em todas as quatro estações! […]

  50. Oi Patrícia!
    Estava decidida a passar entre os dias 20/12/14 e 10 de janeiro /15 no Sul da Itália,Incluindo Costa Amalfi , indo até Sicília e Sardenha, mas as pessoas estão me desaconselhando muito e desanimei. Estão dizendo que o vento e a chuva vão estragar meu passeio.. Infelizmente meus filhos não podem viajar em outra época. A pergunta é : devo arriscar ou mudo o roteiro ?
    Obrigada e parabéns pelo Blog! Denise

    • Oi Denise, quem te deu essa informação mora aqui? Olha, já passei 7 Natais na Sicília e em nenhum deles choveu! Se tem uma coisa que é certa, é que o clima do sul da Itália nada tem a ver com o norte do país. É claro que alguns dias podem ser chuvosos, mas até no nordeste do Brasil em pleno verão isso pode acontecer.

      O lado negativo de você conhecer as ilhas (vale para a Sicília e Sardenha) neste período é que você não vai poder desfrutar das localidades litorâneas. No caso da Sicília você teria que planejar sua viagem focando nas cidades, monumentos e sítios arqueológicos. Se você não faz questão de praia, então não desanima não!

      Um abraço,

      Patricia

  51. Olá Ricardo,
    Acho que o roteiro esta perfeito!
    Acrescentaria no passeio a Siracusa/Ortigia também Noto ( achei fantástica) As ilhas Eólias sao muito belas mas dependera do tempo(sol ou chuva) Vcs verao lá !
    Uma boa viagem!

    • Oi Tereza!
      Obrigada por ter dado dicas a Ricardo! Eu estava totalmente offline nos últimos dias!

      Um abraço,

      Patricia

  52. Oi Patricia, boa tarde! Ótimo blog. Estarei pela 1a vez com minha esposa entre os dias 10 e 17 de setembro (8 noites). Uma semana apenas…mas estamos super animados!! A princípio, pensamos em em ficar apenas na costa leste, entre Siracusa, Catania, Taormina…e se der tempo fazer uma bate volta de 1 dia nas Eólias (não queremos muita correria). Nossa principal dúvida é se a região costeira de Castelamari del Golfo e San Vito Lo Capo (+ Palermo) é MAIS IMPERDÌVEL do que a costa leste que comentei??? Como Taormina é estada obrigatória, será que vale a pena trocar algum local que mencionei (Catania? Eólias? Siracusa?) para incluir 2 ou 3 noites entre Castelamari/San Vito e Palermo? Estaremos de carro o tempo todo. Chegamos e saímos por catania (avião). Consegues me enviar sua opinião ainda hoje!! Estamos ansiosos pra fechar os hoteis neste final de semana..rsrs. MUITO OBRIGADO, Ricardo.

    • Olá Ricardo,
      Sei que a pergunta foi para Patricia, mas desculpe nao me contive. Fiz uma parte da Sicilia no mês de maio 2014 e amei! Nao fui a região costeira de Castelamari nem a San Vito lo Capo. Cheguei por Palermo e fiquei por lá uns 3 dias, fui a Monreale e Mondello ( gostei muito) de lá fomos para Taormina , que e o maior charme da Sicilia. Ficamos lá uns 6 dias e amei tudo. Ficamos no Hotel Taodomus, bem central e gostamos muito. De Taormina fizemos um bate e volta as ilhas eólias (um dia inteiro) Stromboli e Panarea e fizemos também um bate e volta a Siracusa e Noto( achamos imperdiveis). Nao gostamos nada de Catania, completamente desnecessário, fomos apenas para passar um dia dormir pois sairíamos do aeroporto de lá para Roma. E completamente desnecessário pois existem onibus direto para o aeroporto a partir de Taormina. E o mais aconselhável ….no resto uma boa viagem e aproveitem bastante pois vale muito a pena essa viagem!

      • Oi Teresa, obrigado pelas dicas. Estamos 99% decididos à ficar as 3 primeiras noites em Palermo (sendo que 1 dia seria dedicado à região de San Vito e Castellamare). Depois pensamos em 1 noite em Siracusa/Ortigia e as ultimas 3 noites em Taormina (com a possibilidade de fazer um bate-volta de 1 dia nas Eólias e tbém conhecer pequenos vilarejos no entorno, como Castelmola, e as praias de Isola Bella e Letojanni). Parece uma boa?? Obrigado, Ricardo #partiusicilia 🙂

        • Oi Ricardo,
          Respondi ao outro comentário, sem ter visto este antes :D. Seu roteiro dividido desta maneira está ótimo. Eu tinha indicado o sul da Sicília, mas percebi que você prefere focar sua viagem nas praias, e faz bem!
          Tereza deu ótimas dicas e eu também aconselho um passeio a Noto.
          Um abraço,
          Patricia

    • Olá Ricardo,

      Desculpe não ter respondido antes, mas eu tinha viajado e com pouco acesso à Internet.

      Na minha opinião o litoral noroeste da Sicília não é mais imperdível do que Taormina e Siracusa. É tão lindo quanto! Castellamare del Golfo e San Vito Lo Capo são lugares maravilhosos em termos de natureza, mas no seu caso, que não quer uma viagem corrida, realmente não sei se vale a pena um passeio até lá. Você teria que estar disposto a encarar algumas horas na estrada.

      Se seu vôo de ida ou volta fosse por Palermo, você poderia otimizar o tempo e aí ficaria melhor. Poderia conhecer a própria Palermo e não seria necessário passar muito tempo na estrada tendo que voltar para Catânia. Leve em consideração que, de Catânia a Castellamare são bem 3h30 de viagem!

      Voltando à questão da costa leste, por aqui além das praias você pode visitar as cidades barrocas, conhecer um pouco da Sicília grega, fazer um passeio de um dia ao Etna, e quem sabe ainda esticar até Agrigento, para conhecer o Vale dos Templos e Scala dei Turchi!

      Se tiver mais dúvidas é só perguntar!

      Um abraço,

      Patricia

  53. E sempre um prazer compartilhar experiências de viagem, especialmente em seu blog, que muito me ajudou a montar meu roteiro! Abraços

  54. Já voltei de viagem cuja programação postei em seu site!
    Amei a Sicilia, tudo que planejei foi perfeito!
    Fui no mês de maio e o clima estava bastante agradável!
    Cheguei pelo aeroporto de Palermo ( 3 dias) e parti pelo aeroporto de Catania! Acho que foi a melhor coisa pois Taormina e o must! Fiquei por lá uns 7 dias e fiz uns bate e volta! Ilhas eólias ate Strombolli, um dia inteiro excursao saindo de Taormima e outra excursao para Siracusa e Noto tb saindo de Taormina um dia inteiro! Perfeito….a única coisa que mudaria seria nao ir a Catania (bastante decadente) pois tem onibus que sai de Taormina expresso direto para o aeroporto sem passar na cidade

    • Oi Tereza,

      Que bom que deu tudo certo! Obrigada por ter vindo aqui no blog contar como foi a viagem, assim pode ajudar outras pessoas que têm dúvidas sobre itinerários.
      Eu sempre aconselho aos meus leitores chegar por um aeroporto e sair por outro, coisa que você acabou de confirmar. Assim dá para aproveitar mais cidades, não é?
      Um abraço,
      Patricia

  55. Ola Patricia!!
    Puxa como é bom ter acesso a informações como essas que vc deu para as pessoas.
    Comecei a olhar hj, pois resolvemos a data que vamos viajar.
    Sairemos de SP no dia 22 de outubro e queríamos voar direto SP/Roma/algum lugar na Sicilia, pegar um carro e conhecer o local.
    Qual cidade é melhor para iniciamos a viagem?
    Que roteiro vc acha melhor para os 8 dias que temos?
    Muito obrigada desde já e tenha certeza de que fez a melhor escolha em mudar deste pais.. ta uma droga

    M.Clara Jau SP

    • Oi Clara, bom saber que o blog está sendo útil. Era esse meu objetivo! 🙂

      A minha sugestão é que você chegue por um aeroporto e saia por outro (Catânia ou Palermo), assim fica mais fácil conhecer um maior número de cidades. Por exemplo, chegando por Catânia você pode conhecer o Etna, Taormina e Siracusa, depois prosseguir para Agrigento, conhecer o Vale dos Templos, então ir à Palermo.

      Você monta seu roteiro de acordo com as cidades que mais lhe interessam. A Sicília é imensa e em oito dias não dá para ver tudo, mas otimizando o tempo é possível ver bastante coisa.

      Um abraço!

      Patricia
      Ps: A vida aqui na Sicília não é fácil não rsrs. Infelizmente falta emprego, infraestrutura, mas o amor me trouxe para cá e agora é a minha casa!

  56. Ola, Patricia! Vou chegar na Sicília a partir de Nápoles em 05 Janeiro de 2015, qual a melhor forma de chegar? Ficaremos 4 dias, pode me sugerir passeios? Li no seu blog que pode não fazer tanto frio nessa epoca, ne?
    Obrigada e Parabéns pelo blog!!!
    Bj

    • Oi Viviane, tudo bem?
      A melhor forma de vir de Nápoles para cá é de avião, principalmente no seu caso que vai ficar poucos dias. Se você estiver de carro, pode vir de navio, mas a viagem dura cerca de 12h.
      Você tem ideia de qual parte da Sicília quer conhecer? Só posso sugerir os passeios depois que souber por qual aeroporto você chega na Sicília, Catania ou Palermo.
      Como você vem no inverno, melhor focar sua viagem na visita das cidades e parques arqueológicos, porque obviamente ninguém vai para a praia em janeiro rsrs.
      Certamente faz menos frio do que no norte da Itália, mas o inverno aqui é uma caixinha de surpresas. Em alguns anos o inverno é bem ameno e quase inexistente, em outros pode acontecer de fazer um pouco mais de frio. Depende do ano! A temperatura pode variar entre 8 e 15 graus. Uma coisa é certa, neve você só vai ver no Etna!
      Um abraço,
      Patricia

  57. Gostaria que me ajudasse nesse roteiro.
    Esta muito corrido?
    Agradeço maiores informações

    Dia 11 de maio -Chegada em Roma as 17.50 hrs
     Hospedagem: Trevispagna Charme B&B   diária : 365 E (2 diárias)
    Dia 12 – Roma dia livre 
    Dia 13  de maio Roma/Nápoles trem Rail Europr Roma Termini  horario 9.20 hrs chegada 10.28 direto, preço 19 E , pegar outro trem para Sorrento –
    Dia 13- tarde livre em Sorrento
    Dia 14- Ida Sorrento /Positano pela manha de barco 
    Dia 14  dia livre em Positano pernoitar  Hospedagem: Villa Maria Antonietta 100 E
    Dia 15 Positano/Amalfi /Ravello
    Dia 15Pernoite em Ravello Hospedagem: Casa Dei Nono 110 E
    Dia 16 retorno a Sorrento e pernoite
    Dia 17-Sorrento/Capri/Sorrento
    Dia 18Sorrento /Napoles/Palermo -transfert ate o aeroporto
    Dia 18 – Palermo chegada e pernoite Hospedagem Mercure Palermo Centro 345 E(3d)
    Dia 19- Palermo
    Dia 20 -Palermo/Agrigento/Palermo
    Dia 21 -Palermo/Taormina 4 horas trem  Hospedagem: hotel Taodomus 995 E(5d)
    Dia 21,22 -Dias livres Taormina
    Dia 23  -passeio ilhas Eolias
    Dia 24 -Taormina
    Dia 25 -Taormina/ Siracusa/Taormina 
    Dia 26 Taormina/Catania 40 km   Hospedagem: Suite Inn Catania 69E
    Dia 27 -Catania /Roma
    Dia 28 -Roma dia livre hotel
    Dia 29 -Roma/ Brasil 

    • Olá Teresa,

      Só posso te ajudar em relação ao percurso que você fará na Sicília, ok? Na minha opinião está muito bem planejado, a única coisa que eu incluiria é um passeio ao vulcão Etna em um desses dias que você estará em Taormina. Sendo bem pequena, Taormina pode ser vista em um dia e nos outros você pode aproveitar para fazer passeios nas localidades próximas ou para curtir a praia (se o tempo ajudar).
      Fique à vontade para fazer mais perguntas.

      Um abraço,

      Patricia

      • Obrigada pela ajuda! De Taormina estava pensando em lazer as ilhas eolias, especialmente Stromboli. Pensei em fazer o Etna de Catania. O trajeto Palermo/Taormina pensei em fazer de trem, assim como o trajeto Taormina/ Catania. Pensei tb ir a Siracusa de ônibus ? O que vc acha?
        Obrigaa desde já pela atenção

  58. Oi, Patrícia!
    Estou indo para Sicília agora na segunda semana de Maio.
    Vc acha que vou conseguir pegar praia ou o sol não estará tão forte assim?
    Obrigada!

    • Oi Juliana! Sol provavelmente voce vai conseguir tomar. Agora, entrar na água… vai depender da sua coragem! O mar ainda está muito gelado porque não fez calor suficiente para conseguir esquentar a água 😉
      Um abraço,
      Patricia

      • Obrigada!!!

  59. Eu também prefiro a Sicília na primavera: é uma delícia passear com a temperatura agradável e quem sabe tomar o primeiro solzinho do ano…
    E o tal do “scirocco”? Nossa, teve um verão que eu até desmaiei de tanto calor com esse vento quente que vem da África e parece um secador de cabelos ligado, tanto de dia como à noite.
    O etna com neve deve ser muito bonito, ainda não tive esse prazer.
    Um beijo e até mais,
    Barbara

    • Muitas vezes os dias são tão quentes, que é praticamente impossível sair da água! Nos dias de scirocco a cidade onde eu vivo parece abandonada: todo mundo trancado dentro de casa com o ar ligado, É o único jeito!
      Baci,
      Patricia

Comente!